Certidão do FGTS: para que serve e como emitir o documento

A Certidão do FGTS tem o objetivo de comprovar a regularidade de uma empresa com os depósitos do fundo de garantia de seus funcionários.

A Certidão do FGTS tem o objetivo de comprovar a regularidade de uma empresa com os depósitos do fundo de garantia de seus funcionários. Ela pode ser emitida pela internet e é importante em várias situações. A seguir, entenda melhor a função desse documento.

O que é a Certidão do FGTS?

Em resumo, a Certidão do FGTS comprova que a empresa está em regularidade com o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Na prática indica que o empregador está destinando de maneira correta o FGTS de seus colaboradores para a Caixa Econômica Federal. É chamada também de Certificado de Regularidade do FGTS (CRF) e Certidão Negativa de Débitos da Previdência Social (CND). É item obrigatório, por exemplo, para participar de licitações públicas.

A saber, o FGTS é um fundo voltado ao trabalhador demitido sem justa causa. Cria-se uma conta vinculada ao contrato de trabalho. E o empregador tem o dever de, mensalmente, depositar em nome dos funcionários 8% do salário correspondente, em conta da Caixa.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Para que serve o documento?

Além do próprio contratante, os colaboradores também podem consultar a regularidade da empresa. A Certidão do FGTS tem validade de 30 dias, e pode ser renovada em até 10 dias antes do vencimento. Veja algumas situações em que a apresentação do documento é obrigatória, por parte do empregador, de acordo com a Lei nº 8.036/90:

  • Habilitação e licitação pública;
  • Obtenção de empréstimos ou financiamentos junto a entidades financeiras oficiais;
  • Parcelamentos de débitos para com as instituições oficiais de crédito;
  • Obtenção de créditos, isenções, subsídios, auxílios, outorga ou concessão de serviços concedidos por órgão da administração federal, estadual e municipal;
  • Transferência de domicílio para o exterior;
  • Registro ou arquivamento, nos órgãos competentes, de alteração ou distrato de contrato social, de estatuto;
  • Celebração de contratos de prestação de serviços ou realização de transação comercial de compra e venda com qualquer órgão da administração.

Então, para emitir é preciso que a empresa esteja em dia com o FGTS, contribuições sociais e pagamento de empréstimos relacionados ao fundo.

Passo a passo para emitir a CRF

Dessa forma, a Certidão do FGTS pode ser emitida de maneira gratuita no site da Caixa. Confira o passo a passo:

  1. No site da Caixa ir até a seção “Benefícios e Programas”;
  2. Clicar em “FGTS”;
  3. Procurar, no fim da página pelo índice “FGTS acesso rápido”;
  4. Em seguida, na coluna do meio “Para o Empregador” clicar em “Consultar CRF”;
  5. Informar o CNPJ da empresa e o estado;
  6. Depois optar por “Obtenha o Certificado de Regularidade do FGTS”;
  7. Por fim, selecionar a opção “Visualizar”.
Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes