Filmes de Chadwick Boseman: relembre 4 papéis marcantes do ator

Sua incansável cruzada pela aceitação cultural vive por meio de seu inspirador catálogo de apresentações. Aqui, relembramos quatro dos papéis mais influentes na carreira da estrela de ‘Pantera Negra’. 

Chadwick Boseman, de 43 anos, foi lembrado como um talento inspirador, uma alma gentil e um verdadeiro lutador na sexta à noite (28), após a notícia de sua morte. O ator enfrentava uma batalha de quatro anos contra o câncer de cólon. Embora ainda leve algum tempo para processar a morte do ator, os filmes de Chadwick Boseman e seus trabalhos continuam, talvez agora, mais do que nunca.

Sua incansável cruzada pela aceitação cultural vive por meio de seu inspirador catálogo de apresentações. Aqui, relembramos quatro dos papéis mais influentes na carreira da estrela de ‘Pantera Negra’.

 

1. T’Challa / Pantera Negra (2018) – Filmes de Chadwick Boseman

Filmes de Chadwick Boseman como Pantera Negra

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Entre os filmes de Chadwick Boseman, sem dúvidas este personagem é o mais icônico. Como rei da nação fictícia de Wakanda, o papel de T’Challa de Chadwick Boseman foi inovador, não apenas para a Marvel, mas para o cinema em geral. Embora na superfície, Black Panther pareça ser um simples filme de super-herói, há muito mais em jogo neste lançamento de 2018. Os temas do filme desafiam o preconceito institucional, enquanto seus personagens fazem uma escavação nada sutil em opressores. Assim, por meio de uma narrativa que inclui perspectivas anteriormente inexploradas sobre a vida e tradição negra , a Pantera Negra conceituou a jornada de 500 anos em direção à liberdade para os afrodescendentes que vivem em nações ocidentais.

Aliás, os temas de libertação, igualdade e pertencimento ressoaram com o público; Black Panther se tornou o nono filme de maior bilheteria de todos os tempos após o lançamento.

Lançamento inicial: 29 de janeiro de 2018 (Hollywood)
Diretor: Ryan Coogler
Bilheteria: 1,344 bilhões de dólares (em 22 de maio de 2018)
Orçamento: 200 milhões de dólares (2016)

2. Jackie Robinson – 42 (2013)

Uma das maiores mudanças na carreira de Boseman veio em 2013, quando ele retratou a história da vida real do ícone do beisebol Jackie Robinson. Contando a jornada inspiradora do primeiro afro-americano a jogar na Major League Baseball na era moderna, 42 é uma história de difamação racial, perseverança e força. Assim sendo, em uma época em que a segregação era a norma e o beisebol era um jogo puramente para homens brancos, Robinson lutou para ganhar seu lugar na liga, tornando-se um dos maiores que já jogaram no processo.

Data de lançamento : 2 de maio de 2013 (Austrália)
Diretor: Brian Helgeland
Bilheteria: 97,5 milhões de dólares
Orçamento: 40 milhões de dólares

 

Thurgood Marshall – Marshall (2017)


Em outro papel histórico, Boseman interpretou Thurgood Marshall. Como o primeiro juiz afro-americano da Suprema Corte, Marshall foi um indivíduo excepcional que superou a discriminação racial e a difamação para chegar ao topo de sua profissão, abrindo novos caminhos culturais. De fato, vemos Chadwick Boseman como um jovem Marshall, às voltas com um caso que o leva ao seu limite.

Lançamento inicial: 13 de outubro de 2017 (Canadá)
Diretor: Reginald Hudlin
Música em destaque: Stand Up for Something
Bilheteria: 10,1 milhões de dólares

 

James Brown – Get On Up (2014)

Filmes de Chadwick Boseman como James Brown

Existem poucas figuras históricas que têm o significado cultural como o do cantor de soul James Brown tinha. Em 2014, Chadwick Boseman foi encarregado de dar vida à sua história na tela. Em Get On Up , Boseman leva os espectadores para dentro da mente de Brown, por meio de uma série de convenções de narrativa não lineares. Então aprendemos sobre a infância de Brown, a herança musical e a incrível arte performática, mas de maneira realista, Boseman também revela o lado mais sombrio da vida da lenda da música.

Assim, como uma das maiores e mais influentes figuras do movimento de igualdade negra, a história de James Brown é nada menos que incrível e é acompanhada apenas pela atuação habilmente trabalhada de Boseman.

Data de lançamento : 30 de outubro de 2014 (Austrália)
Diretor : Tate Taylor
Produtores : Tate Taylor, Mick Jagger, Victoria Pearman, Brian Grazer, Erica Huggins
Roteiro: John-Henry Butterworth, Jez Butterworth

Informar Erro
Através da Manofmany

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes