Novela mais reprisada no Vale a Pena Ver de Novo; confira lista

Faixa de horário é ocupada por A Favorita em 2022, que substitui O Clone.

Há mais de quatro décadas no ar, o Vale a Pena Ver de Novo se tornou uma atração obrigatória das tardes da TV Globo. Após reformulações do canal, agora a faixa exibe apenas tramas que foram ao ar no horário nobre da emissora, porém, antes eram escolhidas novelas de todas as faixas. Qual a novela mais reprisada do Vale a Pena Ver de Novo? Vários títulos se destacam entre as mais exibidas.

Qual a novela mais reprisada do Vale a Pena Ver de Novo?

O Vale a Pena Ver de Novo não tem apenas uma novela como mais reprisada, pois nenhum dos folhetins da Globo chegou a ter três reexibições. No entanto, há várias atrações do canal que passaram pelo menos duas vezes pela faixa de horário.

Para você não ficar desamparado nessa questão de qual a novela mais reprisada do Vale a Pena Ver de Novo, separamos oito produções que fizeram barulho e estão entre as mais reprisadas por terem sido reexibidas duas vezes nas telinhas da Globo.

Da Cor do Pecado foi ao ar originalmente de janeiro a agosto de 2004 com 185 capítulos na faixa das 19h. Alguns anos depois, em 2007, o folhetim retornou às telinhas como reprise do Vale a Pena Ver de Novo. Em 2012, a segunda reprise da trama de amor do rico Paco e da feirante Preta aconteceu.

O Cravo e a Rosa conta a história de amor e ódio de Petruchio e Catarina e foi reprisada primeiro em 2003 e depois em 2013. No folhetim, a jovem interpretada por Adriana Esteves se recusa a casar e espanta todos os pretendentes enviados pelo pai. Mas tudo muda quando um caipira está disposto a conquistar a moça de uma vez por todas para poder salvar a fazenda da família.

Senhora do Destino é uma das tramas mais famosas de Aguinaldo Silva. A novela foi exibida pela primeira vez de junho de 2004 a março de 2005 e depois foi reprisava no Vale a Pena Ver de Novo em 2009 e 2017. A trama era dividida em duas fases, primeiro mostrando a protagonista Maria do Carmo Ferreira da Silva saindo de Pernambuco para o Rio de Janeiro, em que tem a filha mais nova sequestrada, e depois anos mais tarde, ainda em busca da menina.

Rei do Gado foi escrita por Benedito Ruy Barbosa e exibida originalmente com seus 209 capítulos de janeiro de 1996 a fevereiro de 1997. A primeira reprise do Vale a Pena Ver de Novo aconteceu ainda nos anos 1990, em 1999, e a segunda 15 anos depois, em 2015. A trama mostrava o romance entre o latifundiário pecuarista Bruno Mezenga e a boia-fria Luana, integrantes de famílias rivais.

Chocolate com Pimenta sempre foi sucesso nas telinhas. A história de Ana Francisca, uma garota humilde e ingênua que é humilhada, mas consegue dar a volta por cima e deixar para trás o passado de “patinho feio”, foi exibida pela primeira vez de setembro de 2003 a maio de 2004 na faixa das 18h. Depois, a trama de Walcyr Carrasco foi reprisada no Vale a Pena Ver de Novo em 2006 e 2012.

Mulheres de Areia foi lançada entre fevereiro e setembro de 1993. Estrelada por Gloria Pires, que interpretava as gêmeas Ruth e Raquel, o folhetim de Ivani Ribeiro retornou às telinhas da Globo em 1996 e depois em 2011.

A Viagem também foi trama de Ivani Ribeiro. O folhetim estreou pouco depois de Mulheres de Areia, entre abril e outubro de 1994 e teve 160 capítutlos na faixa das 19h. Sucesso, a trama tinha como tema central a vida após a morte. AS reprises da novela no Vale a Pena Ver de Novo aconteceram em 1997 e 2006.

A Gata Comeu foi outro sucesso de Ivani Ribeiro que teve Christiane Torloni no protagonismo e foi reprisada duas vezes no Vale a Pena Ver de Novo. A exibição original aconteceu de abril a outubro de 1994 na faixa das 18h. As reprises aconteceram em 1989 e 2001.

Qual novela foi a mais reprisada da Globo?

Por Amor, A Viagem e O Cravo e a Rosa são as novelas que mais foram reprisadas nos canais eu pertencem a Rede Globo, as três foram reprisadas quatro vezes. De Manoel Carlos, originalmente Por Amor foi exibida de outubro de 1997 a maio de 1998, a trama da novela foi reprisada duas vezes no Vale a Pena Ver de Novo, em 2002 e 2019, e mais duas vezes no Viva, em 2010 e 2017.

De Ivani Ribeiro, A Viagem foi ao ar de abril a outubro de 1994. Depois retornou às telinhas da Globo em 1997 e 2006 e duas vezes no Viva, em 2015 e depois em 2021. O folhetim era protagonizado por Antônio Fagundes, Christiane Torloni e Guilherme Fontes.

Já O Cravo e A Rosa está atualmente em sua quarta reprise, a exibição começou em dezembro de 2021 e segue por 2022. A trama de Walcyr Carrasco foi ao ar pela primeira vez em junho de 2000 e ficou no ar até março de 2001. Depois, o folhetim foi reprisado duas vezes no Vale a Pena Ver de Novo, nos anos 2003 e 2013, uma vez no Viva – em 2019 – e atualmente na nova faixa de reprises do canal, que é iniciada após o Jornal Hoje.

Novelas reprises
Por amor, a viagem e o cravo e a rosa estão entre as novelas mais reprisadas do vale a pena ver de novo – foto: reprodução/globo

Quando começou o Vale a Pena a Ver de Novo na Globo?

O Vale a Pena Ver de Novo estreou no dia 8 de maio de 1980. A escolhida para dar vida a faixa de horário foi Dona Xepa, escrita por Gilberto Braga e dirigida por Herval Rossano.

O folhetim havia sido lançado nas telinhas poucos anos antes, em 1977. Porém, para a época, o período de três anos não era um tempo pequeno para a reprise, já que não havia internet e streamings em que o público podia reassistir tramas que já haviam passado na televisão.

Estrelada pela atriz Yara Cortez, a novela mostrava as dificuldades de uma feirante – a dona Xepa do título – que batalhava para cuidar de seus dois filhos, Edson (Reinaldo Gonzaga) e Rosália (Nívea Maria). No total, o folhetim contou com 132 capítulos em sua versão original.

A atual novela do Vale a Pena Ver de Novo em 2022 é A Favorita:

Leia também

Reprise de A Favorita – Ator mirim de A Favorita, Eduardo Melo vibra com retorno da trama

Novela A Favorita: quem era a vilã e 6 curiosidades sobre a trama da nova novela do Vale a Pena Ver de Novo

Você pode gostar também