Como vai ser a manifestação do dia 7 de setembro?

Movimentos a favor e contra o governo de Jair Bolsonaro (Sem Partido) organizaram protestos para hoje, feriado da Independência da República, por todo o país. Mas o que esperar e como vai ser a manifestação do dia 7 de setembro desta terça-feira?

Como vai ser a manifestação do dia 7 de setembro em São Paulo?

Grupos a favor de Bolsonaro se reúnem na Paulista – Foto: Pixabay

A manifestação em São vai ocorrer na Avenida Paulista, onde reunirá grupos “pró-Bolsonaro”, contrários ao Poder Judiciário e a favor do Executivo. A presença do presidente foi confirmada. A pauta deles também inclui a defesa da liberdade de expressão, o voto impresso auditável e a saída dos 11 ministros do STF.

No Vale do Anhangabaú com movimentos contrários ao atual governo, a partir das 14h. Os manifestantes se reúnem pelo e pelo Grito dos Excluídos e pedem o impeachment do presidente.

De acordo com Lauro Jardim, do O Globo, o governo de São Paulo organizou um megaesquema de segurança para as manifestações. Serão 4 mil policiais militares, 1,4 mil veículos, três helicópteros, seis drones, seis blindados, 3 veículos lançadores de água, 100 cavalos e 20 cães.

Como está Brasília para 7 de setembro?

A Capital federal reunirá manifestantes na Esplanada dos Ministérios e Torre de TV. Os manifestantes a favor do governo ficarão na Esplanada.

- PUBLICIDADE -

Já os Os manifestantes contrários ao governo podem se concentrar no estacionamento da Torre de TV, a partir das 8h, ao lado da Praça das Fontes.

Ao todo, 29 órgãos, instituições e agências do Governo do Distrito Federal (GDF) voltadas à segurança, à saúde, à mobilidade e à fiscalização.

Outras cidades: os atos também devem ser registrados nas capitais Campo Grande, Manaus, Salvador, São Luís, Cuiabá, Belém, Curitiba, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Aracaju e Natal. Cidades do interior também indicam manifestações. Só no estado de São Paulo deve haver manifestantes de 101 cidades.

Vai ter desfile Cívico dia 7?

Pelo segundo ano consecutivo não haverá desfile cívico na maior parte do Brasil. O Ministério da Defesa já anunciou que a comemoração do 199º aniversário da Proclamação da Independência em Brasília não terá celebração aberto ao público. O evento será no Palácio da Alvorada, residência oficial do presidente da República, mas com restrição de participantes.

Autoridades de saúde recomendam que sejam evitadas aglomerações, para desacelerar o contágio pelo coronavírus.

 

Leia também: O que vai funcionar neste feriado de 7 de setembro em SP?

bolsonaro
Comentários (0)
Comentar