Espanha alerta para 2ª onda de Covid-19 e França ameaça fechar fronteiras

Após declarar fim ao estado de emergência em Junho, a Espanha pode estar sendo atingida por uma segunda onda do Covid-19. O número crescente de casos preocupa autoridades locais e cria desconforto com o governo francês.

A Espanha, um dos países mais afetados pela pandemia, com mais de 28.400 mortes, impôs severos confinamentos em meados de março, mas desde que as restrições foram levantadas em meados de junho, o país apresentou houve um novo crescimento nas infecções. Atualmente, há mais de 150 focos ativos no país, principalmente na Catalunha e na região vizinha de Aragão.

Segundo informações do jornal Metro, o país alertou que uma segunda onda de Coronavírus poderia ter atingido a Espanha. Enquanto isso, as autoridades francesas ameaçam fechar a fronteira.

Na última quinta-feira (25), foram registrados 2.615 novos casos, quase o dobro das 1.357 casos relatados no dia anterior (24). Há cerca de um mês, quando o governo decretou fim ao seu estado de emergência, o país registrava uma média diária de 132 novos casos

 

 

Segunda onda de Coronavírus pode ter atingido a Espanha

segunda onda de coronavirus na espanha
Praias lotadas na Espanha © PACO PUENTES / EL PAÍS

 

A vice-diretora de saúde de emergência da Espanha, Maria José Sierra, revelou recentemente seu desconforto com a situação, admitindo que uma temida segunda onda já poderia ter chegado.  “Temos surtos importantes. Pode ser uma segunda onda. Teremos que ver o que acontece nas próximas semanas”, disse Sierra.

Enquanto isso, o primeiro-ministro francês Jean Castex alertou que seu governo não pode descartar o fechamento das fronteiras com a Espanha.

“Estamos monitorando isso de muito perto, em particular aqui, porque é uma questão real que também devemos discutir com as autoridades espanholas”, afirmou Castex.

Apesar disso, a ministra do Turismo da Espanha, Maria Reyes Maroto, insistiu que as duas áreas mais atingidas do país (Catalunha e Aragão) estão “melhorando” esta semana. Com isso, ela diz torcer para que, com a melhora dos dados, as fronteiras espanholas possam permanecer abertas.

A Catalunha, que faz fronteira com a França, tem sido um ponto alto do vírus, com 7.000 casos nos últimos 14 dias.  Essa ameaça de uma segunda onda de Coronavírus na Espanha ocorre justo quando milhares de turistas britânicos vão para o país para aproveitar as férias de verão de última hora. Portanto, os números podem afetar negativamente o turismo espanhol, impactando ainda mais a economia já afetada pela pandemia.

- continue lendo -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes