Haters: porque eles podem prejudicar a sua estratégia digital?

Descubra porque você deve se preocupar com os haters e como se proteger deles.

A internet é um espaço democrático e perfeito para artistas, marcas e pessoas comuns se destacarem. Aliás, é nesse local que acontecem discussões de todos os tipos, o surgimento de novas ideias e troca de informações importantes. Porém, se você deseja crescer nesse meio, tome muito cuidado com os haters.

Infelizmente as redes sociais estão cheias de pessoas prontas para criticar, apontar os erros e ridicularizar qualquer um. Às vezes não é necessário um motivo especial para isso, basta que a pessoa seja famosa ou tenha o mínimo de relevância.

Por isso, se você quer ter um conteúdo forte e saber como se proteger desses haters, veja os próximos tópicos. Saiba o que leva alguém a ter esse tipo de comportamento destrutivo e o que esperar deles.

 

Quem são os haters?

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Os haters são pessoas que utilizam perfis falsos na internet para difamar alguma marca ou personalidade da internet. Eles são agressivos, mau educados e usam o ódio para chamar a atenção do público e atrapalhar a sua imagem.

Esse termo já é bastante conhecido no mundo digital. Os haters geralmente escolhem um assunto ou determinada pessoa para emitir comentários ofensivos e negativos, promovendo o “cyber bullying”. Ou seja, ele é um indivíduo infeliz, que não possui satisfação na conquista ou felicidade alheia.

Você poderá excluir o comentário, bloquear o usuário e até mesmo bani-lo do seu perfil na rede social. Porém, os haters têm a capacidade de se reinventar e fazer novas contas para continuarem agindo.

Esse tipo de atitude só revela que a internet é um local sem lei, onde qualquer um pode ser racista, homofóbico sem qualquer tipo de punição. Por isso, nos últimos anos esse comportamento é entendido e julgado como um crime de internet. Porém, precisamos avançar muito para que ações assim sejam evitadas.

Entretanto, poucas pessoas sabem da importância de se proteger dos haters. Muitas delas acreditam que eles não interferem em nada na sua estratégia de marketing e acabam ignorando a relevância que eles têm. Já que eles existem, vamos entender o quão prejudiciais eles são.

Por que se preocupar com os haters?

Reprodução / Pexels

Se você quer ter uma marca de sucesso, identifique os principais haters da sua empresa e a forma como eles agem. Mas antes de tudo, veja como eles podem ser prejudiciais.

Eles podem atrapalhar o seu negócio

Empresas que investem em marketing digital esperam ter resultados positivos ao longo do tempo. Porém, imagine todo esse esforço indo por água abaixo por causa de comentários maldosos e muitas vezes sem motivo?

Os haters podem começar falando mal do produto, do serviço e em seguida atacar os seus seguidores. Por isso, cuide daquele cliente insatisfeito com algum serviço seu para que ele não se torne um dos haters.

Promovem outras marcas

Além de falar mal do seu negócio, os haters ainda podem ajudar a divulgar a concorrência. Então, monitore os comentários dos seguidores.

Trazem negatividade à marca

Um dos papéis desses indivíduos é trazer negatividade à marca. Além disso, eles incentivam outras pessoas que te seguem a falar mal de você também.

Não solucionam problemas

Os haters não estão buscando solução de um problema relacionado à compra. Diferente de um cliente comum, eles são maldosos e só desejam te prejudicar mesmo.

Haters são perfis falsos

É muito raro um hater se apresentar de cara limpa. Geralmente essas pessoas se escondem atrás de um perfil falso. Eles utilizam outra foto, um nome de usuário qualquer e um nome inventado.

Como lidar com os haters?

Haters: porque eles podem prejudicar a sua estratégia digital?
Reprodução / Pexels

Primeiramente, é muito importante que você acompanhe os seus comentários e saiba quem são os seus clientes. Os haters possuem um comportamento comum. Eles geralmente postam coisas negativas nas suas publicações e repetidas vezes.

Além disso, não dê atenção a esses indivíduos, sobretudo se essas críticas não fizerem sentido nenhum. Porém, verifique a origem desses ataques para saber se esse hater tem razão de alguma forma. Se houver algum fundo de verdade, mude a sua estratégia e reveja as suas dentro e fora da internet.

Enfim, não internalize as críticas negativas. Cuide do seu conteúdo para que os haters não tenham motivos para falar da sua marca. Além disso, evite comprar seguidores para que esse tipo de coisa não aconteça.

Informar Erro

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes