Cotação do dólar 06/08/2020: Dólar sobe e vai a R$ 5,34

Além dele, Ibovespa sobe e Euro tem maior valorização desde Maio desse ano

Cotação do dólar 06/08/2020: 

A redução dos juros básicos para o menor nível da história e divulgação de dados de emprego no Brasil e nos Estados Unidos fizeram o dólar fechar no maior valor em 20 dias. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (6) vendido a R$ 5,343, com alta de R$ 0,049 (+0,93%). A cotação está no maior valor desde 17 de julho, quando tinha fechado em R$ 5,382.

Cotação do dólar 06/08/2020

Para aqueles que pretendem comprar o dólar para turismo ele também aumentou, entretanto menos que o dólar comercial. Com valorização de 0,83%, o dólar de turismo fechou o dia sendo vendido a R$ 5,5917.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Euro

O Euro também valorizou e atingiu a maior alta desde o dia 13 de maio de 2020, quando foi vendido a R$ 6,3682. Hoje, a moeda europeia teve alta de 1,09%, fechando o dia sendo vendida a R$ 6,3441.

Brasil

O Ibovespa, da b3 (bolsa de valores brasileira) também continua crescendo e hoje subiu 1,29% atingindo 104.126 pontos. A queda da taxa Selic influenciou na alta da bolsa, além disso, as empresas menos afetadas pela pandemia divulgaram seus lucros, ajudando a valorização na bolsa de valores brasileira.

O corte da taxa básica de juros brasileira de 0,25%, levando a taxa Selic a 2% foi fator para o aumento do dólar. Juros baixos fazem capitais financeiros saírem do Brasil, fazendo o dólar subir. Entretanto, abaixando a Selic, faz com que mais pessoas invistam na bolsa, melhorando o mercado de ações do Brasil.

Outro fator que fez o dólar valorizar foi o número de pedidos de seguro-desemprego nos Estados Unidos. Semana passada o valor caiu, mas, em compensação, 1,2 milhão de pessoas solicitaram o benefício, isso mostrou falta de progresso no mercado de trabalho americano, pressionando o dólar para cima.

No Brasil, o índice de desemprego do primeiro trimestre desse ano aumentou com relação ao trimestre anterior. Fechando em 13,3% a taxa de desemprego, 1,1 ponto percentual a mais.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes