Mãos ressecadas: dicas e soluções para deixar a região sempre hidratada

Veja o que fazer para evitar o ressecamento causado pelo uso constante do álcool em gel e a lavagem excessiva

São muitos os motivos deixam as mãos ressecadas. Há os fatores internos, como a redução de substâncias oleosas presentes na pele. E há os fatores externos, como o clima mais seco e as temperaturas muito frias ou muito quentes.

Além disso, a hidratação insuficiente e o uso de hidratantes que não são específicos também podem aumentar a sensação de ressecamento. De modo geral, isso é causado pela quantidade insuficiente de água na epiderme, que é a camada mais externa da pele.

Embora aconteçam com todos os tipos de pele, esses efeitos são sentidos primordialmente nas pessoas que já possuem pele seca ou nos mais idosos.

Em tempos de pandemia, muita gente tem notado um ressecamento ainda mais intenso nas mãos. Como resultado, elas podem chegar a ficar ásperas. Provavelmente isso acontece devido a outros dois fatores: a lavagem excessiva e o uso frequente de álcool em gel.

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Mãos hidratadas sem ressecamento
Imagem: Reprodução / Pixabay

Por que o álcool em gel deixa as mãos ressecadas?

A pele possuiu uma camada de gordura natural. É a chamada camada lipídica, que atua protegendo e mantendo a hidratação.

Com a higienização constante – medida essencial para evitar o contágio da Covid-19 – essa camada acaba sendo removida. Assim, a umidade natural da pele é reduzida. Consequentemente, fica um aspecto ressecado até mesmo em quem tem a pele oleosa.

Mas nada de deixar esses cuidados de lado, afinal, é uma questão de saúde! O álcool em gel possui efeito antisséptico, entre outros. De forma que é fundamental durante a pandemia. Em contrapartida, é bom não exagerar no uso.

Uso de álcool em gel resseca mãos
Imagem: Reprodução / Freepik

Então, sempre que possível, prefira lavar as mãos, a menos que não haja esta opção. Deixe o álcool apenas para os momentos em que ele for inevitável.

O ideal é manter a proteção contra os vírus e bactérias e intensificar a hidratação para evitar as mãos ressecadas.

Ressecamento faz mal para as mãos?

Quando a hidratação não é feita da forma correta, o ressecamento das mãos pode piorar. Em casos mais graves, pode levar ao surgimento de alguns problemas. Por exemplo: descamação, irritações, rachaduras, desencadear o aparecimento de alergias. Pode até mesmo acelerar o processo de envelhecimento, com o surgimento precoce de rugas e flacidez.

Por isso é preciso caprichar ainda mais nos cuidados e ter atenção aos produtos usados, para que sejam específicos para cada tipo de pele.

Como hidratar mãos ressecadas

Hidratante nas mãos
Imagem: Reprodução / Freepik

Manter as mãos bem hidratadas não é difícil. O mais importante é se conscientizar sobre a importância da hidratação e transformar isso em um hábito.

A recomendação da Sociedade Brasileira de Dermatologia é de que os cremes sejam aplicados pelo menos três vezes ao dia, sempre com as mãos secas.

Mas há algumas outras dicas para incluir na rotina diária e cuidar das mãos ressecadas:

  • Para lavar, prefira os sabonetes que tenham ativos hidratantes. Por exemplo: manteigas vegetais e óleos.
  • Escolha um álcool em gel que também tenha uma formulação com função hidratante, pois resseca menos.
  • Aplique o hidratante nas mãos sempre que lavar. Ou depois de usar o álcool em gel.
  • Use hidratantes específicos para o seu tipo de pele. De preferência com uma consistência mais densa.
  • Tenha atenção às substâncias presentes na composição do hidratante. Prefira os que possuam óleo de argan, ureia, aloe vera, ácido hialurônico, murumuru, entre outros.
  • Se tiver a pele mais sensível, evite os produtos com aromas muito fortes. E também os que têm corantes, pois  podem aumentar a sensibilidade e causar alguma alergia.
  • Lembre-se de que, da mesma forma que corpo e rosto, as mãos também precisam de filtro solar. Importante para evitar os danos causados pelo sol.
  • Evite tomar banhos com água muito quente. Isso aumenta ainda mais o ressecamento.
  • Ao lavar a louça ou fazer outras atividades domésticas, use luvas. Desta forma você evita o contato com os materiais de limpeza, que são agressivos.
  • Tenha sempre com você um bom hidratante, principalmente ao sair. Assim ele pode ser usado a qualquer momento.
  • Tome muita água, para ajudar na hidratação da pele de dentro para fora.

Outras dicas de cuidados com as mãos

Mãos hidratadas
Imagem: Reprodução / Pixabay

Além de todos esses cuidados, uma vez por semana é recomendável massagear bem as mãos ressecadas. Para isso basta usar um pouco de creme e algumas gotas de glicerina. Ela tem função umectante. Assim, cria uma camada protetora.

Outra dica é fazer uma esfoliação quinzenalmente. Isso ajuda a remover as células mortas da pele. Assim, ela passa a absorver melhor os componentes dos produtos usados.

Se sentir que mesmo assim as mãos estão muito ressecadas, é importante procurar um dermatologista.

Em alguns casos, o ressecamento das mãos pode ser mais intenso. Dependendo da situação, pode precisar ser tratado. Para isso são indicados produtos de uso tópico compostos por substâncias específicas. As mais comuns são os anti-inflamatórios.

Quando mais grave, pode ser necessário ainda tomar medicamento oral. Mas tudo sempre com prescrição médica. A automedicação nunca é recomendada. E o que funciona para uma pessoa não necessariamente funcionará para outra.

Com todos estes cuidados ficará mais fácil dar adeus às mãos ressecadas. Assim, você irá garantir uma pele macia, saudável e bem cuidada por muito mais tempo!

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes