Eleições RJ 2020: Confira as propostas dos candidatos à prefeitura do Rio

Os concorrentes a vaga no executivo já estão com seus programas prontos e disponíveis no site do TSE. Veja, então, os principais pontos dos candidatos na eleição da capital carioca.

0 1.311

Eleições RJ 2020: Confira quais são as propostas e ideias dos candidatos a prefeitura do Rio de Janeiro este ano. O candidato Cyro Garcia não registrou o programa de governo. Você pode conferir os programas completos neste link.

Veja também as propostas dos candidatos de São Paulo.

Benedita da Silva (PT)

Foto mostra Benedita da Silva
Benedita da Silva (Foto: Câmara dos deputados)

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A candidata Benedita da Silva nasceu na antiga favela da Praia do Pinto e morou 57 anos no morro do Chapéu Mangueira. É graduada em auxiliar de enfermagem e também em Serviço Social. Benedita da Silva já foi governadora do Rio, vice-governadora, senadora e vereadora.

Benedita da Silva foca nas políticas públicas para garantir o desenvolvimento da cidade e das minorias.

Pretende criar o Programa Renda Carioca, para garantir uma renda complementar ao Bolsa Família. Também um programa emergencial para geração de 100 mil vagas de emprego.

Ampliação do acesso à creche e pré-escola, além de estabelecer uma política de alfabetização. A candidata também aponta que terá um foco no combate ao racismo na cidade. Para a saúde ela pretende encerrar gradativamente os contratos de gestão das unidades de saúde firmados com as OSs [Organizações Sociais] e passar à empresa pública RioSaúde a gestão e a contratação de pessoal.

Clarissa Garotinho (PROS) – Eleições RJ 2020

Foto mostra Clarissa Garotinho
Clarissa Garotinho (Foto: Câmara dos deputados)

A candidata do Partido Republicano da Ordem Social (Pros) é formada em jornalismo pela Faculdade Hélio Alonso. Já foi vereadora no Rio e deputada estadual. Atualmente está cumprindo o segundo mandato como deputada federal.

Em sua apresentação de projeto, existem sete ações emergências que o governo pretende tomar. Entre as medidas estão melhorar o transporte público, a pavimentação da cidade, renegociar empréstimos e dividas publicas.

Para a educação ela pretende zerar o índice analfabetismo e combater a evasão escolar. Além disso, uma de suas propostas é desburocratizar e facilitar a vida de quem quer empreender na capital carioca. Para isso, a candidata pretende criar um programa de incentivo à abertura de pequenos negócios.

Crivella (Republicanos)

Foto mostra Marcelo Crivella
Marcelo Crivella (Foto: Facebook/Reprodução)

O atual prefeito do Rio de Janeiro se candidata em busca da reeleição pelo partido Republicanos. Antes disso, Crivella já foi senador do estado também. Além disso, o parlamentar é bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd), cantor gospel e engenheiro civil.

Seu programa de governo começa com um resumo do que foi feito em sua gestão passada. Na área da educação, Crivella quer digitalizar e modernizar o ensino, criando a Escola Digital. Ele propõe criar a Escola Digital, em que serviços escolares estarão disponíveis para pais, alunos e professores nos computadores. Para isso, ele pretende distribuir notebooks a todos os alunos. Além de escolas em tempo integral, metade presencial e a outra online.

Pretende ampliar o número de leitos de UTI adulto em 50%, além de transformar o Hospital Ronaldo Gazolla, na Zona Norte, em um Complexo Especializado em Saúde para atendimento na área de assistência hospitalar e ambulatorial eletiva.

Delegada Martha Rocha (PDT) – Eleições RJ 2020

Foto mostra candidata Martha Rocha
Martha Rocha (Foto: Alerj)

A candidata do Partido Democrático Trabalhista (PDT) é deputada estadual, cumpre, então, seu segundo mandato. Além disso, Martha é delegada aposentada e foi chefe da Polícia Civil do Rio no governo de Sérgio Cabral.

Seu programa de governo é o mais longo entre todos. Os projetos passam pela área da educação, em que ela pretende investir na melhoria da infraestrutura de escolas e ampliando a oferta de ensino infantil e integral. Saúde com a criação de um complexo de Saúde. Na área cultura ela pretende promover a valorização do samba e das heranças afro-brasileiras.

Mas o principal foco é na questão de segurança pública. Ela quer implantar o Projeto Estruturante Territórios Seguros para instituir o patrulhamento da Guarda Municipal, em cooperação com a Polícia Militar, “de pontos de concentração de crimes, com base na análise das manchas criminais”. E também a criação de um programa voltado ao “desenvolvimento de habilidades socioemocionais e o envolvimento da família na construção de uma cultura de paz”.

Eduardo Bandeira Melo (Rede)

Foto mostra Eduardo de Mello
Eduardo de Mello (Foto: Wagner Meier

O candidato pela Rede Sustentabilidade é formado em administração pela UFRJ. Eduardo Mello já foi presidente do clube Flamengo entre 2013-2015 e 2016-2018. Além disso, foi chefe do Departamento do Meio Ambiente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Seu projeto visa elevar o desenvolvimento da cidade do Rio de Janeiro e reverter o processo de decadência. Dentre suas ideias, a educação tem um destaque, o candidato pretende melhorar o ensino básico para crianças e garantir a alfabetização até o fim do fundamental. Afirma que vai aumentar o número de vagas nas creches e escolas em tempo integral, além de garantir o ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena.

Em suas propostas ele apresenta um plano de segurança para ampliar a guarda municipal e reforçar as operações de controle de desordem de armas. Para as contas públicas, Bandeira Melo objetiva a redução de contratações em urgência, sem licitação, e o ajuste fiscal priorizando o gasto com a população mais carente.

Eduardo Paes (DEM) – Eleições RJ 2020

Foto mostra Eduardo Paes, candidato à prefeitura do Rio de Janeiro
Eduardo Paes (Foto: Agência Brasil)

O candidato pelo Partido Democratas (DEM), já ocupou o cargo de prefeito do Rio de Janeiro entre os anos de 2009 e 2016. Paes também já foi vereador, deputado federal e secretário estadual do Turismo, Esporte e Lazer.

Com o menor programa de governo, Eduardo Paes expõe seus projetos em duas páginas apenas.

Nas propostas do candidato, não há um aprofundamento ou medidas concretas a serem realizadas caso ele seja eleito. Dentre os projetos está melhorar a qualidade da educação pública, qualificar melhor a guarda municipal, propõe uma maior aproximação entre o governo municipal e a instancia federal. O candidato pretende também “implantar um plano de ação de alto impacto para os primeiros cem dias da administração com foco na volta às aulas de forma segura frente à pandemia e na recuperação imediata de serviços essenciais para a população nas Clínicas da Família, nas UPAs e nos BRTs”.

Por fim, o candidato conclui dizendo que se compromete a cumprir com seus projetos e com seu programa se for eleito.

Fred Luz (Novo)

Foto mostra Fred Luz, candidato à prefeitura do Rio de Janeiro
Fred Luz (Foto: Facebook/Reprodução)

O plano de Fred Luz afirma que terá como prioridade a saúde, a segurança, a educação, o desenvolvimento econômico e o desenvolvimento social. Para isso, ele afirma que terá que resestruturar a cidade do Rio de Janeiro.

Entre os projetos, o programa frisa que vai focar no individuo como agente da mudança, além de descentralizar a politica e apoiar o livro mercado. Ele afirma também que irá dizer “não à politicagem” na gestão pública, e determinando “tolerância zero com a corrupção”.

Pretende também aplicar tecnologia e digitalização do governo. Menor custo, mais transparência, menos burocracia. Na saúde propõe a integração e transparência no sistema de fila de atendimento (Sisreg).

Glória Heloiza (PSC) – Eleições RJ 2020

Foto mostra candidata a prefeitura do Rio de Janeiro
Glória Heloíza (Foto: Agência Brasil)

A candidata Glória Heloíza era juíza titular da 2ª Vara da Infância, do Adolescente e do Idoso no Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ). Mas se afastou do cargo para concorrer a prefeitura do Rio de Janeiro pelo Partido Social Cristão (PSC).

Seu programa reafirma os valores cristãos, Propõe a uma “redução agressiva de despesas com pessoal”.

Na educação quer promover 100% da rede pública com ensino integral. Além de tornar o ensinamento pragmático e retirar debates ideológicos desnecessários.

Seu projeto tem enfoque na segurança pública. Tem propostas específicas para a atuação da Guarda Municipal, com a ampliação do efetivo, treinamento e capacitação, inclusive equiparando a formação dos guardas a um curso de nível superior.

Henrique Simonard (PCO)

Foto mostra Henrique Simonard
Henrique Simonard (Foto: Reprodução/Youtube)

Com 22 anos, Henrique Simonard é o candidato à prefeitura pelo Partido da Causa Operária (PCO). Nascido no Rio de Janeiro, foi candidato a deputado estadual em 2018, mas não foi eleito.

O plano de Henrique Simonard é um projetos propriamente ditos. Assim como em candidaturas para outras cidades, o programa de governo é um manifesto coletivo do partido, não do individuo em si.

O partido defende em suas propostas a necessidade de uma revolução socialista para acabar com as desigualdades sociais. Além disso, a classe trabalhadora deve estar a frente dessa luta para conquistar melhorias na qualidade de vida e cessar a exploração. Dentre as propostas pontuais estão a redução da jornada de trabalho para 36 horas, sem redução salarial; a descriminalização do aborto; e a não-privatização da Saúde. Além do livre acesso à universidades públicas e o fim das escolas militares.

Luiz Lima (PSL) – Eleições RJ 2020

Foto mostra Luiz Lima
Luiz Lima (Foto: Luis Macedo/Divulgação/Câmara dos Deputados)

O candidato pelo Partido Social Liberal já foi nadador profissional, participou dos Jogos Olímpicos de Atlanta 1996 e Sidney 2000. Foi também secretário nacional de Esportes de Alto Rendimento. Além disso, Luiz Luz cumpre seu primeiro mandato politico como deputado federal.

Um de seus projetos é a privatização da Cidade do Samba e do Sambódromo. Além de incentivar o retorno da Fórmula 1 à cidade com a construção de um novo autódromo.

Propõe um clube escolar  para incentivar a prática esportiva no contraturno escolar e estimular. Além da descentralização da gestão de verbas, aumentando a participação das direções das unidades. Pretende realizar a abertura das escolas depois de ficarem fechadas por conta da pandemia.

Paulo Messina (MDB)

Foto mostra Paulo Messina
Paulo Messina (Foto: Divulgação)

O parlamentar, Paulo Messina, de 45 anos, é matemático e professor. Atualmente cumpre seu terceiro mandato como vereador do Rio de Janeiro. É candidato à prefeitura pelo O Movimento Democrático Brasileiro (MDB). A candidata a vice na chapa é a psicóloga Sheila Barbosa.

Propõe a universalização do atendimento escolar da população de 4 e 5 anos até 2022. Efetivar o Plano de Cargos e Salários da Saúde (PCCS). Além da Expansão do tempo integral na rede municipal

Pretende que a prefeitura tenha maior controle da gestão das unidades de saúde e da fiscalização do trabalho das Organizações Sociais de Saúde (OSs).

Renata Souza (PSOL)

Foto mostra Renata Souza
Renata Souza (Foto: Facebook/Reprodução)

A candidata do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), Renata Souza nasceu no complexo da Maré. É jornalista e doutora em Comunicação e Cultura. Ademias, atuou como chefe de gabinete da vereadora Marielle Franco, assassinada em 2018.

Renata pretende reinvestir em programas como o Renda Básica Carioca (de auxílio financeiro para famílias mais pobres) e o Habita Rio (com a construção de 100 mil casas). Propõe a gratuidade do BRT e do VLT, além da redução da tarifa dos ônibus.  Além a zerar a fila de espera por creches.

Se compromete a fazer um pacto municipal de igualdade de gênero e raça; e outro de redução da violência urbana e doméstica. Além de afirmar que quer que a prefeitura assuma o controle da bilhetagem para reduzir a passagem e fazer a integração tarifária com metrô e trem.

Suêd Haidar (PMB)

Foto mostra Suêd Haidar
Suêd Haidar (Foto: Instagram/Reprodução)

A ativista Suêd Haidar nasceu no Maranhão, mas mudou-se para o Rio em 1977. A candidata concorre pelo Partido da Mulher Brasileira (PMB), da qual é presidente e fundadora.

A candidata afirma que quer priorizar na luta pelos direitos humanos, pela liberdade e na desigualdade de gênero. Além de se comprometer a alcançar o empoderamento econômico para mulheres. O combate a corrupção também é um de seus ideais.

Uma de suas pospostas é colocar os horários de creche das 6h45 às 19h, ampliação do número de creches nos bairros e facilitação da criação de creches em bairros para otimizar a cobertura das demandas. Também pretende fazer o conselho de governança cidadã, com participação popular.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes