Quem vai ser o novo técnico do Grêmio? Veja os possíveis nomes

Nomes como Tiago Nunes, Fernando Diniz e Schelotto são dados como favoritos

Depois de ser eliminado para o Independiente del Valle, do Equador, na fase preliminar da Libertadores, o técnico Renato Gaúcho deixou o comando do Grêmio na tarde desta quinta-feira (15) após quatro anos e sete meses. Agora, a Diretoria procura nomes para substituir Renato. Então, veja possíveis nomes para técnicos do Grêmio.

Quem vai ser o novo técnico do Grêmio?

Algumas opções já estão no quadro de escolhas da Diretoria do Grêmio, já que existem muitos treinadores, brasileiros ou não, disponíveis no mercado do futebol. O Presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, anunciou que Thiago Gomes, técnico interino, ficará no lugar de Renato até possível substituo chegar.

 

VOTE NA ENQUETE: + Enquete: quem deve ser o novo técnico do Grêmio? 

Tiago Nunes pode substituir Renato Gaúcho

O técnico Tiago Nunes está sem clube desde setembro de 2020, quando treinou o Corinthians por quase dez meses. Entretanto, não obteve muito sucesso no futebol paulista, diferentemente de quando começou a carreira como treinador. Segundo o site do UOL, o nome de Tiago é visto com bons olhos pela diretoria, sendo o favorito até o momento.

Tiago, de 41 anos, começou treinando o São Paulo, time de Porto Alegre. Depois, teve passagens por Ferroviária, Veranópolis e as categorias de base do Athletico-PR. Em 2018, ganhou a chance de treinar o time principal de Curitiba, onde conquistou uma Copa Sul-Americana em 2018 e a Copa do Brasil em 2019 em cima do Grêmio.

Tiago Nunes enquanto técnico do Corinthians (Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

Guillermo Barros Schelotto novo técnico do Grêmio?

De acordo com o Globo Esporte, o nome de Schelotto também aparece entre as opções da Diretoria do Grêmio. O argentino de 47 anos está livre no mercado depois de deixar o comando do LA Galaxy, dos Estados Unidos, desde setembro de 2020.

Ainda segundo as apurações do GE, o agende do treinador já fez os primeiros contatos com a diretoria do clube gaúcho para agendar uma reunião. O ex-jogador Guillermo defendeu o Gimnasia, Boca Juniors e Columbus Crew, na MLS. Como técnico, comandou o Lanús, Palermo, Boca Junior e o norte-americano LA Galaxy.

Schelotto no Boca Juniors em 2018 (Departamento de Prensa de Boca Juniors)

Fernando Diniz está sem clube

O nome de Diniz não aparece entre conversas da Diretoria, mas também pode ser uma opção para o clube. Depois de uma longa temporada treinando o São Paulo, Fernando Diniz ficou livre no mercado em fevereiro de 2021.

Em sua trajetória como técnico, comandou o Botafogo-SP, Audax, Paraná, Oeste, Guarani, Athletico-PR, Fluminense e então, o São Paulo.

Fernando Diniz possui métodos diferentes de trabalho e, mesmo com notícias de que teria problemas com o elenco de seu último trabalho, ainda assim sabe trazer os jogadores para o seu lado em um belo trabalho.

Fernando Diniz treinando o São Paulo ( Rubens Chiri / saopaulofc.net )

 

+ Tabela do Paulistão 2021: FPF divulga datas do fim da 1ª fase

Você pode gostar também
buy cialis online