Elon Musk quer popularizar a Tesla com carros elétricos mais acessíveis

Insatisfeito com o alto preço dos produtos, o sugeriu aos investidores que a marca pensa em lançar, futuramente, um modelo elétrico mais compacto e popular. A notícia agrada os apaixonados por carros e tecnologia.

Os entusiastas dos carros elétricos podem comemorar: Elon Musk quer popularizar a Tesla. Foi o que ele indicou aos investidores, durante conferência.

Na última quarta-feira (22), a empresa automotiva apresentou seus ganhos trimestrais positivos. Além de surpreender os analistas de Wall Street, os planos do fundador Elon Musk são ainda mais ambiciosos.

Isso porque ele teme que a empresa não está crescendo rápido o suficiente. Segundo informações da Bloomberg, o preço elevado dos veículos elétricos da Tesla é um dos impeditivos. Assim, para contornar a questão, Elon Musk demonstrou interesse em lançar, futuramente, um modelo modelo compacto e mais popular.

“O que mais me incomoda é que nossos carros não são acessíveis o suficiente e precisamos consertar isso”, disse Musk. “Queremos ser um pouco lucrativos, maximizar o crescimento e tornar os carros o mais acessível possível”, finalizou ele, dirigindo-se aos analistas.

 

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

carros elétricos mais acessiveis elon musk
Aly Song/Reuters

 

Hoje, o carro elétrico mais barato da Tesla é o Model 3, que  custa a partir de US$ 37,9 mil nos EUA. Em reais, esse valor seria equivalente a R$ 197,163 na cotação atual, desconsiderando os impostos. Ainda que o valor do modelo básico tenha sofrido redução, a cifra é salgada.

Quando questionado sobre um modelo mais popular, Musk respondeu: “seria razoável supor que faríamos um veículo compacto”.

Além da boa notícia para os apaixonados por carros,  Elon Musk também fez avanços na corrida espacial. O primeiro vôo da Starship, o protótipo SN5, pode acontecer ainda nessa semana.

 

Tesla registra resultados positivos e Elon Musk quer popularizar os carros elétricos no futuro

elon musk quer popularizar

 

Com balanço positivo e surpreendendo até mesmo os analistas mais céticos, as ações da Tesla quadruplicaram desde março.

Embora a especulação de que os papéis poderiam ser adicionados ao índice S&P 500 tenha impulsionado essa alta, é fato que a empresa vem entregando resultado além do esperado.

Recentemente, Musk anunciou a construção da segunda fábrica da Tesla nos EUA, perto de Austin, no Texas. Enquanto acelera a produção, ele alerta para a produção limitada do níquel, que ainda é um obstáculo para o crescimento da empresa.

“Por favor, produzam mais níquel. A Tesla lhes dará um contrato gigante por um longo período se vocês produzirem níquel de maneira eficiente e ambientalmente correta”, pediu Musk em teleconferência com os investidores e analistas na última semana.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes