Coronavírus: Celebrações de Natal no Canadá poderão ser canceladas

As celebrações de Natal no Canadá poderão ser canceladas devido ao aumento de casos de covid-19 no país.

As celebrações de Natal no Canadá poderão ser canceladas. O Dia de Ação de Graças canadense foi apenas em outubro, e o país viu as consequências quando os casos da covid-19 atingiram níveis recordes. 

Agora, os líderes canadenses dizem que as celebrações de Natal estão em perigo.

Afinal, o Dia de Ação de Graças no Canadá caiu em 12 de outubro deste ano e, com a reunião da família e dos amigos, gerou um aumento generalizado de casos, hospitalizações e mortes por coronavírus. 

Assim, as autoridades de saúde pública alertaram que o sistema de saúde não pode lidar com uma repetição no Natal.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

“Reduzir seus contatos, reduzir suas reuniões será o mais importante. E o que fizermos nos próximos dias e semanas determinará o que faremos no Natal”, pediu o primeiro-ministro Justin Trudeau em entrevista coletiva na sexta-feira (13).

 

Celebrações de Natal no Canadá
Imagem: Reprodução / Pixabay

Celebrações de Natal no Canadá em risco de cancelamento

A socialização casual tem sido a principal fonte de disseminação em quase todas as partes do Canadá, disse a Dra. Theresa Tam, diretora de saúde pública do Canadá.

“Um fator importante para o aumento das infencções continua a ser as reuniões sociais informais. Bem como as atividades dentro e fora de nossas casas”, disse Tam. “Nestes ambientes mais descontraídos, como reuniões familiares, festas de aniversário, feriados e atividades recreativas, é natural relaxar. Mas isso pode significar que é fácil esquecer e baixar a guarda sobre os cuidados necessários”.

Além disso, Tam alertou que os novos casos diários podem mais do que dobrar em apenas algumas semanas se os canadenses não levarem as precauções de saúde a sério.

Os cuidados de saúde são responsabilidade das províncias e várias delas, incluindo Ontário e Alberta, estão relutantes em implementar medidas mais rígidas, temendo danos à economia.

No entanto, centenas de médicos de todo o Canadá alertaram que apenas medidas mais rígidas e fechamentos direcionados protegerão os hospitais canadenses da catástrofe.

Informar Erro
Fonte CNN

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes