Vitamina C para pele: tudo o que você precisa saber antes de usar

A vitamina diminui problemas causados diretamente pela radiação solar, poluição e tabagismo, proporcionando uma pele mais jovem

0 1.241

A vitamina C na pele é lendária por uma razão: ela realmente funciona. Tom de pele irregular, textura áspera, linhas finas, cicatrizes de acne, enfim, é possível citar uma série de problemas que há uma boa chance de que a essa substância seja eficaz. Isso porque, o nutriente age contra os radicais livres que ajudam no rejuvenescimento, além de ser essencial para a formação do colágeno, assim diminuindo rugas e marcas de expressão.

Consultamos a médica Beatriz Machado Prudente de Toledo, dermatologista especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, a fim de esclarecer os cuidados da pele com a famosa vitamina C e seus benefícios.

O que é vitamina C?

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A Vitamina C pura, também conhecida como Ácido Ascórbico, é uma molécula usada para provocar reações nas células com o intuito de aumentar o colágeno e dar resistência aos ossos, dentes, tendões e paredes dos vasos sanguíneos. Contudo,  não é produzida pelo nosso organismo, assim sendo, é obtida através de alimentação e produtos de uso tópico.

Quando ingerimos o nutriente, o último lugar que a vitamina C chega é na pele – ou seja, é sempre a parte do corpo mais prejudicada. Visando aumentar a penetração e tolerância ao ácido ascórbico, a indústria farmacêutica e cosmética desenvolveu diversos derivados de Vitamina C para a aplicação na pele.

Qual a função da vitamina C?

A vitamina C figura como um dos mais potentes antioxidantes. Isso significa que ela diminui a produção de radicais livres na pele causados diretamente pela radiação solar, poluição e tabagismo proporcionando uma pele mais jovem.  Tem ação complementar a fotoproteção, ou seja, potencializa o efeito dos protetores solares. Outra ação da Vitamina C é dificultar a produção de pigmento na pele, o que, por sua vez, promove a uniformização da textura e da tonalidade da face ao renovar as suas células.  Então, pode-se afirmar que o produto é de grande importância para a pele já que garante uma nutrição intensa.

laranjas cortadas
Laranjas são fontes de nutrientes (Foto: Unsplash)

Benefícios para a pele

A versatilidade do nutriente é tamanha, e é indicado para todas as idades e pessoas que tenham interesse em prevenir envelhecimento, melhorar aspecto de rugas finas, uniformizar o tom da pele e promover luminosidade.

  • É hidratante, permitindo que sua pele retenha melhor a umidade;
  • Ilumina a pele;
  • Ajuda a uniformizar;
  • Atenua manchas como o melasma;
  • Promove produção de colágeno;
  • Pode ajudar a prevenir a flacidez da pele
pele bem cuidada
A vitamina C rejuvenesce (Foto: Unsplash)

Prevenir envelhecimento com vitamina c 

Um estudo publicado no American Journal of Clinical Nutrition examinou as relações entre a ingestão de nutrientes e o envelhecimento da pele em mais de quatro mil mulheres, com idade entre 40 e 74 anos. Foi constatado que, a ingestão de vitamina C mais elevada estava associada a uma menor probabilidade de ter uma aparência enrugada e a pele ressecada.

Isso acontece porque a vitamina C é um antioxidante natural que auxilia na formação do colágeno, responsável pela elasticidade e firmeza da pele. Além de promover  uma renovação celular mais acelerada, deixando a pele firme e saudável, o que combate rugas e marcas de expressão no rosto. E o mais importante, hidrata a pele na medida ideal.

Onde encontrar vitamina C?

Como já dissemos, a vitamina C pode ser encontrada na alimentação. Como por exemplo em frutas cítricas, como laranja, limão, acerola e abacaxi. Além de outras frutas ricas nesse nutriente, como: morango, caqui, lichia, pêssego, kiwi e goiaba. Os vegetais folhosos também são fontes, como couve, espinafre, agrião e repolho. Couve-flor, pimentão, brócolis e ervilha também possuem vitamina C.

consumo vitamina C
Consumo de vitamina c é importante (Foto: Unsplash)

Contudo, para atender as demandas da pele, a indústria cosmética assumiu o papel ao criar produtos específicos para suprir a necessidade de vitamina C. Existem diversos hidratantes. Mas os especialistas garantem que para alcançar um resultado mais imediato, a vitamina C manipulada é o ideal. Isso porque pode-se usar concentrações maiores do nutriente.  Enquanto que na farmácia de manipulação pode-se encomendar um creme de vitamina C para o rosto com até 20% de vitamina C, as outras marcas comercializam cremes com concentrações que variam de 2 a 10%.

Como usar a vitamina C?

Higienizar a pele é um cuidado importante, que deve ser feito diariamente, pois a aplicação de produtos sobre um rosto limpo e sem resíduos potencializa a ação do tratamento facial. O uso de água e sabonete líquido, que tem o poder mais hidratante do que os outros, já são de grande ajuda. Mas, existem algumas dicas extras para ter certeza de que a pele estará impecável.

Você pode começar investindo em um gel de limpeza facial enriquecido com vitamina C. A ideia é limpar em profundidade sem ressecar a pele. Também existe a água micelar enriquecida com vitamina C, que ajuda a evitar oleosidade

Hidratante

Na hora de escolher o hidratante, é importante ter certeza de que na sua composição tenha vitamina C. Ao contrário do gel de limpeza, ele é absorvido na totalidade pela sua pele, garantindo todos os benefícios com o passar das horas. A aplicação depende da textura do produto, mas neste caso, pode-se aplicar uma quantidade equivalente a uma ervilha grande, sempre com movimentos suaves, sem esfregar. Aposte também  nas máscaras faciais com vitamina C e aproveite esse momento uma vez por semana, assim é possível potencializar a nutrição da pele.

Sérum 

sérum de vitamina c
Os séruns são os queridinhos (Foto: Unsplash)

Um produto muito indicado por dermatologistas é o sérum, substância indispensável na rotina de cuidados de beleza. Sobretudo porque sua composição é a vitamina C pura.  O queridinho deixa a pele mais iluminada, porque age renovando as células, deixando a mesma mais luminosa em poucos dias de uso, desenvolvendo uma aparência mais saudável e viçosa. Além, é claro, de retardar a flacidez, diminuir as manchas e uniformizar o tom de pele. Este no entanto, é um alternativa de textura mais leve aos hidratantes e protetores solar.

Usa-se muito antes da aplicação da maquiagem. Três a quatro gotas são suficientes.

Reduz manchas

A vitamina C pode ajudar a curar manchas, reduzir a hiperpigmentação e dar à sua pele um brilho de outro mundo.

Consistência é a chave para o efeito máximo, então adicione-a à sua rotina de uma forma que faça sentido para você. Algumas pessoas o aplicam de manhã para aproveitar as vantagens de suas propriedades protetoras de raios ultravioleta, enquanto outras acham que funciona melhor como soro noturno.

Interrompa o uso se começar a sentir irritação ou desconforto. “É recomendado passar pela consulta com um dermatologista de confiança antes de iniciar uso de qualquer cosmético, para que ele possa avaliar as necessidades de cada pele e sugerir produtos adequados a cada caso específico”, adverte a médica.

Quando aplicar o nutriente na pele?

aplicar vitamina na pele
Saiba como aplicar a vitamina C na pele (Foto: Unsplash)

É possível aplicar tanto no período da  manhã, junto com o filtro solar para potencializar a proteção contra os raios solares e poluição, proporcionando um efeito antioxidante; quanto à noite, antes de dormir, depois de lavar o rosto para tratar as manchas de pele, rugas, linhas de expressão e outros sinais do envelhecimento.

Lembre-se! A embalagem deve ficar protegida de contato direto com a luz e em ambiente sem grande variação de temperatura  para evitar a degradação do produto.

Quais as contraindicações?

Pacientes que tenham alergia a algum componente da fórmula não devem usar, por isso, a importância de consultar um especialista.  A vitamina C pura também  é capaz de promover sensação de pinicação e ardência, principalmente produtos com concentrações mais elevadas. Então Beatriz aconselhou: “Pessoas que tenham rosácea ou peles sensíveis e reativas, devem tomar mais cuidado. Sugiro testar o produto em uma parte pequena do rosto para ver como a pele reage antes de iniciar o uso diário. Uma alternativa para contornar esse desconforto é optar por cosméticos que contenham derivados de Vitamina C em sua formulação, os quais são geralmente mais bem tolerados”, concluiu.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes