Quem ganhou a Supercopa do Brasil 2022: Atlético-MG é campeão

Atlético-MG e Flamengo disputaram o título neste domingo, 20 de fevereiro de 2022, pela Supercopa do Brasil

O Atlético-MG é quem ganhou a Supercopa do Brasil 2022. Após vencer o Flamengo nos pênaltis por 2 a 2 (8 x 7) neste domingo, 20/02, na Arena Pantanal, em Cuiabá, o Galo confirmou o primeiro título da competição em sua história. Veja como foi o jogo da final de quem ganhou a Supercopa do Brasil 2022 e as principais informações.

Quem ganhou a Supercopa do Brasil 2022

O Atlético-MG é campeão da Supercopa do Brasil de 2022. Em jogo realizado neste domingo, 20/02, em Cuiabá, na Arena Pantanal, contra o Flamengo, o Galo levou o troféu pela primeira vez na história do torneio.

O time campeão do Atlético, comandado pelo técnico Antonio Mohamed, foi para campo neste domingo com: Everson; Mariano, Nathan Silva, Guilherme Arana, Godín; Jair, Allan, Nacho Fernández; Keno, Savariano, Hulk.

 

PRIMEIRO TEMPO DA SUPERCOPA DO BRASIL 

Com as arquibancadas da Arena Pantanal lotadas com as cores vermelho de um lado e preto e branco do outro, as equipes entraram no gramado com todo o gás necessário para fazer uma bonita partida, mesmo com o forte calor em Cuiabá.

O Flamengo começou melhor, levando as primeiras chances de perigo para o Galo. Com apenas um minuto, Bruno Henrique assustou o goleiro Everton e a defesa do campeão brasileiro. Dois minutos depois, o Atlético respondeu com Nacho, mas sem sucesso.

Até a metade da etapa, o Rubro-Negro mostrou-se superior e teve as melhores oportunidades com Gabigol, Bruno Henrique Arrascaeta. Já Hulk, artilheiro do clube mineiro, cobrou falta aos 15 minutos, mas acabou mandando muito longe do gol.

Aos 27, Gabriel Barbosa novamente apareceu bem na área do rival, mais uma vez em chute pertinho do gol. Com a parada técnica por conta do calor aos 30 minutos, o jogo ficou mais quente do que já estava, com o Atlético Mineiro recuperando o seu bom desempenho.

Com isso, aos 42 minutos, Nacho abriu o placar da final após jogada de Allan, Jair e Guilherme Arana. O lateral chutou em cima do goleiro Hugo que, em rebote, sobrou para Nacho acertar as redes em cheio. No finalzinho, Arrascaeta ainda teve a oportunidade de ampliar, mas foi desarmado por Mariano.

 

SEGUNDO TEMPO DA SUPERCOPA DO BRASIL 

No comecinho da segunda etapa, mais uma vez o Flamengo começou na pressão. A insistência, entretanto, gerou resultado desta vez. Aos 10 minutos, Filipe Luís lançou o passa na linha de fundo para Arrascaeta que, em cavadinha para Bruno Henrique, cabeceou a bola nas mãos do goleiro do Galo. Na sobra, Gabigol aproveitou e deixou tudo igual.

A partir daí, a partida pegou ainda mais fogo. O Atlético chegou com Savarino, mas lançou a bola nas mãos de Hugo facilmente. No minuto seguinte, o jovem mais uma vez ficou na cara do gol, mas perdeu a oportunidade.

Aos 18 minutos, Bruno Henrique resolveu para o Flamengo. Em erro do Galo, Lázaro acertou lançamento para Bruno Henrique que, em jogada, deixou a defesa rival para trás e encobriu Everson.

Com pressão em todo momento, Hulk, Nacho e Savarino partiram para cima, mas nada foi o suficiente. O comandante Mohamed optou por realizar trocar, colocando Vargas e Ademir.

A movimentação, entretanto, surtiu efeito. Ademir, ex-jogador do América e recém-contratado, acertou cruzamento certeiro para Vargas que, de cabeça, passou a bola para Hulk mandar uma pancada para o gol do Flamengo, empatando a Supercopa novamente.

Mais uma vez, pelo forte calor, a parada técnica de três minutos foi necessária para os atletas se refrescarem.

A partir daí, os minutos finas foram de muita emoção para os dois lados, buscando a virada para evitar a disputa de pênaltis em busca do título.

Vitinho chegou bem aos 37, mas foi desarmado. Jair, um minuto depois, obrigando o goleiro Hugo a trabalhar em boa defesa. Já Lázaro, com 41 minutos, fez o mesmo com o goleiro Everson.

Nos acréscimos finais, pouca ação e muita correria. Com o placar de 2 a 2, disputa de pênaltis.

 

COBRANÇA DE PÊNATLIS NA SUPERCOPA DO BRASIL 

Com o apito final na partida pelo tempo regular, a decisão da Supercopa seguiu para a disputa de pênaltis, como manda o regulamento da CBF sobre a competição.

Hulk foi o primeiro a bater e acertar a marcação, mesmo com o goleiro Hugo tocando na bola. Em seguida, Lázaro também marcou.

Depois, Nacho, Ademir, Guilherme Arana e Vargas acertaram. Do lado do Flamengo, Vitinho, Diego, David Luiz e Gabigol marcaram.

Com o placar empatado, as cobranças alternadas começaram. Guga bateu e Hugo defendeu, enquanto Arão bateu e Everson também defendeu.

Jair e João Gomes também marcaram, deixando 6 a 6.  Chegou a hora dos goleiros baterem. O guarda-redes do Galo isolou a bola, enquanto Matheuszinho também viu o seu pênalti ser defendido.

Nathan Silva e Léo Pereira também acertaram. Para o Atlético Mineiro, Mariano cobrou e perdeu, enquanto Fabrício Bruno também desperdiçou.

No final, Godín e o goleiro Hugo erraram, enquanto Hulk acertou a cobrança e Vitinho errou, consagrando o título do Galo em 2022 na Supercopa do Brasil, o primeiro.

Qual é a premiação na Supercopa do Brasil?

Além de faturar o título e a linda taça durante a cerimônia após o fim da partida, o time vencedor também vai faturar a bagatela em R$5 milhões. Já o vice-campeão leva para casa o total de 2 milhões de reais.

Este valor é o mesmo da edição passada, quando o Flamengo, campeão brasileiro, venceu o Palmeiras, campeão da Copa do Brasil, nos pênaltis pela final.

O valor foi divulgado pela própria CBF através do regulamento oficial da competição. Além disso, jogadores, comissão técnica e dirigentes também vão receber 50 medalhas douradas.

Os atletas que ficaram em segundo lugar, consequentemente, ganham a medalha prateada.

Quem ganhou a supercopa do brasil 2022
Taça vai para o campeão da supercopa. Foto: reprodução / lucas figueiredo/cbf

Quais times são campeões da Supercopa do Brasil?

Quatro equipes já conquistaram o título da Supercopa do Brasil. São elas Grêmio, o primeiro vencedor do troféu na história, Corinthians, Flamengo e Atlético-MG.

O maior vencedor é o Flamengo, com dois títulos para si. No primeiro ano, em 1990, foi disputada no sistema de ida e volta com Grêmio e Vasco, sempre reunindo o campeão brasileiro com o vencedor da Copa do Brasil. Assim, o elenco de Porto Alegre venceu a ida, enquanto o segundo ficou no empates sem gols.

A competição teve uma longa pausa de 27 anos, entre 1992 até 2019, sem acontecer. As equipes ganhadoras de cada ano chegaram a disputar amistosos, mas sem valer título. Próximo de 2020, a CBF optou por organizar novamente a competição.

Confira a seguir todos os vencedores da Supercopa do Brasil.

 

  • Grêmio – 1990
  • Corinthians – 1991
  • Flamengo – 2020
  • Flamengo – 2021
  • Atlético-MG – 2022

 

Leia também:

Quem será o técnico do Corinthians em 2022? Veja 5 opções no mercado

Você pode gostar também