Gucci vende meia-calça rasgada por mais de R$1 mil; produto está esgotado

Grife italiana, Gucci, vende todo o estoque de meia-calça rasgada por mais de R$ 1 mil. Usuários das redes sociais não receberam bem a novidade fashionista e atacaram a marca no instagram.

A famosa grife italiana, Gucci, acaba de vender todo o estoque de uma peça pra lá de inusitada: uma meia-calça rasgada. Além do item chamar bastante atenção, o preço é outra surpresa: 190 dólares – pouco mais de R$ 1 mil. Contudo, alguns usuários das redes sociais não aprovaram o sucesso comercial da Gucci e fizeram uma série de posts criticando o produto.

Gucci vende meia-calça rasgada por US$ 190 e web reage

No entanto, a Gucci, que durante seus anúncios  apresentou as peças  como “collants de malha elástica em preto, de cintura-alta. De aparência desgastada por toda a extensão. Com logotipo de tecido no cós elástico“, aparentemente deixou a desejar no quesito elegância – característica que sempre acompanhou a marca. Em uma página do Instagram que ironiza o mundo da moda, a meia-calça fabricada pela Gucci foi alvo de piada: “Para quem pagou 190 dólares por essas meias pré-rasgadas @gucci … você está bem?” #rasgadonaItália“, informa a legenda da foto com a referida peça

Os comentários da publicação também foram muito contrários a ideia fashionista da Gucci. Um usuário comparou a peça com aquelas meias-calças feitas em DIY (roupas recortadas em casa, no estilo “faça-você-mesmo”). “Esse é o tutorial que nunca pensei que precisaria“, escreveu. Outro diz internautas apontaram que o valor não era condizente com a peça, que foi comparada com peças velhas, usadas ou customizados em casa.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A trágica história do fundador da grife

A história da marca vai além de uma grife que começou como uma modesta loja de malas em Florença, na Itália, e se transformou em uma multibilionária marca de luxo. Desentendimentos entre os filhos, tios e sobrinhos do clã Gucci acabaram abalando a trajetória da casa de moda que acabou sendo comprada por investidores internacionais na década de 90.

 

 

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes