Twitter e TikTok podem estar negociando um acordo de operações

Twitter e Tik ok estão em negociação após Trump proibir aplicativo no país. Microsoft também está conversando com o aplicativo chinês.

De acordo com o Wall Street Journal, o Twitter e TikTok iniciaram uma discussão para negociar uma possível fusão entre as redes. 

A plataforma de compartilhamento de vídeo TikTok tem estado no centro de um intenso debate nas últimas semanas e de conversas sobre aquisições. 

Na semana passada, Donald Trump ordenou que as empresas parassem de fazer negócios com a TikTok dentro de 45 dias por questões de segurança nos EUA.

Recentemente o presidente Trump disse que estava aberto à aquisição da TikTok por um grupo americano antes de 15 de setembro, mas advertiu que o serviço seria proibido em solo americano se nenhuma transação ocorresse até então.

Contudo, ainda não está claro se o Twitter pode comprar o TikTok de seus proprietários chineses e fechar um negócio no prazo de 45 dias.

 

Twitter e tiktok
Imagem: reprodução / solen feyissa

Twitter e TikTok: negociações podem depender de outros investidores

De acordo com o Wall Street Journal, o Twitter acredita que é menos provável enfrentar os mesmos problemas que os outros compradores. Afinal, a Microsoft pode ser acusada de abuso de domínio neste caso por causa de seu tamanho significativamente maior.

O Twitter provavelmente precisaria do apoio de outros investidores para concluir uma transação de compra. Além disso, e ao contrário da Microsoft, a plataforma não está disponível na China, onde o governo bloqueou seu acesso desde 2009.

O valor das operações da TikTok nos Estados Unidos não é claro, mas as estimativas apontam para dezenas de bilhões de dólares. Já a capitalização de mercado do Twitter é de cerca de 29 bilhões de dólares, superada pela da Microsoft em mais de 1,6 trilhão de dólares.

Por enquanto, Twitter e TikTok se recusaram a confirmar a informação publicada pelo diário financeiro do Wall Street Journal.

 

Microsoft está interessada no TikTok

A Microsoft expressou interesse em adquirir as atividades da TikTok nos EUA, Canadá, Austrália e Nova Zelândia no último domingo (9).

De acordo com o Trump, ele afirmou estar disposto a apoiar os esforços da Microsoft para comprar as operações da TikTok nos Estados Unidos se o governo obtivesse uma “parte substancial” dos lucros.

Segundo a Microsoft, eles já estão em discussão com a plataforma do aplicativo chinês.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.