7 curiosidades sobre Dom Pedro II, imperador do Brasil

História da nobreza brasileira está sendo mostrada em Nos Tempos do Imperador, novela das seis

Dom Pedro II, interpretado por Selton Mello, é o protagonista de Nos Tempos do Imperador, atual novela das seis. A trama é baseada em fatos reais e mostra algumas das principais características e momentos da vida do nobre no Brasil. Abaixo, veja algumas curiosidades sobre Dom Pedro II.

Se tornou príncipe regente aos 5 anos de idade – Curiosidades Dom Pedro II

Com apenas um ano de idade, Dom Pedro II se tornou órfão de mãe e passou a ser criado pela ama suíça Marianna Carlota de Verna Magalhães. Os irmãos mais velhos de Pedro também morreram e quando seu pai Dom Pedro I abdicou ao trono brasileiro, ele se tornou príncipe regente em 1830.

Devido a incapacidade de Dom Pedro II de governar, o Brasil passou pelo Período Regencial até 1840, quando o imperador foi declarado maior de idade aos 15 anos e assumiu o trono.

Dom pedro ii
Pintura de dom pedro ii aos 15 anos – foto: reprodução/félix émile taunay via wikimedia commons

Poliglota – Curiosidades Dom Pedro II

Durante sua infância, Dom Pedro II foi preparado para assumir o trono brasileiro. O nobre aprendeu a falar inglês, francês, alemão, italiano, espanhol, latim, hebraico e tupi-guarani.  Inclusive, é de sua autoria primeira tradução no Brasil do clássico Mil e uma Noites.

Nome grande

Como era de costume entre a nobreza da época, Dom Pedro tinha muitos sobrenomes. Seu nome completo era Pedro João Carlos Leopoldo Bibiano Francisco Xavier de Paula Leocádio Miguel Gabriel Rafael Gonzaga de Alcântara.

Apreço pela fotografia, ciência e astronomia – Curiosidades Dom Pedro II

Dom Pedro II era conhecido pelo seu amor pela ciência e astronomia. Ao longo de sua vida, ele se tornou membro de algumas importantes sociedades de pesquisa, como a Sociedade Geográfica Americana, Royal Society da Inglaterra, entre outras. Ele também foi reconhecido como patrono da Astronomia no Brasil pela Sociedade Brasileira de Astronomia e o dia 2 de dezembro, data do aniversário do nobre, foi instituído como o Dia Nacional da Astronomia.

Além do interesse por ciência, o imperador era um entusiasta da fotografia e ajudou no desenvolvimento do ofício no país. Depois de sua expulsão do Brasil em 1889, Pedro doou cerca de 25 mil fotos à Biblioteca Nacional.

Dom pedro ii registrou um terremoto e incentivou a produção do primeiro artigo científico sobre o tema no brasil. Fonte: domínio público
Dom pedro ii – foto: domínio público

Casamento com Teresa Cristina

Havia pressa em arranjar um casamento para Dom Pedro II e logo foi encontrada a princesa de Nápoles, Teresa Cristina. O jovem imperador se apaixonou pela moça ainda sem conhecê-la.

Em 30 de maio 1843, os dois se casaram por meio de uma procuração – Teresa só chegou ao Brasil em setembro daquele ano. Quando os dois se encontraram, Teresa Cristina se encantou pelo monarca, mas o sentimento não foi recíproco.  Pedro foi decepcionado com a aparência física de sua esposa, pois ela não tinha as características que haviam lhe contado.

O casal teve quatro filhos: Afonso, Isabel, Leopoldina e Pedro, mas os meninos morreram precocemente ainda bebês.

Teresa cristina de bourbon-duas sicílias morreu de que
A imperatriz teresa cristina – foto: reprodução/wikimedia commons

Altura

Dom Pedro II era um homem bem alto: o imperador do Brasil tinha 1,90m de altura. Ele também tinha olhos azuis, e aos 44 anos, era considerado um pouco mais grisalho que o normal para sua idade.

Maior governo da história brasileira

Dom Pedro II foi o governante que mais ficou no poder na história do Brasil. O monarca esteve à frente do país entre 1840 até 1889, por 49 anos seguidos.

Dom pedro ii foi expulso do brasil
Dom pedro ii na vida real e na novela, interpretado por selton mello- foto: wikipedia/tv globo/reprodução

 

Fonte das informações: Gshow, Aventuras na História, Sou Petrópolis e Revista Recreio

 

Leia também: Dolores sofre com Tonico na reta final de Nos Tempos do Imperador

 

 

 

Você pode gostar também