Conheça os benefícios da argila vermelha

Repleta de nutrientes como óxido de ferro, magnésio e cálcio, a argila vermelha se tornou uma das queridinhas dos tratamentos de pele e cabelos.

0 906

O poder terapêutico da argila foi descoberto há milhares de anos. Há registros de seu uso, por exemplo, no Egito antigo e no auge do domínio romano. E a argila vermelha é uma das versões do mineral que pode ser utilizada tanto em tratamentos medicinais quanto em procedimentos estéticos.

A argila é composta por diferentes elementos, que variam conforme sua região de origem. No entanto, alguns dos mais comuns são ferro, magnésio, cálcio, cobre e zinco. A combinação e a concentração de cada nutriente são os responsáveis por seus atributos medicinais. Além disso, ela possui uma estrutura molecular que é capaz de absorver toxinas, por isso, é um ótimo antisséptico, anti-inflamatório e cicatrizante.

Sua importância é tão vasta que, em 2018, o Ministério da Saúde anunciou a inclusão da geoterapia – que usa a argila no tratamento de ferimentos, lesões e doenças osteomusculares – como uma das práticas integrativas do Sistema Único de Saúde (SUS).

 

Confira os benefícios da argila vermelha

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

argila vermelha
Imagem: reprodução / Ascension Kitchen

De fato, seja o mineral branco, amarelo ou verde, a versatilidade de suas aplicações impressiona. No caso específico da argila vermelha, é notável, por exemplo, os efeitos positivos para a pele. Isso porque ela é considerada a mais hidratante de todas.

Ela apresenta também ação secativa e cicatrizante, o que é perfeito para o tratamento de cravos e acne. É muito usada para combater os efeitos do envelhecimento, visto que o uso frequente ameniza rugas e linhas de expressão e aumenta a elasticidade da pele. Ao mesmo tempo, por ser esfoliante, ajuda a eliminar células mortas, renovar e iluminar o rosto.

Confira outros benefícios da argila vermelha para o rosto, o corpo e os cabelos:

  • Limpa profundamente os poros, elimina toxinas e retira a oleosidade
  • Neutraliza os efeitos dos radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento celular
  • No corpo, ajuda a combater a flacidez e a reduzir efeitos do estresse
  • A alta concentração de óxido de ferro e cobre da argila vermelha auxilia na respiração celular, o que promove maior hidratação e firmeza para a pele do corpo
  • Nos cabelos, além de limpar o couro cabeludo, hidrata e deixa os fios mais saudáveis, macios e brilhosos.

 

Como usar a argila vermelha

máscara de argila vermelha
Imagem: reprodução / Pinterest

Máscara facial: essa é, sem dúvida, a forma mais comum de aproveitar os benefícios da argila vermelha. Para preparar em casa, você precisa investir na versão em pó do mineral.

Em uma tigela, misture uma colher de sopa de argila com água filtrada ou termal. Adicione o líquido aos poucos para ir “sentindo” a textura, que deve ser uma pasta homogênea. Aplique no rosto limpo com um pincel próprio para esse uso ou com as pontas dos dedos.

Deixe a máscara secar na pele, o que deve levar entre 10 a 25 minutos. Depois, retire com água fria ou gelada. Quer potencializar os efeitos? Então adicione 1 gotinha de óleos essenciais, como lavanda, ou um pouco de gel de babosa.

Argila vermelha nos cabelos: prepare o mineral em pó como se fosse fazer a máscara facial, mas deixe um pouco mais líquida. Aplique o produto apenas no couro cabeludo antes do banho e deixe agir por até 15 minutos. Enxágue o excesso e lave os cabelos normalmente.

Para o corpo: aplique a pasta de argila vermelha sobre o local desejado (pernas, costas e bumbum, por exemplo). Deixe agir por 10 minutos e retire com água fria.

A argila pode ser usada em todos os tipos de pele. Vale ficar atento apenas na frequência: no caso de peles oleosas, pode-se usar o mineral em dias alternados; já para as peles secas ou mistas o indicado é fazer a máscara, no máximo, duas vezes por semana.

Não há contraindicações para a argila, mas se aparecerem sinais como coceira ou vermelhidão o ideal é suspender o uso e procurar um dermatologista.

 

Sugestões de produtos

 

Você encontra no mercado diferentes opções de argila vermelha em pó. É importante checar, no entanto, se o produto escolhido contém apenas ingredientes naturais na composição.

O pó de argila vermelha da Phytoterapica, por exemplo, é vegano e não contém parabenos, sulfatos, corantes ou fragrâncias artificiais. A versão da marca Cativa também é 100% natural.

A Máscara de Argila Vermelha Antissinais, da Quintal, é indicada para suavizar e prevenir sinais do envelhecimento da pele e não testa em animais. Por fim, a TerraMater oferece um produto natural, vegano e orgânico.

 

Leia também:

Guia Definitivo da Máscara de Argila: Tipos e Como Fazer

Máscara de Argila Amarela: Benefícios e Como Usar

Máscara de argila verde: conheça os superpoderes desse ingrediente

 

Com informações do blog da Pajaris.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes