O que é café gourmet? Saiba como não errar na hora da compra

O café gourmet se diferencia dos demais sobretudo pela qualidade. Mas há características mais específicas que vão te ajudar a não errar na hora da compra do seu café gourmet.

O café gourmet promete agradar os apaixonados pela bebida. No Brasil, somos o país que mais produz e consome o grão no mundo.

Mas isso não quer dizer que todos nós dominemos a arte de saborear a bebida. Afinal, um bom café tem uma série de características que o tornam especial e inclusive favorecem a sua saúde. Aprendendo a analisar o grão, então, você vai saber direitinho o que é café gourmet.

 

O que é café gourmet

 

O mercado banalizou a expressão “gourmet” nos últimos anos como uma estratégia de venda. Mas um produto gourmet de verdade se refere, sobretudo, à qualidade. E é por aí que o café gourmet começa a se diferenciar dos demais.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O café gourmet passa por rigorosa seleção

Café gourmet selecionado na colheita
Fonte: Reprodução / Unsplash

Estratégias para baratear a produção do café interferem intensamente na sua qualidade. A seleção, por exemplo, é uma etapa crucial.

No caso de cafés gourmets, se utiliza apenas os grãos bem maduros. Isso torna o trabalho muito mais minucioso, com colheita manual, e, por isso, mais caro. Mas esse processo resulta em um sabor muito mais agradável que realmente define o que é café gourmet.

 

Tem grãos diferentes

O café gourmet é, sempre, da espécie Arábica, enquanto os tradicionais podem conter grãos do tipo Robusta (ou Conilon). A diferença de um para outro é que o café Arábica tem 50% menos cafeína do que os grãos comuns e são bem mais aromáticos.

Existem vários tipos de Arábica, com variações de aroma, coloração, sabor, corpo e acidez. Hoje, no Brasil, as variedades mais conhecidas são Bourbon, Catuaí, Acaiá e Mundo Novo.

O café gourmet tem torra suave

Café gourmet passando pela torra
Foto: Reprodução / Unsplash

Os cafés gourmets passam por torra mais suave do que os cafés comuns. Isso porque, geralmente, a torra mais forte serve para esconder defeitos que o grão selecionado não possui.

 

Oferece qualidade de experiência

Todo o cuidado que há na produção do café gourmet, desde o plantio até a embalagem, garante que o produto tenha uma história. É essa característica que faz com que o café gourmet se conecte à personalidade e à identidade de seus consumidores.

As marcas que trabalham com esse tipo de grão, inclusive, sabem muito bem como se comunicar com seu público.

Elas informam o tipo de grão, os processos de produção, características da plantação e da safra, técnicas de armazenamento e embalagem, além de criarem toda uma cultura de degustação, em que se apreciam sabores, aromas e cores.

 

Qualidade Global da ABIC

A Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC) estabeleceu critérios de avaliação dos cafés que ajudam qualquer mortal a identificar o que é café gourmet.

 

Tabela da Qualidade Global mostra o que é café gourmet
Fonte: Reprodução / ABIC

 

Após passar pela avaliação da ABIC (que leva em conta os aromas e a intensidade dos sabores do produto), o café recebe uma nota. Um grupo de provadores treinados e credenciados definem essa nota.

Eles avaliam atributos como acidez, fragrância do pó, adstringência, amargor e aroma, entre outros. Além disso, estão atentos a questões como a presença de grãos defeituosos ou fermentados, que indicam pontos negativos.

As notas variam de 0 a 10. Segundo a ABIC, enquanto um café tradicional recebe nota em 4,5, um café gourmet deve ter uma qualidade de, no mínimo, 7,3. Entre o café tradicional e o gourmet, está o superior, que fica com nota entre 6 e 7,2.

 

Como comprar o café gourmet sem erro?

Mas como identificar o que é café gourmet e não se deixar enganar pelas estratégias do mercado “gourmetizador”? Não é preciso ser especialista, mas é bom ter atenção a alguns detalhes:

  • O primeiro passo é estar atento ao selo da ABIC e a nota de Qualidade Global. Além disso a embalagem poderá apresentar outros selos de qualidade. Essa é uma forma fácil de entender o nível de qualidade do café que você está comprando.
  • Leia a embalagem do café e observe o tipo do grão. Ele deve ser 100% Arábica.
  • Os cafés gourmet são bem mais aromáticos. Também podem lembrar outros aromas como o do chocolate, nozes, algumas frutas, entre outros.
  • Lembre-se que a torra do café especial é mais suave. Se o café for muito amargo e lembrar um pouco o gosto de queimado, é porque a torra foi forte.
  • O sabor do café gourmet é mais delicado e complexo, com uma certa doçura natural. Por isso, muita gente prefere tomá-lo sem nenhum tipo de adoçante artificial.
Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes