Governo dos EUA suspende tratado de extradição com Hong Kong

A medida entrou em vigor em conjunto com a suspensão de outros dois tratados bilaterais, que envolvem a entrega de infratores fugitivos, a transferência de pessoas condenadas e isenções fiscais recíprocas.

Em nova escalada da tensão diplomática entre os países, o governo dos EUA suspendeu o tratado de extradição com Hong Kong.

A medida entrou em vigor na última quarta-feira (19), em conjunto com mais 2 tratados bilaterais que também foram suspensos. Outros países já haviam adotado medidas similares.

No mês de julho, o presidente Donald Trump encerrou o comércio preferencial e o status diplomático de Hong Kong com os EUA.

“O Partido Comunista Chinês optou por esmagar a liberdade e a autonomia do povo de Hong Kong”, tuitou o secretário de Estado Mike Pompeo. Ele se refere à nova lei de segurança nacional promulgada pelo governo chinês.

De acordo com os críticos, a lei efetivamente restringe o protesto e a liberdade de expressão.  No entanto, a China garante que a nova lei devolverá a estabilidade ao território após um ano de agitação.

 

EUA suspende tratado de extradição com Hong Kong

 

Ainda que a medida já fosse esperada, o governo de Hong Kong se pronunciou, afirmando que objeta veementemente e deplora” a suspensão do tratado de extradição, bem como dos demais acordos bilaterais.

De acordo com a BBC, a administração diz que a atitude norte-americana é “amplamente vista como uma medida para criar problemas nas relações China-EUA, usando Hong Kong como peão“.

Outros países como Reino Unido e Alemanha também suspenderam os tratados de extradição nas últimas semanas.

 

tratado de extradição eua hong kong
Imagem: Reprodução / Pixabay

 

 

Entenda as novas sanções impostas pelo governo norte-americano

 

Recentemente, a tensão diplomática entre os EUA e a China se agravou. Após o fechamento do consulado chinês em Houston, os jornalistas chineses podem não ter seus vistos renovados para permanecer em solo americano.

Ainda no início deste mês, o governo Trump impôs sanções à presidente-executiva de Hong Kong, Carrie Lam. Também foram afetadas outras 10 autoridades importantes de Hong Kong e da China continental.

Por fim, os três tratados bilaterais suspensos na última-quarta feira compreendem:

  • Entrega de criminosos foragidos;
  • Transferência de pessoas condenadas;
  • Fim de isenções recíprocas de impostos sobre a renda derivada da operação internacional de navios.

Segundo informações da BBC, a suspensão das isenções recíprocas de impostos deve afetar significativamente as empresas de Hong Kong.

Você pode gostar também
buy cialis online