Kombucha: aprenda o que é e como fazer a bebida 

Produzido a partir da fermentação do chá, o kombucha é uma bebida gasosa, ácida e levemente adocicada, além de ser cheia de probióticos. 

kombucha integra o grupo das bebidas probióticas, ou seja, contém micro-organismos vivos que aumentam a presença de bactérias “do bem” no intestino. Ele tem conquistado cada vez mais espaço no mercado. Tanto que, de acordo com a empresa de pesquisa Global Market Insights, deve movimentar mais de cinco bilhões de dólares até 2025. Ao mesmo tempo, a projeção da taxa de crescimento anual é de 16%.  

Apesar de todo o sucesso atual, a verdade é que o consumo de kombucha é milenar. O primeiro registro, por exemplo, vem da China, no ano de 221 a.C. E uma das razões de sua fama é, sem dúvida, o sabor singular do produto. Ele é efervescente, levemente adocicado e azedo e pode ter uma infinidade de sabores.  

kombucha vem ainda se tornando tendência na alimentação saudável, pois promove diversos benefícios à saúde. Em primeiro lugar, gera sensação de bem-estar, fortalece a imunidade, assim como ajuda na digestão e saciedade. “Os fermentáveis da bebida permitem maior produção de derivados da fermentação bacteriana no intestino. O Butirato, por exemplo, auxilia no controle e manutenção da saúde intestinal, reduzindo algumas sensibilidades alimentares, doenças hepáticas e até mesmo controle de peso”, informa Juliana Paz, nutricionista. 

Além disso, segundo a nutricionista Caroline Possato, a bebida tem alto poder antioxidante e vitaminas C e do complexo B. “Mas é preciso cuidado. Quem tem problemas no fígado, crianças e diabéticos devem evitar o consumo. O importante é consultar um profissional antes de incluir na dieta”, alerta. 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

 

Como fazer kombucha em casa? 

kombucha
Imagem: reprodução / Pinterest

 

A fermentação do chá se dá através da cultura de diferentes bactérias e leveduras. São cerca de 40 micro-organismos que, juntos, formam uma camada gelatinosa conhecida como “mãe” ou “scoby“.  Essa colônia é essencial para a produção do kombucha, por isso, se quiser fazer a bebida é preciso conseguir um scoby saudável de alguém que já o produz. É possível ainda comprar o preparado em lojas de produtos naturais. 

Em seguida, adicione a colônia em um recipiente com 1 litro de chá (geralmente verde ou preto) frio e coado. Para alimentar as bactérias basta acrescentar açúcar à mistura. Esses dois ingredientes são os responsáveis pelo sabor e aroma da bebida. 

Mantenha em um local seco e longe do sol por dois dias. Então, experimente o sabor do kombucha, que não deve ser muito doce tampouco similar ao vinagre. Se estiver assim, aguarde mais dois dias de fermentação.  

Por fim, você pode despejar 90% do conteúdo em outra garrafa e variar o sabor. Para isso, use frutas, especiarias e até café. Deixe fora da geladeira para uma segunda fase de fermentação. Além disso, é nessa hora que acontece a pressão interna que resulta no efeito gasoso. Depois, consuma a bebida gelada. 

Sabe os 10% do líquido que sobraram? Pois bem, você pode guardar para reiniciar a produção do kombucha ao somar mais meio litro de chá e armazenar fora do sol. Pode ser dentro ou fora da geladeira. 

No vídeo abaixo, você confere todos os detalhes do passo a passo com Bela Gil, que prepara um kombucha com jabuticaba.  

  

Vale dizer que você encontra também muitas versões já prontas do kombucha em mercados e lojas de produtos naturais. 

 

Cuidados com o scoby 

scoby
Imagem: reprodução / Pinterest

 

O scoby, ou seja, a “mãe” que dá origem ao kombucha, exige alguns cuidados especiais. Mas não se preocupe: o processo é simples. 

Assim, mantenha a colônia em um recipiente com chá sempre ao abrigo da luz. É importante tampar apenas com pano e elástico, já que os micro-organismos precisam estar em contato com o ar para respirar. Alimente de vez em quando com um pouco de açúcar, mas atenção para não deixar o líquido se transformar em um vinagre. 

É possível que a colônia apresente mofo. Nesse caso, será necessário jogar fora e conseguir uma nova para só então reiniciar o processo. 

  

Receitas de kombucha 

 

Kombucha com frutas 

 

Ingredientes 

300 ml de kombucha básico pronto  

100 ml de suco natural – escolha as frutas de sua preferência 

 

Modo de preparo 

Misture bem o kombucha e o suco em um pote de vidro. Em seguida, aguarde cerca de 24 horas para completar a segunda fermentação. Então, é só servir bem geladinho. 

  

Gengibre e limão 

kombucha de gengibre e limão
Imagem: reprodução / Pinterest

 

Ingredientes 

1 l de kombucha básico pronto 

10 g de gengibre 

Suco de um limão  

  

Modo de preparo 

Em primeiro lugar, você deve cortar o gengibre em fatias e separar algumas lascas da casca do limão. Cuidado, no entanto, para não retirar a parte branca, que deixa um sabor amargo.   

Coloque os ingredientes em uma garrafa de vidro, acrescente o suco do limão e o kombucha. Em seguida, misture bem. Por fim, feche a garrafa e espere de três a sete dias para finalizar a segunda fermentação da bebida. 

Depois de aguardar, o kombucha saborizado está pronto para consumo. 

 

Kombucha com café 

 

Ingredientes  

1 scoby 

100 ml de kombucha (substitua, se desejar, por 3 colheres de vinagre de maçã) 

40 g de café torrado e moído 

1,5 l de água 

100 g de açúcar (de preferência demerara ou mascavo) 

 

Modo de preparo 

Adicione o café à água já fervente e coe em seguida. Ou seja, não é necessário deixar em infusão por muito tempo.   

Depois, acrescente o açúcar com a água ainda quente. Deixe o líquido chegar à temperatura ambiente e então transfira para a garrafa ou recipiente onde a bebida deve fermentar. 

Coloque o kombucha, misture bem e acrescente o scoby. Cubra o vidro com um tecido e mantenha fora da luz e em temperatura ambiente por cinco dias. A bebida estará pronta, enfim, ao final desse período. 

Fontes
Caroline Possato, nutricionista do Instituto Mineiro de Endocrinologia. Juliana Paz, nutricionista. 

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes