VÍDEO: apoiadores de Trump invadem congresso dos EUA

Nesta quarta-feira (6), nos Estados Unidos, um grupo de apoiadores de Donald Trump, de 74 anos, invadiu o Capitólio, sede do Congresso dos EUA, em Washington. Tudo aconteceu durante a contagem oficial dos votos do Colégio Eleitoral para as eleições presidenciais, que estava em sessão para certificar a vitória de Joe Biden, de 78 anos, para presidente. 

Manifestantes de Donald Trump – Congresso dos EUA

Segundos os jornais americanos e o portal G1, o momento exato da invasão ocorreu enquanto Câmara e Senado debatiam se acatavam ou não uma objeção aos resultados do Arizona — tradicional reduto republicano vencido por Joe Biden na eleição de novembro. Por conta do ocorrido, Parlamentares, funcionários e repórteres foram ordenados a não saírem do local e ficassem em silêncio. 

Segundo as publicações, momentos antes da invasão, Donald Trump discursou em Washington e afirmou que não aceitaria o resultado eleitoral. De acordo com a CNN, o vice-presidente Mike Pence, que estava no local, foi retirado do edifício – que logo foi evacuado. A repercussão é tanta, que a notícia está entre os assuntos mais comentados do Twitter nesta tarde. Em mensagem nas redes sociais, Donald Trump pediu que os manifestantes protestassem “pacificamente” e que confiassem nas forças de segurança americanas.

Manifestantes invadem Congresso nos EUA (Foto: Reprodução/ The Post)

Mesmo com a mensagem de Trump, os manifestantes foram relutantes e continuaram os atos de vandalismo, confronto com os policiais, na tentativa de invadir a sede, conseguiram ultrapassar as barreiras de segurança e entrar no Capitólio.

Durante a movimentação, a polícia local emitiu um alerta: “Dada uma ameaça interna no prédio, se abrigue no escritório mais próximo e fique quieto”. Após a mensagem, foi decretado um toque de recolher a partir das 18h na capital americana. Sem medo, os manifestantes lutam com oficiais e gritam alto a palavra “traidores”. 

Vitória de Joe Biden

- PUBLICIDADE -

Dadas as circunstâncias, o resultado desta ação infeliz dos apoiadores de Donald Trump, só mostra que esses manifestantes se recusam a aceitar o resultado da eleição presidencial dos Estados Unidos. Eles se recusam a aceitar a vitória de Joe Biden e conseguiram burlar a segurança do prédio e escalar uma estrutura montada para a posse do novo presidente dos EUA.

Repercussão na web 

Na internet, a notícia sobre a invasão está entre os assuntos mais comentados no Twitter – até o final desta publicação. Lá, muitos internautas opinam sobre a ação dos apoiadores de Donald Trump, relatando a situação trágica do povo americano. Principais jornais americanos falam sobre a invasão em cobertura minuto a minuto. Além de revelar o momento exato da invasão ao edifício americano. 

Veja também: 

Covid-19: Holanda inicia campanha de vacinação

Calendário astronômico de 2021: saiba quando observar o céu

Donald TrumpEstados UnidosEUA
Comentários (0)
Comentar