Após estreia na bolsa, ações da gravadora do BTS dobram de valor

BTS fatura milhões no primeiro dia da agência Big Hit na bolsa de valores

Com apenas cinco dias de negociações na Bolsa, as ações da boyband BTS tornou a gravadora uma das 30 empresas mais valiosas da Coreia do Sul.

As ações da BigHit Entertainment dobraram de valor em minutos, ainda na estreia em 15 de outubro, na Bolsa de Valores. A gravadora da banda coreana BTS anunciou a Oferta Pública Inicial (IPO, sigla em inglês) de 135 mil wons (US$ 115), o que corresponde a R$ 600, aproximadamente. Contudo, em poucos minutos, cada ação passou a ser comercializada a 330 mil wons (US$ 287).

A gravadora conquistou o colocação entre as 30 empresas sul-coreanas mais valiosas. Sendo assim, o sucesso da boyband teve o reflexo imediato nas ações da empresa. Um dos principais fatores para a valorização em tão pouco tempo é os milhões de fãs ao redor do mundo, que lotaram estádios e shows na última turnê da banda, a mais lucrativa do mundo em 2019.

Ações do BTS – BigHit Entertainment*

A ações do BTS, da gravadora Big Hit, obteve uma capitalização de 11 trilhões de wons (US$ 9,6 bilhões), o que a coloca entre as 30 empresas sul-coreanas mais valiosas, à frente da empresa de cosméticos Amore Pacific.

As ações do fundador e presidente da Big Hit, Bang Si-hyuk, valiam US$ 1,4 bilhão ao início da negociação na bolsa, segundo o índice Bloomberg Billionaires. Com a valorização, sua fortuna disparou.

Com a IPO, os sete membros da banda BTS também se tornaram acionistas milionários. O presidente da Big Hit, Bang Si-hyuk, distribuiu 68.385 ações para cada um dos artistas em setembro, o que representa US$ 8 milhões ao preço de oferta.

 O hit “Dynamite” sozinho pode gerar mais de US$ 1,4 bilhão para a economia sul-coreana e milhares de novos empregos, de acordo com um estudo do governo divulgado em setembro.

Sucesso do BTS

A boyband sul-coreana BTS se consagrou como uma das bandas com mais fãs ao redor do mundo. Além disso, ela representou 88% da receita da gravadora BigHit no primeiro semestre desse ano.

A banda criada em 2013, possui sete integrantes: Jin, Suga, J-Hope, RM, Jimin, V e Jungkook. Com o estilo K-Pop, atravessou fronteiras ganhando reconhecimento mundial em menos de dois anos de existência, algo que só tinha sido alcançado pelos Beatles. Atualmente, com sete anos, a BTS, sigla de Bangtan Boys, já teve vários hits nas paradas de sucesso, com nove álbuns lançados.

O grupo BTS ficou em primeiro lugar na Billboard com a música “Dynamite”, em agosto. Também, liderou três paradas de sucesso simultanemente, a “Hot 100”, a “Global” e a “Global sem os Estados Unidos”. Também, já fez parceria com vários  artistas, como Nicki Minaj, Zara Larsson, Halsey, Charli XCX e o DJ Steve Aoki.

Além disso, a BTS lançará uma nova produção ainda em outubro, com os melhores momentos da turnê “Love Yourself: Speak Yourself”, em 2019.  “Viaje com o BTS ao redor do mundo em turnê, conheça cada membro por trás das cortinas. Os sete integrantes irão contar suas histórias mais pessoais de um jeito que nunca fizeram antes”, diz o comunicado da gravadora coreana BigHit

*Com informações do portal G1

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes