Com corte na Selic, ainda vale a pena investir na poupança?

O rendimento da poupança se calcula com 70% da taxa Selic, caso esteja em 8,5% ou menos, mais a Taxa de Referência (TR). Hoje, a TR está zerada e a Selic está em 2%, então a poupança rende 1,4% ao ano.

Apesar do baixo rendimento, a poupança é um investimento popular. Em julho, a caderneta atingiu novo recorde, com R$ 27,14 bilhões depositados a mais do que o valor retirado. É o maior resultado para o mês, de acordo com o Banco Central.

Nesse sentido, com a Selic em baixa e a atual projeção para inflação, esse investimento passa a ter rendimento real negativo, na prática, gera prejuízo. Conforma afirma Renata Berenguer, professora de Finanças e mestra em Administração pela UFPE (Universidade Federal do Pernambuco). Outros investimentos de renda fixa também são influenciados por esses indicadores.

Rendimento da poupança

O rendimento da poupança se calcula com 70% da taxa Selic, caso esteja em 8,5% ou menos, mais a Taxa de Referência (TR). Hoje, a TR está zerada e a Selic está em 2%, então a poupança rende 1,4% ao ano.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

É necessário ainda levar em conta a inflação, que atualmente está projetada em 1,71%. Então, há perda de 0,31% no poder de compra ao optar por esse investimento.

Inflação 2020

De acordo com o último Relatório de Mercado Focus do Banco Central, divulgado na segunda-feira (24), a projeção para inflação neste ano é de 1,71%. Há um mês estava em 1,67%. Apesar do aumento, continua abaixo da meta, que é de 4%.

A inflação é medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O mesmo, mede a variação de preços de determinado conjunto de produtos e serviços consumido por famílias. São avaliados itens como arroz, feijão, passagem de ônibus, material escolar, ingresso do cinema. Bem como, o peso que cada produto tem no orçamento familiar. O cálculo é feito todos os meses.

Ademais, a projeção para o ano de 2021 está em 3%.

Pessoa calculando poupança
(Freepik)

Taxa Selic

Em decisão tomada no dia 5 de agosto, o Comitê de Política Monetária (Copom), cortou a Selic de 2,25% para 2% ao ano. Em um cenário de recorrentes baixas.

A taxa Selic se refere aos juros básicos da economia brasileira. É o referencial usado para definir outros tipos de juros, e influencia uma série de investimentos. Desse modo, há cada 45 dias o Copom faz uma reunião a fim de estimular uma meta para o indicador, de acordo com os objetivos pensados para a economia.

Nesse sentido, a taxa é um mecanismo que ajuda a controlar a inflação. Como estamos em um momento de crise econômica, a ação de diminuir a Selic, visa estimular o consumo. Afinal, juros de financiamentos, empréstimos e cartão de crédito diminuem. Porém, o repasse não é integral, há outros fatores analisados.

A saber, a previsão do Banco Central é que a Selic esteja em 3% no próximo ano.

Quanto rende R$ 100 na poupança?

Ao depositar R$ 100 na poupança e deixar o dinheiro lá por um ano, há o rendimento de R$ 1,4, totalizando R$ 101,4. Contudo, considerando a inflação, com perda de 0,31 ponto percentual, há um saldo real de R$ 99,69. Nesse cenário, portanto, se levou em conta a manutenção das taxas atuais da inflação e da Selic.

Investimentos que rendem acima da inflação

Considerar a inflação no momento da escolha de um investimento é importante. Afinal, ao resgatar o dinheiro daqui há 5 anos por exemplo, o investidor quer no mínimo poder comprar a mesma quantidade de itens que compraria quando depositou o dinheiro. Desse modo, é visto que ao longo do tempo a moeda perde poder de compra.

Por isso, é preciso inserir na conta os juros reais, que usam como parâmetro a inflação. Assim sendo, atualmente os juros reais estão em negativo, em -0,31%.

Contudo, há opções de aplicações em renda fixa que podem garantir o poder de compra do investidor. É o caso dos títulos de IPCA+ do Tesouro Direto, que rendem a inflação somada à mais um percentual. Conheça investimentos que melhores que a poupança.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes