Dia de Reis: conheça história e as simpatias da data

Com simpatias diferentes ao redor do mundo, o dia 06 de janeiro celebra o dia em que os três reis magos, guiados pela Estrela de Belém, levaram presentes para Jesus Cristo

No boca a boca, o dia 6 de janeiro é popularmente conhecido por ser a data que marca o fim das celebrações natalinas e o desmonte das decorações de natal. O que muitas pessoas ainda não sabem é que esta data, conhecida como Dia de Reis,  traz consigo um emaranhado de simpatias, tradições e história para os cristãos. 

 

Qual a importância do Dia de Reis?

Comemorada de diversas maneiras em países diferentes ao redor do mundo, o Dia de Reis, segundo a tradição cristã, seria o dia em que os três reis magos levaram presentes a Jesus Cristo, guiados pela estrela de Belém até encontrar o menino. A visita também é conhecida como Folia de Reis ou Reisado. Na Bíblia, a referência sobre os três magos está no evangelho de São Mateus.

 

Os três presentes têm um papel importante na celebração. De acordo com a narrativa cristã, Deus provê para os seus fiéis sempre que precisarem. Assim, as ofertas dos reis magos eram parte dessa provisão divina.

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Qual é a história das simpatias do Dia de Reis?

A tradição surgiu no século 8 com Belchior – também chamado de Melchior -, Gaspar e Baltazar. Cada um dos reis magos saiu de sua localidade de origem levando seu presente a Jesus. Baltazar saiu de algum lugar da África, levando para o menino mirra, um arbusto que é utilizado para extrair uma resina para preparação de medicamentos.

 

O segundo mago partiu da Índia. O presente do rei Gaspar fi o incenso, como alusão à sua divindade. Os incensos são queimados há milhões de anos para aromatizar os ambientes, espantando insetos e energias negativas, além de representar a fé, a espiritualidade. Melchior ou Belchior partiu da Europa, levando ouro ao Messias, rei dos reis. O ouro simbolizava a nobreza e era oferecido apenas aos deuses.

 

Como comemorar o Dia de Reis?

Em cortejos, os grupos saem caminhando pelas ruas das cidades, com música e festa, levando as bênçãos do menino para as pessoas que os recebem. Porém, em cada lugar do mundo, os cristãos também comemoram o Dia de Reis com suas tradições específicas, confira algumas delas.

 

Dia de Reis: simpatias no Brasil

A tradição veio com os portugueses e sua colonização. Os brasileiros realizam cortejos diferentes, de acordo com cada região do país. Em Minas Gerais, por exemplo, a festa é um Patrimônio Imaterial do Estado. Uma das simpatias do Dia de Reis que se expande pela extensão brasileira é a do romã: popularmente, é dito que colocar três caroços do fruto na carteira aumenta as chances de o dinheiro não faltar durante o ano, por exemplo.

 

Espanha

Uma tradição bem diferente da brasileira acontece na Espanha. As crianças de lá deixam sapatos nas janelas, cheios de capim ou ervas, para alimentar os camelos dos Reis Magos. Contam as lendas que, em troca, os reis magos deixam doces e guloseimas para as crianças.

 

Portugal

No país em que se originou as simpatias do Dia de Reis, as pessoas costumam “cantar as janeiras”, ou as “reisadas”, de porta em porta. As pessoas são convidadas a entrar para o interior das casas, onde trocam doces, salgados, charcutarias, vinhos, etc. O chamado Bolo de Reis, ou bolo-rei, é outro marco da tradição em Portugal. Os portugueses fazem a famosa guloseima, que contém frutas cristalizadas e um caroço de fava. 

 

França

A tradição francesa também é reproduzida em algumas regiões do Canadá, como em Quebec. Nestes lugares, a tradição é comer o Galette des Rois (Bolo de Reis), que contém um brinde no seu interior. O bolo possui uma coroa de papel e quem encontrar o brinde na sua fatia, será coroado e terá de oferecer o bolo no ano seguinte.

 

Itália

A tradição é diferente do que fazemos no Brasil. Na Itália, dentre as simpatias do Dia de Reis, existe a celebração de de Befana, uma bruxa boa que oferece presentes às crianças. Diferente do Brasil, no país, não existe a tradição de trocar presentes no dia 25 de dezembro, mas no dia 06 de janeiro, dia de reis.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes