Eleições 2020: conheça as principais propostas de Boulos para SP

O candidato, que está em terceiro lugar nas pesquisas, quer aumentar o valor do IPTU das mansões

Guilherme Boulos (PSOL), candidato à Prefeitura de São Paulo nas Eleições 2020, está em terceiro lugar na disputa, com 14% das intenções de voto, segundo a última pesquisada divulgada pelo Datafolha, ontem (22).

Membro da Coordenação Nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, Boulos é alinhado à esquerda e defende o aumento do valor da tarifa do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) das mansões e a criação da “Lista Suja do Machismo”, formada por denúncias de empresas que pagam salários inferiores para mulheres nos mesmos cargos que homens.

O Plano de Governo dele, registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), tem 62 páginas e está dividido em 24 temas, indo da assistência social à zeladoria urbana.

Conheça as principais propostas do candidato retiradas do documento:

Eleições 2020- Propostas para o combate ao racismo

  • Constituir o Fundo Municipal de Políticas de Combate ao Racismo com um percentual fixo do orçamento municipal
  • Compromisso com os processos de demarcação de terras indígenas no município
  • Fazer com que se cumpra a Lei Municipal nº 15.939, de 2013, que dispõe sobre o “estabelecimento de cotas raciais para o ingresso de negros e negras no serviço público municipal em cargos efetivos e comissionados”
  • Instituir o Programa de Formação Continuada dos Profissionais da Rede Municipal de Educação Para o Respeito à Diversidade Étnica e Racial
  • Impedir a homenagem a figuras históricas relacionadas a escravidão no país em monumentos e nomes de locais públicos

Propostas para Cultura

  • Ampliar progressivamente o orçamento da função cultura para 3% até 2024
  • Ampliar a rede de bibliotecas públicas, incluindo as bibliotecas móveis, em áreas como parques, centros culturais, casas de cultura, clubes desportivos municipais, conjuntos habitacionais de responsabilidade da prefeitura, áreas de subprefeituras e terrenos municipais ociosos
  • Regulamentar e implantar a Lei Ruas Abertas (Lei 16.607/16) em diálogo com comunidades e com o movimento de artistas de rua
  • Estimular a produção da cultura digital, implementando e ampliando os pontos de Wi-Fi livre focados em espaços públicos e territórios periféricos

Eleições 2020- Propostas para Economia, Trabalho e Renda 

  • Construir o Programa de Renda Solidária, reestruturando e ampliando o programa existente para garantir que nenhuma família vulnerável em São Paulo fique sem uma renda mínima
  • Fornecimento de internet gratuita aos microempreendedores da periferia
  • Planejar a implementação de uma reforma tributária, baseada na proporcionalidade e na progressividade da cobrança de impostos
  • Elevação da alíquota de ISS para instituições financeiras e aumento do valor da tarifa do IPTU para mansões

Propostas para Educação 

  •  Zerar o analfabetismo funcional em São Paulo
  •  Desenvolver programas de formação continuada para os profissionais da educação visando ativa participação no combate ao preconceito e à discriminação
  • Propor política de educação bilíngue para surdos, com a participação deles e de suas famílias, fortalecendo as EMEBS e o ensino de libras na rede municipal

Eleições 2020- Mulheres e Igualdade de gênero 

  • Garantir a prioridade de vítimas de violência doméstica no acesso à renda, programas de habitação e sociais e vagas em creches
  • Criar um protocolo municipal de atendimento e acolhimento ao aborto legal, complementar
    ao do SUS, com a ampliação de profissionais com atuação específica para realizar o atendimento
  • Assegurar passe livre para gestantes e mulheres com crianças de colo de até 2 anos
  • Criar a “Lista Suja do Machismo”, com denúncias de empresas que pagam salários inferiores para mulheres nos mesmos cargos que homens

Propostas para Transportes 

  • Implementar a Tarifa Zero,  assegurando a gratuidade a desempregados e estudantes
  • Ampliar a conexão Wi-Fi nos ônibus, terminais e corredores
  • Estabelecer políticas que visem a denúncia, o combate e a eliminação de práticas de assédio sexual contra as mulheres nos transportes públicos
Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.