Investidores Anjo aportam quase um bilhão de reais em startups em 2017

Total investido representa uma alta de 16% em relação a 2016. Atualmente, o Brasil conta com um total de 7.615 investidores anjo.

O volume de recursos aportados por investidores anjo no Brasil em 2017 foi de R$ 984 milhões, uma alta de16% em relação a 2016. O número pertence a uma pesquisa divulgada hoje (22) durante o Congresso de Investimento Anjo realizado pela Anjos do Brasil, organização de fomento ao investimento anjo. Por nota, a Anjos do Brasil explica que o motivo do acentuado crescimento no último ano deve-se, também, à Lei Complementar 155/2016, que trouxe maior segurança jurídica para os investidores. A queda da taxa de juros também foi outro fator que incentivou o crescimento do número de investidores anjo.

Investimento anjoInvestimento anjo no Brasil

Atualmente, de acordo com a organização, o Brasil conta com um total de 7.615 investidores anjo, dos quais apenas 10,1% são mulheres. O volume anual médio por investidor também cresceu, alcançando a marca de R$ 129mil. Este valor (US$ 32.428) não está muito aquém dos dados estadunidenses e europeus: US$82mil e US$ 25mil, respectivamente. Apesar do crescimento, quando levada em consideração a Relação do PIB brasileiro e do Estados Unidos, em 10% e que lá se investiu US$ 23,9 bilhões em 2017, o Brasil deveria ter 9,5 vezes o volume atual de investimento anjo, ou seja, aproximadamente R$ 9,4 bilhões por ano. Entretanto, para que isto ocorra, é necessária a criação de políticas de estímulo para o investimento em startups, como já aplicadas pelo Reino Unida, França, Portugal e mais recentemente a Argentina e África do Sul.

“Sem estímulos, temos risco de estagnar o crescimento do investimento anjo em startups no Brasil, lembrando que quando comparamos com os EUA e a Europa ainda representamos menos de 2% do que já se faz por lá”, afirmou, em nota, o presidente da Anjos do Brasil, Cassio Spina. A respeito dos dados apresentados pela pesquisa deste ano, Spina analisa que apenas alguns ajustes, como a vigência da Lei 155, já trouxeram resultados. É um momento no qual temos uma oportunidade única de crescimento, se conseguirmos adotar as políticas necessárias, como aconteceu no Reino Unido e na França , finaliza.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes