Eliminatórias Copa do Mundo Feminina: veja tabela e como funciona

Seleções do velho continente disputam as 11 vagas diretas da UEFA para o Mundial de 2023.

A menos de dois anos para a próxima edição da Copa do Mundo de futebol feminino, a disputa por uma vaga na competição segue agitada. Na Europa, 11 seleções participam do Mundial e, para definir as representantes do velho continente, as equipes participam das Eliminatórias para a Copa do Mundo Feminina.

Como funciona as eliminatórias para a Copa do Mundo feminina?

A UEFA dividiu nas Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de futebol feminino 51 seleções em nove grupos. São três chaves com cinco equipes, enquanto o restante possui seis times cada. Ao longo do torneio, cada seleção enfrenta seus rivais de grupo duas vezes, uma partida em casa e outra fora.

Ao término da fase de grupos, o primeiro colocado de cada uma das nove chaves garante-se na próxima edição do Mundial. Por outro lado, as nove segundas colocadas disputam um playoff em busca das duas vagas restantes, além de uma vaga na repescagem continental.

Veja abaixo a tabela de classificação do torneio

Cada seleção nas eliminatórias europeia para a Copa do Mundo feminina enfrenta seus adversários de mesmo grupo duas vezes, com confrontos de ida e volta. Confira como a UEFA dividiu cada uma das chaves e como está a classificação:

Grupo A

  1. Suécia – 9 pontos
  2. Finlândia – 6 pontos
  3. Irlanda – 0 pontos
  4. Eslováquia – 0 pontos
  5. Geórgia – 0 pontos

Grupo B

  1. Escócia – 9 pontos
  2. Espanha – 6 pontos
  3. Ucrânia – 3 pontos
  4. Hungria – 0 pontos
  5. Ilhas Faroé – 0 pontos

Grupo C

  1. Holanda – 7 pontos
  2. República Tcheca – 4 pontos
  3. Bielorússia – 3 pontos
  4. Islândia – 3 pontos
  5. Chipre – 0 pontos

Grupo D

  1. Inglaterra – 9 pontos
  2. Áustria – 9 pontos
  3. Irlanda do Norte – 6 pontos
  4. Macedônia – 3 pontos
  5. Letônia – 0 pontos
  6. Luxemburgo – 0 pontos

Grupo E

  1. Dinamarca – 9 pontos
  2. Rússia – 9 pontos
  3. Montenegro – 6 pontos
  4. Bósnia – 1 pontos
  5. Malta – 1 pontos
  6. Azerbaijão – 1 ponto

Grupo F

  1. Bélgica – 7 pontos
  2. Noruega – 7 pontos
  3. Polônia – 5 pontos
  4. Albânia – 4 pontos
  5. Kosovo – 1 ponto
  6. Armênia – 0 ponto

Grupo G

  1. Suíça – 9 pontos
  2. Itália – 9 pontos
  3. Romênia – 6 pontos
  4. Lituânia – 0 pontos
  5. Moldávia – 0 pontos
  6. Croácia – 0 pontos

Grupo H

  1. Alemanha – 9 pontos
  2. Portugal – 7 pontos
  3. Turquia – 4 pontos
  4. Sérvia – 0 pontos
  5. Israel – 0 pontos
  6. Bulgária – 0 pontos

Grupo I

  1. França – 9 pontos
  2. Gales – 7 pontos
  3. Grécia – 6 pontos
  4. Eslovênia – 4 pontos
  5. Cazaquistão – 0 pontos
  6. Estônia – 0 ponto

Copa do Mundo 2023: onde e quando será realizada?

A Copa do Mundo de 2023 já possui data e locais definidos. O Mundial de futebol feminino será realizado em conjunto entre os países da Austrália e Nova Zelândia, pela primeira vez na modalidade. A competição está prevista para acontecer entre os dias 20 de julho e 20 de agosto.

Serão 32 seleções participantes da competição, sendo cinco vagas para a AFC + o país-sede (Austrália), uma vaga a OFC + o país-sede (Nova Zelândia), 11 vagas para a UEFA, quatro vagas para a Concacaf, quatro para a CAF, três para a Conmebol e duas dos playoffs.

Qual as maiores campeãs da Copa do Mundo Feminina?

A Copa do Mundo de futebol feminino realizou até então apenas oito edições. Dessas, as norte-americanas ganharam quatro, enquanto as alemães venceram duas e as japonesas e norueguesas uma cada.

O Brasil, por outro lado, não possui nenhum título no Mundial feminino. No entanto, a seleção chegou à final em 2007 na China, mas perdeu na decisão para a Alemanha, por 2 a 0.

  1. Estados Unidos – 4 títulos
  2. Alemanha – 2 títulos
  3. Noruega e Japão – 1 título cada
Você pode gostar também
buy cialis online