Óleo para estrias: quais os melhores e como aplicar corretamente?

Conheça os principais benefícios desses produtos, que têm grande potencial hidratante, evitando a formação das estrias

O óleo para estrias é um ótimo aliado nos cuidados com a pele, principalmente por ter um alto poder hidratante. Ao serem aplicados, os óleos formam uma espécie de barreira protetora. E isso impede a perda de água.

Assim, ao usar um óleo para estrias, além da pele ficar mais nutrida, a elasticidade aumenta. Com boa elasticidade, diminui a probabilidade de haver o rompimento das fibras que geram as temidas marcas.

As estrias costumam aparecem principalmente no bumbum, coxa, seios e barriga devido ao estiramento da pele. É como se a pele rasgasse, deixando cicatrizes. Entre as principais causas estão a gravidez, o ganho excessivo de peso ou até mesmo o crescimento. E quem mais sofre com isso são as mulheres. Especialmente as que têm a pele mais clara, pele seca ou algum histórico familiar.

Mas, com o auxílio de um bom óleo para estrias, é possível evitar que isso aconteça. Para isso, é preciso primordialmente saber escolher o produto correto. E, também, saber como aplicar e usar na quantidade adequada.

Óleo para estrias gravidez
Imagem: Site de Beleza e Moda (Reprodução / Pinterest)

Melhor óleo para estrias

Não há uma resposta definitiva sobre qual o melhor óleo para estrias. Tudo vai depender do tipo de pele, das propriedades dos produtos e do que cada pessoa está buscando. Algumas opções mais eficazes:

  • Óleo de amêndoas: tem muitos nutrientes benéficos para a pele, especialmente quando é o produto puro, sem outros aditivos.
  • Óleo de semente de uva: suas propriedades atuam diretamente nas inflamações da pele.
  • Rosa mosqueta: auxilia na cicatrização. E a melhor forma de usar é misturar o óleo de rosa mosqueta no creme hidratante.
  • Óleo de camomila: tem propriedades calmantes. E possui ômega 3, que melhora a elasticidade da pele.
  • Lavanda: ótimo para acalmar e hidratar. O óleo essencial de lavanda também possui função cicatrizante e anti-inflamatória.
  • Óleo de Argan: ajuda a aumentar a elasticidade da pele, mesmo nas mulheres mais velhas.
  • Óleo de coco: um dos queridinhos do momento. Aumenta a regeneração celular e também deixa a pele mais elástica.

- PUBLICIDADE -

Um ponto importante ao usar óleo para estrias é ter atenção a possíveis efeitos colaterais, como as reações alérgicas que podem causar coceira, vermelhidão e outros sinais. Na dúvida, faça o teste antes com uma pequena quantidade.

O ideal é sempre procurar um dermatologista antes de começar a usar qualquer produto para a pele. No caso das estrias, quanto antes notar que elas apareceram, mais fácil será. Por isso é importante ter acompanhamento profissional logo que elas surgirem.

Leia também

Óleo capilar: descubra para que serve e como usar

Depilação caseira: melhores métodos e como evitar pelos…

Óleo para estrias no bumbum
Imagem: Crescendo aos Poucos (Reprodução / Pinterest)

Melhores marcas

Atualmente há diversas opções de óleo para estrias disponíveis, com diferentes princípios ativos. Todas podem ser facilmente encontradas em farmácias, lojas de cosméticos ou sites na internet. No entanto, isso faz com que a escolha fique mais difícil, diante de tantas ofertas. Veja algumas sugestões:

  • Bio-Oil – Óleo de Tratamento Antiestrias e Cicatrizante (60 ml): leve e pouco gorduroso. Melhora a aparência da pele, pois tem extratos vegetais e vitaminas. Custa a partir de R$ 30,00.
  • Farmax – Óleo Corporal Rosa Mosqueta (100 ml): tem efeito regenerador e grande potencial emoliente. Assim, deixa a pele bem macia. Custa a partir de R$ 10,00.
  • Weleda – Óleo Para Prevenção de Estrias (100 mel): deixa a pele mais firme e com a textura mais macia, pois proporciona uma nutrição profunda. Custa a partir de R$
  • Natura – Óleo Séve Amêndoas Doce (200 ml): promove uma hidratação duradoura durante todo o dia. Custa a partir de R$
  • Palmer’s – Cocoa Butter Formula Soothing Oil (150 ml): ideal para quem tem a pele seca e sofre com irritações. Indicado inclusive gestantes. Custa a partir de R$ 84,00
  • Granado – Óleo Corporal Terrapeutics Lavanda (120 ml): feito com óleos 100% vegetais, ótimo para peles excessivamente ressecadas. Custa a partir de R$ 30,00
  • Phytoervas – Óleo Corporal Emulsão Para Banho Refrescante Verbena (160 ml): para ser usado durante o banho. Deixa a pele mais macia e hidratada. Custa a partir de R$ 24,00
Óleo para estrias
Imagem: Beleza e Saúde (Reprodução / Pinterest)

Como usar óleo para estrias

- PUBLICIDADE -

Além de saber escolher um bom óleo para estrias, é importante ter atenção principalmente à forma certa de usar para ter os melhores resultados.

  • Passar o óleo após o banho, pois funciona melhor com a pele ainda úmida.
  • Aplicar massageando até espalhar pelo corpo todo.
  • Esperar alguns segundos para que a pele possa absorver o óleo.
  • Se preferir, deixar secar naturalmente antes de se vestir.
  • Outra dica é fazer uma esfoliação caseira na pele antes de aplicar o óleo para estrias, porque ajuda a eliminar células mortas.
  • Há, ainda, a opção de misturar algumas gotas do óleo no creme hidratante e passar normalmente pelo corpo.

É importante lembrar que as estrias passam por três fases diferentes. A primeira é quando elas surgem no corpo, ainda com um tom avermelhado. A segunda é quando fica com a tonalidade mais roxa. E a terceira é quando já deixaram de estar elevadas e estão achatadas na pele, pois viram uma cicatriz, muitas vezes já esbranquiçadas.

E o óleo para estrias é primordialmente uma forma de evitar que novas estrias apareçam. No caso das estrias já existentes, ele pode apenas tratar a pele para que o aspecto melhore e elas não aumentem.

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes