Auxílio Gás Nacional começa a ser pago, veja como fazer a consulta

Pagamento já está sendo realizado para os cidadãos que residem em uma das 100 cidades dos estados de Minas Gerais e Bahia, que decretaram estado de calamidade devido às enchentes

O pagamento de R$ 52 para a compra do botijão de gás de 13kg já começou. Mas neste mês, o Auxílio Gás Nacional será pago apenas para as famílias que estão inscritas no programa Auxílio Brasil e residem nos estados da Bahia e de Minas Gerais, que foram atingidos por fortes chuvas nas últimas semanas e enfrentam uma situação de calamidade. 

Por conta disso, o governo federal decretou a situação de emergência e vai conceder a ajuda financeira para mais de 108 mil famílias. As demais receberão o auxílio a partir do dia 18 de janeiro, então, veja a seguir como fazer a consulta para saber se você está entre os beneficiários do Auxílio Gás Nacional. 

Quem tem direito de receber o Auxílio Gás Nacional?

O governo decidiu priorizar o pagamento para as famílias que residem nas áreas que estão sendo afetadas pelas intensas chuvas que causaram alagamentos, deslizamentos de terra e enchentes. Na Bahia, o número de desabrigados na Bahia já supera 16 mil pessoas.

Em Minas, o desastre atingiu mais de 430 mil pessoas. Por conta disso, os cidadãos que moram em mais de 100 municípios que decretaram estado de calamidade por conta das chuvas começaram a receber o Auxílio Gás Nacional. 

No entanto, não são todos os cidadãos que receberão esse pagamento. O pagamento pretende ajudar a população, mas existe algumas exigências: é preciso estar com os dados atualizados no CadÚnico (Cadastro Único para programas sociais), além de ser participante do programa Auxílio Brasil.

Outro requisito para ter direito à esse pagamento é possuir renda per capita menor ou igual a meio salário mínimo, que este ano é de R$550.

Por lei, o Auxílio Gás Nacional se estende ainda para as pessoas que atualmente recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) que é pago para para pessoas com deficiência e idosos com mais de 65 anos. A concessão do auxílio também vai priorizar os seguintes grupos:

>> beneficiários do Auxílio Brasil com menor renda per capita e com maior quantidade de integrantes na família;

>> famílias com mulheres vítimas de violência doméstica que estejam sob o monitoramento de medidas protetivas de urgência. 

Ao final da primeira etapa de pagamentos, cerca de 5,5 milhões terão sido beneficiadas com o Auxílio Gás Nacional. Vale ressaltar que, a partir da inclusão de novos beneficiários no programa Auxílio Brasil que está prevista para começar em janeiro, o número de pessoas aptas ao Auxílio Gás Nacional também aumentará.  

SAIBA MAIS | Qual é o valor do Auxílio Gás? Veja quanto você vai receber

Como saber se meu auxílio já está disponível?

Quem atende aos requisitos já pode conferir se receberá o benefício na primeira rodada de pagamentos. Para isso, basta fazer o download do aplicativo Auxílio Brasil na loja de aplicativos do seu celular. Depois, abra a plataforma e clique no botão “acessar”.

O próximo passo é cadastrar ou informar a senha e o CPF do responsável pela família. Também é possível acessar a plataforma através da senha que está cadastrada junto ao aplicativo Caixa Tem.

Depois de realizar o login, é possível ver todas as informações do Auxílio Gás Nacional. Para conferir a data de pagamento, clique em “calendário”.

Em caso de dúvida sobre o benefício, clique em “Atendimento” para falar com a Caixa Econômica Federal. Outra opção para fazer a consulta do Auxílio Gás Nacional é através do Caixa Tem. Nesse caso, o acesso também é feito por meio do CPF e senha.

As famílias que moram nas áreas afetadas pelas chuvas também podem conferir se receberão o pagamento adiantado. Basta conferir a lista disponibilizada pelo governo, que contém o nome das 100 cidades de Minas Gerais e da Bahia que estão em estado de calamidade pública. Essa lista é encontrada no site do Ministério da Cidadania. 

Auxílio gás nacional
Caixa econômica federal

 

Quem preferir fazer a consulta do auxílio por telefone pode ainda fazer uma ligação para o Atendimento Caixa ao Cidadão. Basta entrar em contato pelo número 111 e solicitar informações sobre o pagamento e a data do depósito. 

Calendário regular do Auxílio Gás Nacional

Em janeiro será a vez dos demais beneficiários receberem o pagamento desse auxílio. Neste caso, o dinheiro será depositado nas contas poupanças sociais digitais de forma escalonada, de acordo com o dígito final NIS (Número de Identificação Social).

Assim, as primeiras famílias que terão acesso ao dinheiro são aquelas que possuem NIS terminado em 1. Para acompanhar o depósito, confira todas as datas do calendário oficial do Auxílio Gás Nacional:

NIS 1: 18 de janeiro 

NIS 2: 19 de janeiro 

NIS 3: 20 de janeiro

NIS 4: 21 de janeiro 

NIS 5: 24 de janeiro 

NIS 6: 25 de janeiro 

NIS 7: 26 de janeiro 

NIS 8: 27 de janeiro 

NIS 9: 28 de janeiro 

NIS 0: 31 de janeiro

Para fazer o saque do dinheiro, basta utilizar o mesmo cartão e senha de recebimento do benefício mensal que é liberado através do Auxílio Brasil. 

RELACIONADO | Auxílio Gás: cadastro é necessário para receber o benefício?

Você pode gostar também