Qual o recorde de frio em São Paulo? Veja menores temperaturas

Com essa mudança repentina, um questionamento que pode vir à tona é sobre qual o recorde de frio em São Paulo.

Diante da queda nas temperaturas ao redor do país, o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) já desmentiu algumas informações de origem duvidosa, como, por exemplo, de que essa seria a maior onda de frio dos últimos 100 anos. Haverá uma queda mais acentuada nas temperaturas das Regiões Centro-Oeste e Sudeste, mas nada de forma exagerada. Com essa mudança repentina, um questionamento que pode vir à tona é sobre qual o recorde de frio em São Paulo.

Qual o recorde de frio em São Paulo?

Apesar da queda acentuada nas temperaturas, essa não será a semana mais fria da capital paulista. Considerando um intervalo de 10 anos, a menor temperatura registrada pelo Mirante de Santana até o momento foi de 3,5ºC, no dia 13 de junho de 2016.

Em contraponto, a mínima mais baixa prevista para essa semana é de 5ºC, na quarta-feira, dia 18. E, num intervalo de tempo ainda maior, em 10 de julho de 1994 os termômetros chegaram a registrar 0,8ºC. O recorde de frio em São Paulo para o mês de maio é de 2,2ºC, de maio de 1979, considerando os dados do INMET de 1979 a 2020. Ou seja, os paulistanos já passaram por uma onda de frio ainda mais intensa que a aguardada para os próximos dias.

Previsão do tempo para a região Sudeste

Na região Sudeste, a semana de frio no Brasil vai contar com queda de temperatura no estado de São Paulo. Segundo o Climatempo, na quarta-feira, dia 18, o frio ganha força na região, com a intensificação da massa de ar polar. Esse será um dia de bastante ventania, com rajadas de 60 a 70 km/h. Além disso, também haverá risco de geada em vários municípios do estado, especialmente na Serra da Mantiqueira e no Vale do Paraíba, com mínima prevista de 6ºC e máxima de 15ºC. Já em cidades do interior como Ribeirão Preto, Bauru, Franca e Campinas, a previsão de mínima é de 4ºC.

Enquanto isso, no Rio de Janeiro, o alerta é para o risco de temporais. Tanto na capital quanto nas demais regiões podem ocorrer pancadas de chuva com risco de raios e trovoadas. A partir de quarta-feira, o frio também ganha força no estado, ventando bastante ao longo do dia e as temperaturas diminuindo cada vez mais. Mas a cidade do Rio terá suas menores temperaturas na quinta, com mínima de 12ºC e máxima de 22ºC.

Em Minas Gerais, a queda na temperatura também não será tão grande quanto no estado de São Paulo. A semana de frio no Brasil vai se agravar a partir da quarta-feira, registrando suas menores temperaturas na quinta e sexta, com as mínima de 7ºC e máxima de 19ºC. Na capital do Espírito Santo, a cidade de Vitória, os dias serão ainda mais ensolarados. A semana começa com probabilidade de pancadas de chuva à tarde e à noite e períodos de nublado. Mas, a partir de quinta-feira, haverá sol, mesmo com os termômetros marcando temperaturas mais baixas, chegando à mínima de 13ºC na sexta.

Leia mais: Chuva congelante no Brasil: frente fria intensa chega nessa semana

Você pode gostar também