Quem morreu em Pantanal e quem ainda vai se despedir da novela

Folhetim tem grande elenco e não poupa personagens da morte.

Tião e Quim marcaram maior presença na primeira fase da novela Pantanal, mas o nome da dupla voltou a ser citado recentemente no folhetim e uma pequena participação especial aconteceu nos capítulos recentes da trama. O momento foi uma despedida aos amigos de José Leôncio, que faleceram. Além deles, o remake da Globo já tem uma longa lista de quem morreu em Pantanal e ainda ganhará novas tragédias ao longo dos próximos capítulos.

Tião e Quim – Quem morreu em Pantanal

A dupla Tião e Quim foi Quem morreu em Pantanal. Os dois retornaram ao folhetim para uma despedida apropriada, já que os peões interpretados por Fábio Neppo e Chico Teixeira surgiram na primeira fase da novela, como parte da comitiva do pai de José Leôncio.

Eles haviam parado de aparecer na trama pois passaram a trabalhar em outra propriedade de José Leôncio. Na segunda fase, a dupla não retornou ao folhetim antes do episódio em que faleceram.


Há pouco tempo, a dupla havia se aposentado e não trabalhava mais ao lado da peãozada. O próprio Zé Leôncio havia colocado os dois de lado no trabalho pesado por conta da idade e para evitar possíveis tragédias. Porém, Tião e Quim decidiram resolver algumas pendências da fazenda antes de uma visita de José Leôncio, o que resultou em um acidente que tirou a vida de Tião.

Depois disso, Quim apareceu pela primeira vez mais velho na novela, ao lado do caixão do amigo. No mesmo capítulo, pouco depois do velório de Tião, Filó foi informada que Quim também morreu na novela Pantanal. José Leôncio então fez uma roda de viola em homenagem aos amigos.

Tião não ganhou uma versão mais velha na novela Pantanal antes de morrer, mas Quim sim. Interpretado primeiro por Chico Teixeira, o papel passou para as mãos do pai do famoso, o cantor Renato Teixeira.


Conheça o trabalho de Renato Teixeira:

Quem morreu em Pantanal até agora

Tião e Quim morreram agora na novela Pantanal, mas a lista de despedidas do folhetim é grande e também conta com outros nomes. Além dos que já deixaram a trama, mais personagens vão falecer ao longo da segunda fase e reta final do remake da Globo.

Maria Marruá, Gil e Chico: a família inteira de Juma morreu na novela Pantanal. A jovem foi a única sobrevivente. Chico, irmão mais velho da moça, morreu em uma briga de terras no Paraná, ele era o terceiro filho que Maria e Gil perdiam até então.

Depois da morte de Chico, o casal se mudou para o pantanal, em que ganharam uma nova vida. Porém, o perigo não os deixou. Pouco depois do nascimento de Juma, Gil foi assassinado.

Anos depois, com Juma já adulta, Maria Marruá recebe a visita de um jagunço na beira do rio. O homem foi ao local para se vingar da morte do pai de Muda, que foi assassinado por Gil depois da morte de Chico. Ele é atacado pelas garras de Maria Marruá, mas ela acaba baleada e não resiste aos ferimentos.

Joventino: o personagem de Irandhir Santos foi um dos primeiros a deixar o folhetim. Ele morreu logo no começo da novela Pantanal, porém, Joventino só é confirmado como morto de fato no último capítulo da trama, até lá ele é considerado desaparecido, pois seu corpo nunca foi encontrado.


O que aconteceu com o fazendeiro foi o seguinte: ele perseguiu o boi que queria para seus pastos até o mato. Durante a briga com o bicho, Joventino caiu do cavalo e logo depois foi atingido por uma cobra no pescoço. Ao se tornar o velho do rio, seu corpo desapareceu e José Leôncio nunca descobriu o paradeiro do pai. Tudo é revelado no último capítulo, em uma conversa entre pai e filho.

Antero: avô materno de Jove, o personagem de Leopoldo Pacheco apareceu apenas na primeira fase do folhetim. O pai de Madeleine e Irma falece quando o menino ainda é uma criança. Antes de deixar o mundo dos vivos, ele conta para o garoto que a família Novaes mentiu para Jove durante toda sua vida.

Quem ainda vai morrer em Pantanal

Além de quem já morreu na novela Pantanal, mais personagens vão deixar a trama. Nas mortes que ainda estão por vir, vai rolar acidente, vingança, gente virando comida para piranha e mais.

Levi: o peão vivido por Leandro Lima deixa a novela ao ser devorado por piranhas. A tragédia acontece depois de ele ficar obcecado por Muda e colocar a vida da moça em perigo. Ele é baleado por Juma antes do acidente e também briga com Tibério, que leva uma facada, mas o que realmente tira sua vida é cair no rio, no meio dos peixes famintos.

Madeleine: a mãe de Jove morre durante uma viagem ao pantanal. O avião da influenciadora digital irá cair e ela não sobreviverá. Na versão original da novela, foi inicialmente planejado que Madeleine seria salva pelo velho do rio e se recuperaria, mas a atriz Itala Nandi precisou deixar a novela, então sua morte aconteceu na trama.

Tenório: o personagem é alvo da vingança de Alcides, que sofre nas mãos do vilão ao ser castrado. Tudo acontece depois que Tenório descobre que Alcides e Maria Bruaca são amantes. Após deixar Alcides desolado e sangrando, mas com vida, o peão resolve se vingar do rival. Ele e Zaqueu encurralam Tenório no Rio. Enquanto Zaqueu o distrai e tenta atirar no mau caráter, Alcides usa a distração para enfiar uma lança na barriga do vilão e depois o joga para as piranhas.

José Leôncio: no último capítulo da novela Pantanal, José Leôncio morre após sofrer um infarto. A tragédia acontece um dia após o casamento do fazendeiro com Filó, que passa a ser sua esposa oficialmente. Ele é socorrido pela família, mas já é tarde demais.

Gil e maria
Quem morreu em pantanal? Pais de juma morreram após saírem do paraná – foto: reprodução/globo

 

Leia também

Filhos de José Leôncio Pantanal 2022: Filó enganou o fazendeiro?

Você pode gostar também