Eleições RJ 2020: Eduardo Paes derrota Marcelo Crivella e é eleito

O atual prefeito da capital carioca foi derrotado neste domingo (29) durante o segundo turno eleitoral.

Eleições RJ 2020: o candidato Eduardo Paes (DEM) derrotou o atual prefeito carioca Marcelo Crivella (PSDB). Paes (DEM) vinha liderando nas pesquisas desde o começo da campanha, contudo não houve pesquisa boca de urna no Rio de Janeiro antes do pleito. Hoje (29) Paes (DEM) se consagrou mais votado no segundo turno eleitoral. Até o momento, cerca de 88% das urnas foram apuradas, mas como Paes está com 64% dos votos válidos, Crivella não tem chances de virar. Portanto, o novo prefeito da capital carioca é Eduardo Paes (DEM).

Eduardo Paes – Eleições RJ 2020

Eduardo Paes tem 50 anos, foi nascido e criado no Rio de Janeiro (RJ). Ele é casado com Cristine e tem dois filhos, Bernardo e Isabela. É formado em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ).

Começou na área política cedo, aos 23 anos, quando assumiu a Subprefeitura de Jacarepaguá e da Barra. Dois anos depois, foi eleito o vereador mais votado do Brasil. Em 1998, se tornou o deputado federal mais votado da cidade do Rio.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O candidato pelo partido Democratas (DEM), já ocupou o cargo de prefeito do Rio de Janeiro entre os anos de 2009 e 2016. Paes também já foi vereador, deputado federal e secretário estadual do Turismo, Esporte e Lazer.

Eduardo Paes concorreu ao governo do estado em 2018, mas foi derrotado por Witzel. Neste ano, se candidatou e venceu nas eleições 2020 do RJ. A chapa eleita em 2020 tem Nilton Caldeira como vice-prefeito, que é presidente municipal do Partido Liberal (PL).

eleições rj 2020 - eduardo paes
Eduardo Paes (Foto: Estefan Radovicz/Agencia O Dia)

Propostas de Paes

Com o menor programa de governo, Eduardo Paes expõe seus projetos em duas páginas apenas.

Nas propostas do candidato, não há um aprofundamento ou medidas concretas a serem realizadas caso ele seja eleito. Dentre os projetos está melhorar a qualidade da educação pública, qualificar melhor a guarda municipal, propõe uma maior aproximação entre o governo municipal e a instancia federal. O candidato pretende também “implantar um plano de ação de alto impacto para os primeiros cem dias da administração com foco na volta às aulas de forma segura frente à pandemia e na recuperação imediata de serviços essenciais para a população nas Clínicas da Família, nas UPAs e nos BRTs”.

Por fim, o candidato conclui dizendo que se compromete a cumprir com seus projetos e com seu programa se for eleito.

Rejeição de Crivella – Eleições RJ 2020

Eleições RJ 2020 - foto mostra Marcelo Crivella
Marcelo Crivella (Foto:  Tomaz Silva/Agência Brasil)

Um dos motivos que contribuíram para a eleição de Eduardo Paes (DEM) foi a forte rejeição que o atual prefeito vinha sofrendo por parte da população. Uma pesquisa do começo de novembro do Datafolha apontou que a rejeição de Marcelo Crivella (Republicanos) era de 62%. Ainda sim, o candidato teve 20% dos votos válidos do primeiro turno e disputou o segundo neste domingo (29), mas foi derrotado. Crivella foi eleito em 2016 e finaliza seu mandato em 2020.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes