Maiores campeões da Libertadores: brasileiros estão longe do topo da lista

A Libertadores completa 60 anos de história em 2020, mas o primeiro lugar da lista dos maiores campeões está nas mãos do mesmo clube desde a década de 70

A Copa Libertadores completa 62 anos de história em 2021, mas o primeiro lugar da lista dos maiores campeões da competição continental está nas mãos do mesmo clube desde a década de 1970.

O tetracampeonato consecutivo conquistado entre os anos de 1972 e 1975 fez do Independiente, da Argentina, o maior campeão da Libertadores. Apesar de não levantar a taça desde 1984, segue no topo da lista com sete títulos.

Aliás, a Argentina domina o ranking dos maiores campeões da Libertadores. Afinal, entre os cinco maiores campeões, quatro são argentinos. No total, os Hermanos somam 25 títulos, contra 19 do Brasil.

Maiores campeões da Libertadores

Apesar de ter dominado a última década com seis títulos entre 2010 e 2019, os clubes brasileiros ainda estão longe dos primeiros lugares na lista dos maiores campeões continentais da América do Sul. Confira o top 10 a seguir.

Independiente (7 títulos)

O clube de Avellaneda é o “Rei de Copas” da América, com o detalhe de nunca ter perdido nenhuma final na Libertadores. Nas sete vezes em que chegou à decisão, o Independiente venceu (1964, 1965, 1972, 1973, 1974, 1975 e 1984). Além disso, conquistou dois Mundiais, em 1973 e 1984.

Boca Juniors (6 títulos)

Riquelme levanta a taça da Libertadores para o Boca Juniors
Divulgação/CABJ

Depois da “dinastia” do Independiente, o Boca Juniors venceu seus dois primeiros títulos em 1977 e 1978. Mas a principal sequência de glórias na Libertadores veio com o time liderado por Riquelme e Palermo. Foram quatro títulos em dez anos (2000, 2001, 2003 e 2007). Ao todo, são seis títulos e cinco vice-campeonatos.

Peñarol (5 títulos)

Campeão das duas primeiras edições, em 1960 e 1961, o gigante uruguaio foi o primeiro a liderar a lista dos maiores campeões da Copa Libertadores. Também emplacou o maior artilheiro da competição: Alberto Spencer fez 48 gols com a camisa aurinegra na década de 1960. O último título, no entanto, foi em 1987.

River Plate (4 títulos)

Maiores campeões da Libertadores: River Plate
Divulgação/River Plate

O time argentino lidera o ranking geral da Libertadores, com 170 vitórias em 35 participações no torneio. Nos últimos cinco anos, chegou em três finais e levou duas – perdeu para o Flamengo na decisão do ano passado. Assim, os quatro títulos dos Millonarios foram conquistados em 1986, 1996, 2015 e 2018, sendo que o último foi contra o grande rival, o Boca Juniors.

Estudiantes (4 títulos)

O título de 1968 conquistado sobre o Palmeiras iniciou uma dinastia do time de La Plata na Copa Libertadores. O Estudiantes ganhou também as duas edições seguintes, em 1969 e 1970, e ainda chegou à final de 1971. Em 2009, voltou a levantar o troféu depois de vencer o Cruzeiro na final. O time era liderado por Juan Sebastián Verón, hoje presidente do clube.

Olimpia (3 títulos)

O Paraguai tem apenas três títulos da Libertadores, todos eles conquistados pelo Olimpia. O time de Assunção venceu as edições de 1979, 1990 e 2002. Além disso, foi vice-campeão outras quatro vezes.

Nacional (3 títulos)

Nas três vezes em que foi campeão da Libertadores, em 1971, 1980 e 1988, o time uruguaio também se sagrou campeão mundial. Ao lado do rival Peñarol, o Nacional é o clube que mais vezes disputou o torneio, com 47 participações.

São Paulo (3 títulos)

São Paulo comemora título da Libertadores
SaoPauloFC.net

Assim como o Nacional do Uruguai, o São Paulo também nunca perdeu uma decisão de Mundial após ser campeão da Libertadores. Levou a melhor contra Barcelona (1992), Milan (1993) e Liverpool (2005).

Grêmio (3 títulos)

Ao lado de São Paulo e Palmeiras, o Grêmio é o clube brasileiro que mais participou da Copa Libertadores, com 19 aparições no torneio. Os títulos vieram em 1983, 1995 e 2017.

Santos (3 títulos)

Santos campeão da Libertadores em 1963
Divulgação/Santos FC

O primeiro brasileiro a vencer o torneio continental fecha o top 10 da lista dos maiores campeões da história da Libertadores. Pelé trouxe os dois primeiros títulos, em 1962 e 1963. E Neymar foi o protagonista do último, em 2011.

Palmeiras (2 títulos)

Em 2020, o Palmeiras entrou para o hall de maiores campeões e participantes brasileiros da Libertadores ao vencer o Santos no Estádio do Maracanã por 1 a 0 com gol de Breno Lopes. A primeira, no entanto, foi conquistada em 1999 ao enfrentar o Deportivo Cali, da Colômbia.

No entanto, o clube paulista alcançou a final da Libertadores por seis vezes, sendo em 1961, 1968, 1999, 2000 e em 2021.

Ainda sob os cuidados da pandemia do Covid-19 ao redor do mundo, torcedores acompanharam de perto a segunda conquista da história do alviverde sob o comando do técnico português Abel Ferreira.

Maiores campeões da Libertadores
Palmeiras venceu a Libertadores em 2020. Foto: Cesar Greco / Palmeiras

Outros campeões

O último clube brasileiro a vencer a Libertadores foi o Palmeiras, que ganhou em 2020 seu segundo troféu do torneio. Cruzeiro, Flamengo, Atlético Nacional e Internacional também têm dois títulos cada.

Os times brasileiros que já foram campeões da América apenas uma vez são Vasco, Corinthians e Atlético-MG. São Caetano, Athletico-PR e Fluminense já chegaram à final, mas não levaram.

De acordo com levantamento do UOL, o clube com o maior aproveitamento entre todos os que já disputaram a Libertadores é do Cruzeiro. Em 166 jogos, o time mineiro conquistou 95 vitórias, empatou 32 vezes e perdeu 39 jogos.

Confira a lista completa de todos os vencedors da Libertadores na história do torneio.

Maiores campeões da Libertadores
Campeões da Libertadores na história. Foto: Conmebol Libertadores Oficial/ @Libertadores
Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes