Auxílio Brasil leva quanto tempo para ser aprovado?

Programa paga uma parcela mínima de R$ 400 mensais para os beneficiários

​Criado em 2021, o Auxílio Brasil beneficia milhares de famílias brasileiras que estão em situação de pobreza ou de extrema pobreza no país. Mensalmente, os beneficiários recebem uma parcela de, no mínimo, R$ 400 reais para auxiliar nas despesas. Para fazer parte do programa, é preciso obedecer uma série de critérios e realizar um cadastro que será analisado pelo Governo Federal. Durante esse processo, muitos brasileiros ficam em dúvida sobre quanto tempo leva para ser aprovado no Auxílio Brasil.

Quanto tempo para ser aprovado no Auxílio Brasil em 2022

De acordo com o Governo Federal, a seleção de quem fará parte do Auxílio Brasil é realizada mensalmente e de forma automatizada pelo Ministério da Cidadania, levando em consideração os dados inseridos pelas prefeituras no Cadastro Único. Mas, não é possível estabelecer um prazo entre a solicitação e a entrada efetiva no programa. Ou seja, não existe definição de quanto tempo leva para ser aprovado no Auxílio Brasil.

Durante o processo de análise, a família é colocada um uma fila de espera virtual até que sejam incluídos novos beneficiários no programa. Para checar se a solicitação foi atendida, as famílias podem consultar a situação via telefone por meio do atendimento Caixa Auxílio Brasil, disponível no número 111. Também é possível realizar a consulta por meio do aplicativo Auxílio Brasil Caixa ou Caixa Tem.


Além disso, o Governo Federal explica que para as famílias que já recebiam o Bolsa Família, a transferência para o Auxílio Brasil foi realizada automaticamente. Já aquelas que estão inscritas no CadÚnico mas não recebiam o Bolsa Família foram alocadas na fila de espera do Auxílio Brasil.

Para quem deseja realizar a inscrição no programa, é preciso estar atento aos critérios de renda definidos pelo Governo Federal. Como o Auxílio Brasil beneficia famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza, a renda familiar per capita máxima para receber o benefício é de R$ 200,00.

Para se candidatar, a família deverá realizar primeiro sua inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais e informar dados referentes ao domicílio, família, escolaridade, trabalho e remuneração. O processo deve ser feito de forma presencial em um CadÚnico. No entanto, para agilizar o atendimento, é possível acessar o aplicativo do Cadastro Único e preencher um pré-cadastro que deverá ser confirmado presencialmente em até 120 dias. Porém, o Governo Federal explica que estar inserido no CadÚnico é um pré-requisito, mas não significa que a família está cadastrada no Auxílio Brasil.


Leia também:

Auxílio Brasil em junho: pagamento do Vale Gás aumenta benefício
Consulta Dataprev: tenho direito ao Auxílio Emergencial 2022?

Você pode gostar também