Eleições 2020: Sebastião Melo do DEM é eleito em Porto Alegre

A vitória do candidato foi confirmada no inicio da noite de domingo (29), no segundo turno eleitoral.

Eleições 2020: o resultado das eleições em Porto Alegre saiu no começo da noite e confirmou a eleição de Sebastião Melo (MDB). Com cerca de 54% dos votos, ele derrotou a candidata opositora Manuela D’ávila. Segundo a última pesquisa do Ibope, Manuela estaria na frente de Melo. Contudo, o resultado do segundo turno confirmou a vitória do candidato do DEM, 9 pontos percentuais na frente de sua concorrente.

Sebastiao Melo – Eleições 2020

O recém eleito prefeito de Porto Alegre nasceu na cidade de Piracanjuba, no interior de Goiás. Mudou-se para a capital gaúcha em 1978. É um advogado e político brasileiro. No momento, é casado com Valéria Leopoldino.

Carreira política

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Foi eleito em seu primeiro cargo político em 2000, como vereador de Porto Alegre.  Foi reeleito em 2004 e 2008. Em 2007, foi escolhido para presidir a Câmara Municipal de Porto Alegre. Foi presidente da Câmara durante os anos de 2008 e 2009.

Sebastião Melo foi escolhido pelo diretório do PMDB para concorrer como vice do candidato José Fortunati, então no PDT, que concorria à reeleição ao cargo de prefeito de Porto Alegre, na eleição de 2012. Com a vitória de Fortunati logo no primeiro turno, Melo foi empossado como vice-prefeito em 1 de janeiro de 2013.[4]. Recebeu título de Cidadão de Porto Alegre em 2016, por iniciativa da Câmara.

Em 2016, entretanto, Sebastião Melo (MDB) tentou concorrer ao cargo executivo da prefeitura de Porto Alegre. Estava filiado ao PMDB, com a deputada estadual Juliana Brizola, do PDT, como vice. No primeiro turno, recebeu 185.655 votos (25,93%), sendo o segundo candidato mais votado, atrás de Nelson Marchezan Júnior, e qualificando-se para concorrer no segundo turno. Embora estivesse no PMBD, Melo recebeu apoio de partidos mais voltados à esquerda na época, como PV e PCdoB.

Eleições 2020: quem vai ganhar em Porto Alegre? Manuela D'Ávila ou Sebastião Melo
Eleições 2020: quem vai ganhar em Porto Alegre? Manuela D’Ávila ou Sebastião Melo (Foto: Montagem/Redes sociais)

Ele também se posicionou mais à esquerda, anunciando seu apoio à luta contra a contra a PEC 241, que estabeleceu um teto para gastos públicos por vinte anos no Brasil, indo inclusive contra a posição nacional de seu partido. Além disso, Melo também foi contra projetos de lei inspirados no movimento conservador Escola Sem Partido.

Contudo, obteve apenas 39% dos votos válidos na eleição e foi derrotado por Marchezan Júnior (PSD), na eleição em questão. Depois, nas eleições de 2018, foi eleito deputado estadual no Rio Grande do Sul ao receber 34.881 votos.

Eleições 2020

Ricardo Gomes (DEM) como vice. Além do partido do vice, Cidadania, Solidariedade, DC e PRTB também compõem a chapa.

No primeiro turno, o Melo recebeu 200.280 votos ou 31% dos votos válidos e se qualificou para a disputa do segundo turno contra Manuela D’Ávila, que fez 187.262 votos  ou 29% dos votos válidos. Após a votação, o candidato recebeu o apoio de Gustavo Paim (PP), Valter Nagelstein (PSD), João Derly (Republicanos) e do PSDB.

A disputa entre ele e Manuela D’ávila (PCdoB) ficou conhecida como um embate entre a direta e a esquerda políticas. Manuela foi vice na chapa com o Haddad nas eleições 2020.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes