Liberado: confira o calendário do Bolsa Família de janeiro de 2021

Pagamentos devem ser feitos entre os dias 18 e 29, conforme o final do Número de Identificação Social (NIS)

O calendário de pagamentos do Programa Bolsa Família de janeiro de 2021 já está disponível para consulta. Beneficiários devem receber os pagamentos entre os dias 18 e 29. Os pagamentos são feitos na terceira semana do mês, e acontecem conforme o final do Número de Identificação Social (NIS). Portanto, confira as datas do calendário do Bolsa Família de janeiro de 2021.

 

Bolsa Família de janeiro de 2021

cartão do bolsa família com NIS para recebimento do auxílio emergencial
(Foto:Divulgação/Caixa)
  • Número final 1: pagamento dia 18 de janeiro;
  • Número final 2: pagamento dia 19 de janeiro;
  • Final 3: pagamento dia 20 de janeiro;
  • Número final 4: pagamento dia 21 de janeiro;
  • Número final 5: pagamento dia 22 de janeiro;
  • Final 6: pagamento dia 25 de janeiro;
  • Número final 7: pagamento dia 26 de janeiro;
  • Número final 8: pagamento dia 27 de janeiro;
  • Final 9: pagamento dia 28 de janeiro;
  • Enfim, número final 0: pagamento dia 29 de janeiro.

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Poupança social digital

Em dezembro, o Ministério da Cidadania publicou uma portaria que oficializa o pagamento do Bolsa Família através da poupança social digital. Assim, através dela é possível conferir as mudanças que vão ocorrer no modelo atual do benefício social. Segundo o texto do Diário Oficial da União, então, as alterações também abrem espaço para mudar o calendário do Bolsa Família, as datas e depósito do benefício nos próximos anos.

Os pagamentos do Bolsa Família no Caixa Tem começaram já em dezembro, através da poupança social digital. Os primeiros a receber o dinheiro pela plataforma, então, são os beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) de final 9 e 0. Por outro lado, atualmente os contemplados pelo Bolsa Família recebem seu benefício através do Cartão Cidadão.

Em suma, a abertura de contas digitais para pagamento do Bolsa Família será de forma gradual. Dessa forma, confira o calendário para a abertura da conta poupança social digital:

  • Dezembro de 2020: beneficiários com NIS finais 0 e 9;
  • Janeiro de 2021: beneficiários com NIS finais 6, 7 e 8;
  • Fevereiro de 2021: beneficiários com NIS finais 3, 4 e 5;
  • Por fim, em março de 2021: beneficiários com NIS finais 1 e 2, e GPTE (Grupos Populacionais Tradicionais Específicos, que incluem indígenas, quilombolas, ribeirinhos, extrativistas, pescadores artesanais, comunidades tradicionais, agricultores familiares, assentados, acampados e pessoas em situação de rua).

O que é o Bolsa Família e quais os requisitos?

É um programa de transferência direta de renda, direcionado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o País, de modo que consigam superar a situação de vulnerabilidade e pobreza.

O programa busca garantir a essas famílias o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde.

Em todo o Brasil, mais de 13,9 milhões de famílias são atendidas pelo Bolsa Família.

Conheça o programa, os direitos e deveres das famílias participantes e conte com a Caixa no recebimento do benefício ou para tirar dúvidas.

A CAIXA atua como agente operador do programa Bolsa Família, e a origem dos recursos para pagamento é da União, por intermédio do Ministério da Cidadania.

Os requisitos são:

  • Inclusão da família, pela prefeitura, no Cadastro Único dos Programas Sociais do ​Governo Federal;
  • Seleção pelo Ministério da Cidadania;
  • No caso de existência de gestantes, o comparecimento às consultas de pré-natal, conforme calendário preconizado pelo Ministério da Saúde (MS);
  • Participação em atividades educativas ofertadas pelo MS sobre aleitamento materno e alimentação saudável, no caso de inclusão de nutrizes (mães que amamentam);
  • Manter em dia o cartão de vacinação das crianças de 0 a 7 anos;
  • Acompanhamento da saúde de mulheres na faixa de 14 a 44 anos;
  • Garantir frequência mínima de 85% na escola, para crianças e adolescentes de 6 a 15 anos, e de 75%, para adolescentes de 16 e 17 anos​

 

 

Leia também:

Bolsa Família: quais as mudanças do programa para 2021?

Governo amplia prazo de saque do auxílio ao Bolsa Família para 270 dias

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes