Eva Wilma é internada em hospital de São Paulo; relembre a carreira

Atriz Eva Wilma é internada em São Paulo com quadro leve de pneumonia. Relembre um pouco da carreira como atriz.

A atriz Eva Wilma, de 87 anos, foi internada no último domingo (10) na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, com quadro leve de pneumonia. As informações foram confirmadas pela assessoria de imprensa do hospital e também pessoas próximas à atriz. 

Tatá Werneck planeja trote no Big Fone do BBB 21

Eva Wilma é internada e descarta Covid-19

Em um boletim médico enviado ao portal UOL, na manhã desta segunda-feira (11), o hospital Vila Nova Star informou que Eva Wilma “encontra-se hemodinamicamente estável e sem febre”. Revela também que a atriz foi submetida ao teste de Covid-19, que deu negativo, o que mostra que o estado de saúde não tem relação com o vírus.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

“A atriz Eva Wilma permanece internada em leito de UTI no Hospital Vila Nova Star da Rede D’Or. A paciente está em tratamento de uma pneumonia. Encontra-se hemodinamicamente estável e sem febre. O quadro respiratório permanece estável com cateter de O2 de alto fluxo”, diz o boletim médico sobre o estado de saúde da atriz, que está sob cuidados dos médicos Roberto Zeballos, que é clínico geral, e de Antonio Antonietto, diretor-técnico do hospital.

Relembre a carreira da atriz 

Com 66 anos de carreira, Eva Wilma já atuava na TV Tupi antes mesmo de entrar para a Globo, ainda nos anos 1980. Na emissora plim plim, ela se tornou uma das principais artistas da casa. Com talento de sobra, a atriz é especialmente lembrada por seus papéis em Ciranda de Pedra, Sassaricando e O Rei do Gado. Em janeiro do ano passado, a atriz foi a principal homenageada do Prêmio Cesgranrio de Teatro, realizado no Copacabana Palace, no Rio de Janeiro (RJ).  No evento, ela falou sobre a importância do trabalho dos atores no discurso de agradecimento do prêmio.

Imagem do elenco da novela Sassaricando
Beto (Marcos Frota), Leonora (Irene Ravache) e Penélope (Eva Wilma) em Sassaricando (Foto: Reprodução/Canal Viva)

Além disso, ela também fez sucesso atuando em seus principais papéis como as gêmeas Ruth e Raquel na primeira versão de “Mulheres de Areia” e Dinah na primeira versão de “A Viagem”, além de ter protagonizado o seriado “Alô, Doçura!” (inspirado no sitcom americano I Love Lucy), ao lado de seu primeiro marido, o ator John Herbert.

Na tela da Globo, Eva Wilma, que está internada em SP, interpretou personagens de mocinhas e vilãs, sendo as mais marcantes, Márcia em” Elas por Elas”; a perversa Maria Altiva Pedreira de Mendonça e Albuquerque na novela “A Indomada”; a Dra. Martha no seriado “Mulher”; a Lucrécia em “Começar de Novo”; e a alcoólatra Fábia em “Verdades Secretas”. 

Eva Wilma, que está afastada da televisão desde 2018, quando fez a novela “O Tempo Não Para”, na TV Globo, falou sobre a importância do trabalho do ator, após ser homenageada no Prêmio Cesgranrio de Teatro. “Amo o ator por se emprestar inteiro para expor os aleijões da alma humana com a única finalidade de que o público se compreenda, se fortaleça e caminhe no rumo de um mundo melhor a ser construído pela harmonia e pelo amor”, disse a atriz. 

Veja também: 

Guia Encceja 2021: inscrições estão abertas; saiba tudo sobre o exame

Fuvest: quando sai o resultado e como será a segunda fase

BBB 21: Boninho revela que ainda falta 6 participantes para elenco

BBB 21: 5 spoilers entregues por Boninho

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes