Veja as cidades do litoral de SP que cancelaram o réveillon 2022

Algumas cidades do litoral já anunciaram o cancelamento das festas de réveillon

Prefeituras de diversas cidades de São Paulo já tomaram a decisão de cancelar as festas de réveillon deste ano como forma de tentar evitar aglomerações, já que, apesar do avanço da vacinação contra a Covid-19 no Estado, a nova variante Ômicron preocupa as autoridades de saúde. Isso porque os cientistas ainda não têm muitas informações sobre a cepa, que já circula no Brasil. Confira quais são as cidades do litoral de SP que cancelaram o réveillon 2022.

Quais cidades que cancelaram o réveillon no litoral de SP?

Em diversas localidades do litoral de São Paulo a festa da virada foi cancela. Das 9 cidades que fazem parte da Baixada Santista, cinco já declinaram do festejo. Santos, São Vicente, Bertioga, Itanhaém e Guarujá já anunciaram que não farão eventos no Ano Novo.

Já a cidade de Mongaguá deve realizar eventos menores, porém sem queima de fogos.

No litoral norte, a realização de festas de Ano Novo na praia está sendo analisada em cidades como Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba. Em breve, as prefeituras locais devem anunciar a decisão. Apesar das possíveis restrições em SP, no entanto, as praias devem ficar liberadas para a população.

Assim como já foi decidido por outras prefeituras espalhadas por todo o estado, o réveillon deste ano está cancelado também em São Paulo. A informação foi antecipada pelo secretário de Saúde da capital, Edson Aparecido, que também anunciou que o uso de máscara continua sendo obrigatório na cidade.

O governador João Dória (PSDB) pediu aos prefeitos que cancelem as festas por causa da preocupação em relação à quarta onda de Covid-19 na Europa e o aparecimento da variante Ômicron. Dória falou em cautela, zelo e proteção de vidas durante uma viagem a Nova York.

Onde vai ter Ano Novo na praia em SP?

O cancelamento das tradicionais e enormes festas de réveillon não deve afastar os turistas que querem passar o Ano Novo na praia em SP. Cidades como Mongaguá, Praia Grande, Bertioga e Caraguatatuba farão eventos menores, mas sem queima de fogos. Já Cubatão e Peruíbe mantêm a tradição do evento, por enquanto. Já em São Sebastião, a queima de fogos deve acontecer, porém sem grandes atrações, conforme prevê a prefeitura.

Apesar da confirmação das festas de Ano Novo em algumas praias do litoral de São Paulo, as autoridades estão atentas à nova variante do coronavírus, a Ômicron. Caso haja aumento de transmissão e, portanto, risco para moradores e turistas, é possível que os eventos tenham seus formatos repensados ou até mesmo cancelados.

Você pode gostar também