Marilia Mendonça faz nova tatuagem: ‘plantei coisa boa em fase ruim’

Marilia Mendonça fez a quinta tatuagem, na segunda-feira (14). Trata-se de um coração no antebraço. “Fiz meu coração de jardim. Plantei coisa boa em fase ruim”, escreveu. Ela já tem o nome do filho nos dedos da mão, o símbolo da turnê “Todos os Cantos”, além de um beija-flor no pescoço – homenagem à mãe.

Como é a tatuagem da Marília Mendonça?

A cantora escolheu o antebraço para tatuar um coração anatômico, que reproduz o formato do órgão, incrementado por ramos de flores e folhas. “Nada que tenha pulsado em vão. Fiz meu coração de jardim. Plantei coisa boa em fase ruim. Entre o perfume das flores e o sangue. Nem tão delicada e nem tão realista assim”, escreveu no Instagram.

(Foto: @mariliamendoncacantora/Instagram/Reprodução)

- PUBLICIDADE -

O trabalho é assinado por Lucas Franco. Nos Stories, o artista publicou um vídeo em que Marilia Mendonça aparece de máscara, necessária para reduzir a propagação do novo coronavírus.

Ela estava acompanhada de Murilo Huff, com quem reatou o namoro na última semana, após quatro meses de separação. O casal tem um filho, Léo, que completa 1 ano amanhã (16).

(Foto: @___boy___/Instagram/Reprodução)

Marilia Mendonça tem outras tattoos

(Foto: @mariliamendoncacantora/Instagram/Reprodução)

Marília Mendonça fez as duas primeiras tatuagens, em janeiro deste ano. Uma delas é em homenagem ao filho. As letras do nome Léo aparecem nos dedos da mão.

(Foto: @mariliamendoncacantora/Instagram/Reprodução)

A outra é o símbolo da turnê “Todos os Cantos”, com algumas adaptações, como a mamadeira, fazendo referência ao bebê. “Duas de primeira. Com muito significado”, comentou.

 

- PUBLICIDADE -

(Foto: Marilia Mendnça/Twitter/Reprodução)

“Essa é a do punho. Sou eu e minha mãe. Ela sempre me carregando. E o infinito do nosso amor”, explicou a cantora.

(Foto: @mariliamendoncacantora/Instagram/Reprodução)

A quarta tatuagem da Marilia Mendonça é um beija-flor na lateral do pescoço. Para falar sobre seu significado, citou um trecho do filme “O Curioso Caso de Benjamin Button”: “Não é apenas um pássaro qualquer, o seu coração bate 1200 vezes por minuto, bate as suas asas 80 vezes por segundo, se parassem as suas asas de bater, estaria morto em menos de 10 segundos. Não é um pássaro vulgar, é um milagre”.

Comentários (0)
Comentar