Aurora Boreal: quais países que têm o fenômeno?

Um dos fenômenos mais lindos de se assistir na natureza certamente é o da Aurora Boreal. A luz brilhante e colorida parece ter um ar místico, mas já foi facilmente explicada por cientistas. Embora seja um efeito óptico famoso, a Aurora Boreal não pode ser vista em qualquer lugar do mundo.

Um dos fenômenos mais lindos de se assistir na natureza certamente é o da Aurora Boreal. A luz brilhante e colorida parece ter um ar místico, mas já foi explicada por cientistas diversas vezes. Inclusive, a explicação científica deixa claro que a Aurora Boreal não pode ser vista em qualquer lugar do mundo: as condições climáticas e a escuridão são chave no processo.

Como surge a Aurora Boreal?

Com seu visual magnânimo, a Aurora Boreal parece algo místico, mas é apenas um fenômeno óptico. Criado em 1619 pelo físico Galileu Galilei, seu nome surge como uma homenagem à deusa romana Aurora e ao deus grego Bóreas. Curiosamente,a  união do nome dos deuses também serve para explicar como surge a Aurora Boreal, pois Aurora é a deusa do amanhecer e Bóreas comanda o inverno. Os dois ingredientes (sol e vento) aliados ao campo magnético terrestre geram o fenômeno em regiões frias.

A Aurora Boreal surge então como resultado do impacto de partículas do vento solar (partículas vindas do Sol) com a atmosfera terrestre e sua gravidade. Surpreendentemente, o fenômeno pode ser recriado em laboratório e já foi visto em planetas como Júpiter e Saturno.  

Em que países ocorre o fenômeno das auroras boreais?

A aurora boreal é uma atividade noturna – o que significa que reservar sua localização ideal em uma área com excelentes condições de visualização é algo para o qual você deve reservar um tempo ao planejar sua visita a um ou mais desses 7 destinos.

Suécia

Aurora boreal na suécia. Fonte: wikipédia
Aurora boreal na suécia. Fonte: wikipédia

Surpreendentemente, as Auroras Boreais ocorrem apenas em países e regiões do hemisfério norte; as luzes mudam de nome no hemisfério sul e são conhecidas como Aurora Austral. O fenômeno acontece na Suécia entre os meses de setembro e março. Segundo as autoridades do país, o melhor local para assistir o evento é a cidade de Kiruna, uma pequena região com apenas 17 mil moradores.

Alasca

Aurora boreal no alaska. Foto: alaska's northern lights private tours
Aurora boreal no alaska. Foto: alaska’s northern lights private tours

O Alasca talvez seja uma das principais referências quando o assunto é Aurora Boreal. O país possui guias e tours especializados nele. Embora esteja relativamente longe da Suécia, o evento ocorre quase ao mesmo período (entre outubro e março). Para assistir ao evento, turistas podem optar por um acampamento rústico na neve ou um hotel luxuoso com vista privilegiada para o evento.

Escócia

A Escócia não é  uma referência óbvia, pois o fenômeno não ocorre durante um período pré-definido. Mas isso não impede que o país possa aproveitar da bela luz. Ela pode aparecer em qualquer mês do ano, mas os escoceses recomendam a visita entre outubro e dezembro.

Finlândia

"iglu

A Finlândia é um dos países que possui as noites mais escuras do planeta. Como resultado, as auroras boreais podem ser vistas quase 200 noites por ano.  O país oferece uma ótima infraestrutura de hotéis para o turista assistir ao evento em grande estilo. O principal deles é o Kakslauttanen, hotel que promete uma experiência incrível em quartos com formato de iglu.

Canadá

Talvez o Canadá seja uma das principais opções para os turistas que buscam assistir o fenômeno da Aurora Boreal. Há agências de turismo brasileiras que criam pacotes especiais para que o viajante se hospede em Vancouver, mas faça uma viagem de quatro dias para ver o fenômeno.

Rússia

"<yoastmark

A Rússia também é um dos países privilegiados com a bela Aurora Boreal. Lá o fenômeno acontece entre o final de agosto e vai até abril, quando ocorrem 42 noites polares na península de Kola. Inclusive, Kola é uma das melhores regiões do mundo para ver o fenômeno, pois suas temperaturas são mais amenas do que outras regiões da Rússia.. 

Groenlândia

 

Curiosamente, o fenômeno pode ser visto em qualquer região da Groenlândia, contudo isso só ocorre em condições ideais. Conforme informações do Ministério do Turismo do país, o fenômeno óptico não pode ser visto durante o verão. Isso ocorre como resultado da aparição do sol durante a meia-noite durante aquela estação do ano.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.