Carteira recomendada: veja as 4 ações com mais indicações na semana

Uma carteira recomendada é um conjunto de ativos sugeridos para um investidor. Confira as indicações de 5 corretoras separadas pelo Jornal DCI.

Nas carteiras recomendadas dessa semana destacam-se ações da B3, Iochpe-Maxion, Magazine Luiza e Via Varejo. Cada uma delas contou com duas indicações dentre as carteiras semanais das seguintes instituições financeiras: Ativa Investimentos, Guide Investimentos, Mirae Asset, MyCap Investimentos e Terra Investimentos. Desse modo, estas sugestões valem até o dia 25 de setembro, sexta-feira.

Nesse sentido, uma carteira recomendada nada mais é do que um conjunto de ativos sugeridos para um investidor. Nas carteiras semanais de ações são indicados papéis considerados potenciais ao longo desse período.

B3

A bolsa de valores brasileira teve suas próprias ações recomendadas pelas corretora Guide e MyCap Investimentos. A saber, a B3 atua em criação e administração de sistemas de negociação, compensação, liquidação, depósito e registro de ações e outros tipos de ativo.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A Guide Investimentos aponta que em meio a um cenário conturbado, a companhia tem apresentado grande volume de negociações. “Esperamos que os números operacionais da B3 continuem com volume mais forte neste 2020, especialmente de ações (segmento Bovespa) e futuros (segmento BM&F), diante do quadro de taxas de juros mais baixas” diz o relatório.

Iochpe-Maxion

Os papéis da Iochpe-Maxion foram recomendados pela Ativa Investimentos e pela Mirae Asset. A saber, a companhia produz componentes para automóveis, é líder em produção de rodas automotivas. Conta com 31 fábricas em 14 países.

A companhia teve queda de mais de 50% na receita líquida no segundo trimestre de 2020, em relação ao mesmo período do ano anterior. Também apresentou aumento do endividamento. No entanto, a Mirae Asset espera que haja recuperação do mercado de automóveis até o fim do ano e ao longo de 2021. Além disso, a ação da empresa está “muito descontada”, ou seja, está sendo negociada por um preço abaixo de seu valor patrimonial.

Magazine Luiza

A Magazine Luiza continua nas carteiras recomendadas da Mirae Asset e MyCap Investimentos. Recentemente, a varejista anunciou processo seletivo para trainee exclusivo para pessoas negras.

A Magalu tem forte atuação no e-commerce, algo que se potencializou no cenário pandêmico. Sendo assim, a Mirae Asset espera que a companhia obtenha melhores resultados devido ao cenários de de juros inflação baixos, além da recuperação gradual da economia. “Estimamos que também deverá continuar estudando novas aquisições e inaugurando novas lojas ao longo dos próximos meses” diz o texto.

Via Varejo

O ativo da Via Varejo está presente nas carteiras da Mirae Asset e da Terra Investimentos. A varejista de eletroeletrônicos e móveis, administra as lojas Casas Bahia e Pontofrio. Além disso, também é responsável pela fábrica de móveis Bartira e pela plataforma de e-commerce do Extra.

No segundo trimestre do ano houve um aumento de 290% nas vendas online em relação ao mesmo período de 2019. Portanto, “foi um resultado sólido, superior ao esperado e com a surpresa do forte crescimento nas vendas online” diz texto da Mirae Asset, que espera que a empresa tenha resultados ainda melhores nos próximos trimestres

Veja então as carteiras recomendadas das cinco corretoras monitoradas. Bem como, suas modificações.

Pessoa olhando ações no celular
Fonte: Freepik

Ativa Investimentos

Em princípio, a carteira recomendada da Ativa Investimentos teve duas modificações. As ações da Natura e Duratex, deram lugar à Randon e Suzano Papel e Celulose.

  • Randon (RAPT4)
  • Suzano Papel e Celulose (SUZB3)
  • Camil Alimentos (CAML3)
  • Iochpe-Maxion (MYPK3)
  • Ultrapar (UGPA3)

Guide Investimentos

Ademais, a Guide Investimentos também fez duas mudanças. Saíram ações da Burger King Brasil e Hapvida, e entraram ativos da B3 e Localiza.

  • B3 (B3SA3)
  • CSN (CSN3)
  • Localiza (RENT3)
  • Locaweb (LWSA3)
  • Natura (NTCO3)

Mirae Asset

Em seguida, a carteira semanal da Mirae Asset retirou ação do Bradesco e incluiu papel da Iochpe-Maxion.

  • Cosan (CSAN3)
  • Gerdau (GGBR4)
  • Indústrias Romi (ROMI3)
  • Iochpe-Maxion (MYPK3)
  • JBS (JBSS3)
  • Klabin Unit (KLBN11)
  • Magazine Luiza (MGLU3)
  • Randon (RAPT4)
  • Vale (VALE3)
  • Via Varejo (VVAR3)

MyCap Investimentos

Já a MyCap Investimentos adicionou ativo da B3, e excluiu ação da Cyrela.

  • B3 (B3SA3)
  • Marfrig (MRFG3)
  • Magazine Luiza (MGLU3)
  • PetroRio (PRIO3)
  • Movida Participacoes (MOVI3)

Terra Investimentos

Por fim, a Terra Investimentos não fez mudanças na carteira recomendada.

  • MRV (MRVE3)
  • TIM (TIMP3)
  • Banco do Brasil (BBAS3)
  • Via Varejo (VVAR3)
  • Iguatemi (IGTA3)

 

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes