Ucrânia x Irlanda: onde assistir, horário e escalação hoje (14/06)

Seleções disputam a liderança do grupo na Liga B da competição

A seleção da Ucrânia volta a jogar nesta terça-feira, 14 de junho, pela quarta rodada da Liga das Nações. O novo desafio é contra a Irlanda, no grupo um da liga B, a partir das 15h45 (horário de Brasília), no Estádio LKS, na cidade polonesa de Lodz. Para saber onde assistir o jogo da Ucrânia x Irlanda hoje, confira no texto a seguir.

Onde assistir o jogo da Ucrânia x Irlanda hoje ao vivo?

O jogo da Ucrânia x Irlanda hoje será transmitido no Star +. Sem transmissão na TV, o serviço de streaming da Disney é o responsável por exibir as emoções do confronto da Liga das Nações. Se você não quer perder nenhum lance, deve sintonizar pelo aplicativo para curtir os lances.

A plataforma pode ser assistida através do celular, tablet, computador e na smart TV.

Informações do jogo da Ucrânia e Irlanda hoje ao vivo:
Data: 14/06/2022
Horário: 15h45 (Horário de Brasília)
Local: Estádio LKS, na cidade de Lodz, Polônia
Arbitragem: Ali Palabıyık
Onde assistir: Star +

Notícias Ucrânia e Irlanda

Mesmo depois de perder a vaga na Copa do Mundo, a Ucrânia não se deixou abalar e veio para disputar a Liga das Nações com toda a confiança necessária. Ocupando a liderança do grupo um, dentro da Liga B do torneio, o elenco amarelo tem duas vitórias, mas uma partida a menos.

Do outro lado, a Irlanda vem logo atrás na segunda posição com 3 pontos, ou seja, venceu uma partida, contra a Escócia, mas perdeu outras duas diante da Armênia e a Ucrânia, na segunda rodada. Por isso, se vencer o confronto desta terça, tem a oportunidade de assumir a liderança.

 

Escalações do jogo de hoje na Liga das Nações:

Escalação da Ucrânia: Pyatov; Karavaev, Zabarnyi, Matvienko, Zinchenko; Sydorchuk, Shaparenko, Malinovskiy, Tsygankov; Mudryk e Yaremchuk. Técnico: Oleksandr Petrakov

Escalação da Irlanda: Kelleher; Collins, Duffy, Egan; Cullen, Molumby, Knight, McClean, Browne; Obafemi e Parrott. Técnico: Stephen Kenny

A 1
Reprodução / uefa oficial
Você pode gostar também