Lista de precatórios pagos em 2022: saiba como consultar

Dívidas da União correspondem a processos com ordem de pagamento expedida entre 2 de julho de 2020 e 1º de julho de 2021

A lista de precatórios pagos em 2022 foi divulgada pela Comissão Mista de Orçamento (CMO) no mês de outubro. Para consultá-los é preciso ter o número do processo em mãos. Veja abaixo o passo a passo, além de entender como ficam os débitos com a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que tramita no Senado.  

O que são os precatórios? 

Precatórios são valores que o governo deve para pessoas físicas, jurídicas e municípios, e que não têm mais possibilidade de recurso da União. É o caso, por exemplo, de dívidas da previdência ou trabalhistas. 

Neste mês, o assunto está nos holofotes devido às discussões em torno da PEC dos Precatórios, apresentada pelo governo federal como maneira de alívio fiscal. A proposta altera formas de quitar as dívidas para liberar espaço no Orçamento 2022 e, assim, viabilizar a implementação do Auxílio Brasil, substituto do Bolsa Família. 

A proposta foi aprovada em segundo turno pela Câmara na última semana e agora segue para o Senado Federal. 

Como consultar a lista de precatórios pagos em 2022?

A lista de precatórios pagos em 2022 pode ser acessada pela internet. Os valores válidos para o ano que vem correspondem a processos que tiveram a ordem de pagamento emitida entre 2 de julho de 2020 e 1º de julho deste ano. Segundo a lei, os pagamentos podem ser feitos até o dia 31 de dezembro de 2022, mas há possibilidade de serem liberados já no 1º trimeste do ano. 

Aprenda a acessar a lista de precatórios pagos em 2022:

  1. Entre no site da CMO, e selecione a opção LOA 2022 Precatórios;
  2. Na lista, selecione o tribunal responsável pela sentença (como o TJ-SP, por exemplo);
  3. Aplique o comando “control + f” e cole o número do processo. Caso estiver na página, você será redirecionado automaticamente. 

Se não tiver o número do precatório em mãos, você pode solicitá-lo ao advogado, buscar diretamente no processo ou à vara de Justiça. 

Como será o pagamento?

Mesmo que ainda em tramitação no Senado, a PEC dos Precatórios estabelece mudanças nos modelos de pagamento das dívidas – elas não alteram a lista de precatórios pagos em 2022. Veja: 

Precatórios até R$ 66 mil: pagos integralmente, sem parcelamento – segundo o governo, isso é uma garantia para que pessoas mais vulneráveis sejam preservadas.

Superprecatórios, valores acima de R$ 66 milhões: entrada de 15%; restante será parcelado em 9 vezes.

Precatórios entre R$ 66 mil e R$ 66 milhões: passam por regra transitória até 2029, em que o governo vai direcionar 2,6% da Receita Corrente Líquida para o débito.

Veja também:

Não vai ter mais Auxílio Emergencial em 2021, e agora?

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes