Ibovespa abre em alta seguindo bom humor externo e IPCA-15 menor

Investidores estrangeiros reduzem temor com inflação americana e Ibovespa acompanha bolsas mundiais

O Ibovespa abriu o pregão desta terça-feira, 25, em alta. No radar, o bom desempenho dos principais índices mundiais, que diminuem o temor com a inflação nos Estados Unidos após falas de autoridades tranquilizando o mercado. Lael Brainard, presidente do Fed de Atlanta, disse que pode ser registrada uma aceleração de preços conforme mais pessoas circulam nas ruas. Mas seria uma espécie de demanda reprimida, sem efeito a longo prazo no País.

Além dos índices futuros americanos, outras bolsas ao redor do mundo registram ganhos. Na Ásia, índices tiveram ganhos depois do setor de tecnologia registrar ganhos e respingar no mercado oriental. Assim, no fechamento da Ásia, o Shanghai composto, da China, subiu 2,4% no dia; o componente Shenzhen subiu 2,343%; em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu 1,75%; no Japão, o Nikkei subiu 0,67%; na Coreia do Sul, o Kospi subiu 0,86%.

As bolsas europeias também seguem por um caminho de alta nesta terça-feira, principalmente depois da pesquisa Ifo sobre clima de negócios na Alemanha. O indicador bateu a marca de 99,2 pontos em maio, frente a 96,6 pontos em abril, registrando o nível mais elevado em dois anos, apesar do PIB da Alemanha ter encolhido mais de 1,8% no período, por causa das restrições geradas pela Covid. A bolsa Dax, da Alemanha, registra alta de 0,60%.

O Ibovespa segue a movimentação externa e tem alta de 0,32%, a 124.428 pontos, às 10h11 (horário de Brasília).

Ibovespa hoje, 25 de maio de 2021

No mercado doméstico, investidores acompanham os resultados do IPCA-15 de maio pelo IBGE. O indicador teve uma alta de 0,44% no mês. Com isso, ficou abaixo do avanço de 0,55% projetado pelos analistas consultados pela Refinitiv e marcando, assim, o maior resultado para um mês de maio desde 2016. Na época, o IPCA-15 foi de 0,86%. Assim, no ano, o indicador já acumula alta de 3,27% e, nos últimos 12 meses, variação de 7,27%.

A atenção de investidores do Ibovespa também está no noticiário político. Enquanto a pandemia chega na marca dos 450 mil mortos, os trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid voltam no Senado. Nesta terça-feira, parlamentares ouvem Mayra Pinheiro, atual secretária de gestão do trabalho do Ministério da Saúde. Vale lembrar que, na última semana, a comissão já ouviu nomes do governo como Ernesto Araújo e Eduardo Pazuello.

Também movimentando o dia dos investidores do Ibovespa está o desenrolar da reforma tributária. Após acordo no Congresso, o Senado deve ficar responsável pela análise de duas etapas da reforma, acelerando a discussão do tema. Na véspera, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e o ministro da Economia, Paulo Guedes, se reuniram para discutir o assunto.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes