Eleições 2020: saiba como baixar e usar o aplicativo e-título

A ferramenta disponibilizada pela Justiça Eleitoral oferece várias vantagens para o eleitor, que pode resolver pendências sem precisar sair de casa.

Eleições 2020: A Justiça Eleitoral, desde 2018, disponibiliza uma ferramenta para os eleitores, o e-título. Entre várias funções, o aplicativo é um título de eleitor digital, que pode substituir a cédula e facilitar a vida dos cidadãos em épocas eleitorais e até mesmo fora delas. Por isso, confira como baixar e usar o e-título.

Eleições 2020: O que é o e-titulo?

E-título é uma ferramenta, disponibilizada pela Justiça Eleitoral, que serve como um título de eleitor digital. O aplicativo substitui a cédula na hora de votar. Além disso, a ferramenta contém todos os dados pessoais e eleitorais do eleitor, por isso, tem funções relevantes, como justificar o voto em caso de ausência. Ademais, para quem já fez o cadastro da biometria, o aplicativo vem com a foto, podendo ser usado com um documento original digital. Confira outras vantagens de se obter o aplicativo.

Como baixar?

É possível baixar o apliticativo de forma simples, ele está disponível para sistemas Android e IOS, confira o passo a passo de como baixar e cadastrar:

  1. Baixe o aplicativo pela Google Play, clicando aqui;
  2. Ou baixe o aplicativo pela Apple Store, clicando aqui;
  3. Em seguida, preencha as informações solicitados: número do seu título de eleitor ou o CPF; nome completo; os nomes do pai e mãe completos; e a data de nascimento;
  4. Logo após, crie uma senha de acesso;
  5. Dentro do app, as funções estão bem fáceis de serem localizadas e executadas, em caso de problemas técnicos ou outras dificuldades,  entre em contato com a ouvidoria do TSE.

Funções do e-título

A ferramenta disponibiliza várias funções e vantagens para os eleitores. Por ele, o cidadão pode conferir sua situação eleitoral, fazer justificativa de voto, checar local de votação. É possível se cadastrar como mesário voluntário pelo e-título, consultar débitos com a Justiça e emitir guias de pagamentos.

Além disso, caso você tenha feito a biometria, o aplicativo vem com sua foto, por isso, você não precisa levar mais nenhum documento na hora de votar, apenas o e-título. Pois ele contém todos os seus dados pessoais e eleitorais.

Eleições 2020: foto mostra aplicativo e-título
Foto: google/reprodução

Justificar voto por ele?

Caso você não possa comparecer no dia do pleito, existe uma maneira simples e rápida de justificar seu voto nas eleições 2020, basta usar a função do e-título. Após fazer o cadastro no aplicativo, siga esses passos:

  1. Vá em “mais opções”;
  2. Clique em “justificativa de ausência”;
  3. Preencha com seus dados e o motivo da ausência e envie o requerimento.

Vale lembrar ainda que o eleitor tem até 60 dias para justificar o voto, após o dia da votação. Também que é necessário fazer uma justificativa separada para cada turno que o cidadão se ausentar. Nas eleições 2020, o primeiro turno será no dia 15 de novembro e o segundo turno é previsto para o dia 19 de novembro.

O que acontece com o eleitor que não justificar o voto nas eleições 2020?

Se o eleitor não justificar, ele não fica com a situação eleitoral regularizada, nesse caso, uma multa é cobrada. O valor é de R$3,51, por cada turno ausente. Caso o cidadão não justifique ou não pague a multa, sua situação não fica regularizada com a justiça eleitoral.

Além disso, caso o eleitor não pague a multa, ele não fica em dia com a Justiça Eleitoral e sofre algumas consequências. Por exemplo, fica impedido de tirar passaporte ou carteira de identidade, se inscrever em concursos públicos, renovar matrícula em lugares fiscalizados pelo governo e outras.

Datas das eleições 2020

O primeiro turno das eleições 2020 acontece no dia 15 de novembro e o segundo turno, nos municípios que tiverem, no dia 29 do mesmo mês. O horário de votação foi estendido por conta da pandemia do coronavírius. Agora, ele será das 7h até às 17h. Mas o intervalo entre 7h e 10h será destinado para pessoas com mais de 60 anos, por fazerem parte do grupo de risco.

Você pode gostar também