Telefonia: Lucro da Portugal Telecom cai 40 % no 2 ° trimestre

São Paulo – A Portugal Telecom afirmou que seu lucro líquido caiu 40% no segundo trimestre, afetado pelo aumento dos custos, apesar do crescimento da receita.O lucro da companhia recuou para 98,1 milhões de euros no segundo trimestre, de 164,2 milhões de euros no mesmo período do ano passado. Os analistas tinham previsto um lucro líquido de 106 milhões de euros.Essa é a primeira vez que a PT consolida o lucro do grupo de telecomunicações brasileiro Oi (ex-Telemar) e da empresa de atendimentos Contax, do qual a companhia portuguesa comprou uma fatia de 25,3% no início deste ano. Sem esse efeito as receitas da PT teriam diminuído 5,3%. O lucro foi ajustado para refletir a venda da participação na Vivo à Telefónica no ano passado.A receita da Portugal Telecom totalizou 1,80 bilhão de euros no segundo trimestre, acima dos 933,5 milhões de euros no mesmo período do ano passado, enquanto os custos aumentaram para 1,16 bilhão de euros, de 563,3 milhões de euros.A margem Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) aumentou para 642,4 milhões de euros, de 370,3 milhões de euros no mesmo período do ano passado.A PT explica a queda das receitas nos negócios nacionais com vários impactos, alinhados por ordem decrescente: menores vendas de equipamentos; diminuição das tarifas móveis de interligação; menores receitas do negócio de listas telefônicas; menores receitas no negócio de dados e soluções empresariais.

São Paulo – A Portugal Telecom afirmou que seu lucro líquido caiu 40% no segundo trimestre, afetado pelo aumento dos custos, apesar do crescimento da receita.O lucro da companhia de telefonia recuou para 98,1 milhões de euros no segundo trimestre, de 164,2 milhões de euros no mesmo período do ano passado. Os analistas tinham previsto um lucro líquido de 106 milhões de euros.

Essa é a primeira vez que a PT consolida o lucro do grupo de telecomunicações brasileiro Oi (ex-Telemar) e da empresa de atendimentos Contax, do qual a companhia portuguesa comprou uma fatia de 25,3% no início deste ano. Sem esse efeito as receitas da PT teriam diminuído 5,3%. O lucro foi ajustado para refletir a venda da participação na Vivo à Telefónica no ano passado.

Leia também

Compras por impulso: como reconhecer sinais e buscar ajuda

Programa jovem aprendiz: confira as regras e idade mínima

A receita da Portugal Telecom totalizou 1,80 bilhão de euros no segundo trimestre, acima dos 933,5 milhões de euros no mesmo período do ano passado, enquanto os custos aumentaram para 1,16 bilhão de euros, de 563,3 milhões de euros.

A margem Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) aumentou para 642,4 milhões de euros, de 370,3 milhões de euros no mesmo período do ano passado.

A PT explica a queda das receitas nos negócios nacionais com vários impactos, alinhados por ordem decrescente: menores vendas de equipamentos; diminuição das tarifas móveis de interligação; menores receitas do negócio de listas de telefonia; menores receitas no negócio de dados e soluções empresariais.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes