Decoração de quarto de bebê: saiba como sair do convencional apostando nas cores

Saem as rendas e os babados e entram as cores e as estampas. Está no ar uma tendência alegre, divertida e cheia de liberdade para quarto infantis – incluindo os de bebês!

Lembra daquela decoração de quarto de bebê com cores neutras e tranquilas, rendas e babados? Então, as mamães mais antenadas, como Giovanna Ewbank, que fez um quarto super moderno e lindo para o filho Zyan, já estão querendo outras coisas. Tudo mais leve, colorido, prático e moderno com menos tecido, nada de renda, bordado ou babado.

Aliás, você já parou para pensar porque a decoração de quarto de bebê deveria ser tão silenciosos nas cores? Ainda bem que as coisas estão mudando e muitas marcas já estão apostando em uma pegada mais moderna e dando mais opções e liberdade para as mamães comporem a decoração dos quartos dos pequenos. Até porque a decoração cria todo um clima e pode servir como estímulo ao universo lúdico da criança.

Tudo bem, a gente sabe que muitas mães até gostariam de apostar nas cores e trazer mais vida e alegria para os quartinhos dos filhos, mas só não fazem porque tem medo de ousar – medo de errar na mão ou de cansar rápido daquela decoração, que afinal de contas, custa dinheiro.

Dicas para a decoração de quarto de bebê

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

quarto de bebê colorido
Quarto feito da arquiteta Thaisa Bohrer com o tema Alice no País das Maravilhas

A boa notícia é que existem ótimos profissionais no mercado para lhe ajudar a criar lindas composições com muita alegria e vida. Fizemos um pequeno tutorial junto com especialistas na área para lhe ajudar a ousar na cor e na estampa, além de dicas super bacanas sobre temas para decoração. Tudo para você apostar naquele quartinho com cara de pinterest sem medo de se apaixonar!

Diversão e cor são chave para a decoração de quarto de bebê

cama casinha com lençóis coloridos, luminária de bolinhas com livros infantis na parede
Foto acervo Thaisa Bohrer

Que tal fugir dos ursinhos, princesas e carrinhos e apostar em cores e temas contemporâneos? Em estampas fortes em fundos coloridos? E o lugar principal onde o tema do quarto aparece é na roupa de cama. A partir dela, o tema se desdobra para outros espaços e objetos do quarto fazendo com que tudo fique lindo e harmônico.

Para esse assunto, composição entre objetos, a arquiteta e decoradora Thaisa Bohrer dá ótimas dicas: “Não adianta a roupa de cama ter uma linguagem forte, colorida e o resto do quarto não conversar com ela. Mas como fazer isso? Você pode usar na parede alguma pintura com os tons da colcha ou do lençol; pintar uma parede com uma base cinza que vá receber adesivos em cima; apostar em gravuras que tenham elementos do tema da roupa de cama; ou pendentes nos mesmos tons”.

Quarto de bebê com menos rosa e azul, por favor!

quarto de bebe colorido inspirado em Frida Kalo
Foto acervo MOOUI

Cada dia que passa aparecem mais e mais paletas de cores lindas de tirar o fôlego. Então, por que restringir o universo do seu filho ou da sua filha ao rosa e azul? Aposte nos amarelos, verdes, lilases, azuis, vermelhos e tantas outras cores em tonalidades e misturas divertidas, surpreendentes e alegres – como a infância deve ser.

“Eu acho que hoje não existe tanto essa questão de gênero – rosa para menina e azul para menino… Acredito que o importante é trazer os interesses da criança para a decoração de forma lúdica”, sugere a arquiteta Thaisa.

Como harmonizar cor e estampa na decoração de quarto de bebê?

crianças brincam no centro de seu quarto colorido entre duas camas e em frente a um papel de parede de confete
Foto MOOUI

Segundo a publicitária e decoradora, Juliana Escobar, escolher uma paleta de cores ajuda muito na hora de fazer as composições – tanto misturar cores como estampas. “Não precisamos ter medo de ousar nas estampas se elas seguirem uma mesma paleta. Misturar temas é que normalmente não fica legal”, pontua Juliana.

Foto Je T’aime Quartos Divertidos

A expert em composições, Thais Carballal, fundadora da MOOUI, também dá dicas importantes:

  • É importante escolher uma estampa principal, mais marcante, protagonista, para compor com outras mais simples ou ‘fracas’, como listras ou mosaicos. Essa mistura de estampas fica bonita e original.
  • Uma outra dica é investir na mesma estampa em objetos diferentes, ou seja, usar listra no lençol e também na almofada, um animal estampado que aparece no lençol, também surge no pôster.
  • Quanto à cor, quando se tem muitas cores juntas, é importante que se repitam algumas delas nos elementos, assim, apesar de super colorido, eles estarão sempre combinando, se conversando.

Macetes para não enjoar da decoração

Foto Je T’aime Quartos Divertidos

“O maior medo das mães é enjoar rapidamente de tudo. Nesse caso, a gente sempre pensa em opções de peças que sejam rotativas, ou seja, lençóis bem coloridos, mas que em uma semana podem ser trocados por outros mais básicos. Os protetores de berço e caminha (e tem sido uma tendência também) sempre composições sem tema, para evitar que isso aconteça”, explica Juliana.

  • Aposte em peças rotativas;
  • Lençóis coloridos são uma opção
  • Os protetores do berço também podem renovar o ambiente.

Para uma decoração mais durável e versátil de quartos infantis, a arquiteta Thaisa indica apostar em uma cama com uma marcenaria diferente e paletas mais neutras na base do quarto, como o cinza ou até mesmo o branco. “Dessa forma fica fácil acrescentar elementos de cor em cima que podem ser facilmente substituídos, como roupa de cama, adesivos, almofadas… Porque as crianças crescem muito rápido e o quarto deve crescer junto com eles”.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes