Como cultivar rosas: passo a passo para jardins e vasos

As rosas sempre foram muito admiradas pela sua beleza e perfume, sendo normalmente oferecidas em buquês, mas que tal ter uma roseira na sua casa? Independente do seu espaço disponível, você pode começar já a cultivar suas próprias rosas.

0 3.442

A humanidade vem aprendendo como cultivar rosas desde a antiguidade: sua primeira aparição, na Ásia, aconteceu há aproximadamente 5.000! Na sequência, a flor se espalhou pelo mundo e hoje em dia está presente em todas as culturas.

Ainda que seja mais conhecida por sua beleza, a rosa, como muitas outras plantas medicinais presentes em nossas vidas, também é rica em propriedades terapêuticas. Logo, dela são feitos diversos produtos para uso tópico com propriedades anti-séptica, bactericida e cicatrizante.

Além disso, algumas variedades são comestíveis e ricas em vitaminas, deixando pratos mais belos e nutritivos. Sendo assim,  cultivar rosas é uma forma de trazer mais beleza e saúde para sua vida.

 

Do que as rosas gostam?

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Independente do espaço em que você vai plantar a sua rosa, existem coisas que sempre devem ser levadas em consideração. As rosas são plantas delicadas e é necessário criar um ambiente propício ao seu crescimento.

Para que as rosas gostem do local onde você irá planta-las, você deve garantir que:

  • o temperatura seja amena (o clima perfeito para as rosas varia entre 25ºC e 30ºC)
  • a incidência solar seja boa (rosas gostam de tomar de 5 a 7 horas de sol por dia)
  • o vento não seja forte
  • o solo esteja sempre rico em matéria orgânica e adubo
  • elas sejam podadas

Agora vamos para o passo a passo do plantio, seja no seu jardim ou em um vaso.

 

Como cultivar rosas no jardim

 

  1. Escolha o local do jardim onde irá cultivar rosas de acordo com o clima da região onde você mora. Se o clima é mais quente, um lugar de meia sombra. Se o clima é mais frio, um lugar abrigado do vento. Evite proximidade de arbustos e árvores que possam roubar a luz ou os nutrientes da terra.
  2. Prepare o canteiro uma semana antes do plantio. Use 10 litros de água e 10 litros de adubo.
  3. Cave um buraco com 30 centímetros de profundidade e acomode a muda nele.
  4. Vá preenchendo com terra, começando pelo entorno da raiz.
  5. Continue cobrindo até que o ponto de enxerto fique 1 centímetro para fora da terra. Esse ponto fica na junção da raiz com o galho principal da muda.
  6. Repita a adubação no inverno e no verão.

 

 

como cultivar rosas 2

 

Como cultivar rosas em vasos

 

Plantio de muda de roseira

 

  1. Escolha um local da casa que receba luz solar por aproximadamente 6 horas por dia e que seja abrigado do vento.
  2. Escolha um vaso com furos e de tamanho proporcional ao da variedade de rosa que você pretende plantar. Por exemplo, para a variedade biscuit ou minirrosa, um vaso de 15 centímetro está de bom tamanho. No entanto, para as variedades grandes, como as arbustivas ou trepadeiras, você precisará de um vaso de 30 litros.
  3. Coloque algumas pedras no vaso para facilitar a drenagem e prepare-o forrando com uma mistura de partes iguais de terra e adubo.
  4. Acomode a muda.
  5. Vá preenchendo com a mistura, começando pelo entorno da raiz.
  6. Continue cobrindo até que o ponto de enxerto fique 1 centímetro para fora da terra. Esse ponto fica na junção da raiz com o galho principal da muda.
  7. Use um adubo líquido a cada 15 dias, conforme instruções do fabricante.

Plantio de uma flor

 

Você sabia que pode plantar as flores de rosa que ganhar? Você só precisa de uma batata e uma garrafa PET! Veja como é simples:

  1. Remova todas as folhas do galho da rosa e corte-o 4 centímetros abaixo da flor, em um ângulo de 40 graus.
  2. Pegue uma batata e faça um furo nela o mais próximo possível do tamanho do cabo da rosa, para que ao espetá-lo ele fique bem firme.
  3. Siga todos os passos de plantio da muda de roseira em vaso acima, usando a batata com a rosa espetada no lugar da muda.
  4. Faça uma estufa para sua rosa cortando o fundo da garrafa PET e colocando-a sobre a flor.

E agora que você já sabe como plantar sua rosa, precisa aprender a fazer a manutenção da sua roseira.

 

como cultivar rosas 3

 

Manutenção das rosas

 

Como regar

 

Até a primeira floração começar, as rosas devem ser regadas diariamente no horário de sol mais forte. Mas atenção: as rosas não gostam de muita água, por isso, não exagere. Após a primeira floração, você pode regar uma vez por semana no inverno e duas no verão.

 

Como podar

 

Não se pode falar em como cultivar rosas sem falar de poda.  Dessa forma, a poda anual das roseiras é fundamental para a saúde das roseiras e deve acontecer entre 21 e junho e fim de agosto.  Use sempre uma tesoura de poda bem afiada para não esmagar o tecido vascular das plantas e corte sempre na diagonal

 

Ramos secos

 

Antes de mais nada, é preciso remover todos os ramos secos, com deformidades ou pouco desenvolvimento. Os ramos mestres (que saem da terra) que estiverem secos devem ser podados deixando 2 centímetros para fora da terra. Os ramos secundários (que brotam dos mestres) que estiverem secos devem ser completamente removidos

 

Ramos saudáveis

 

Faça a poda 2 centímetros acima da terceira gema (o ponto do ramo a partir do qual surgem brotações, parece um espinho, mas não tem ponta). Sempre deixe esses 2 centímetros porque a ponta do ramo cortada vai secar um pouco após a poda e você não quer que a gema seque, o que faria com que não houvessem novas brotações.

Uma boa poda é o que garante o sucesso de uma roseira: em 15 dias deverão surgir os primeiros brotos. Em 60 dias, a floração.

 

Poda de Limpeza

 

Sempre que julgar necessário, faça uma poda de limpeza para eliminar ramos improdutivos ou mortos e estimular o crescimento da roseira. Corte esses ramos sempre deixando 2 centímetros de suas gemas.

 

Fungicidas e Inseticidas

 

Existem muitas pragas causadoras de doenças nas roseiras: ácaros, pulgões, cochonilhas, larvas mineradoras e tripes. Mas lembre-se de que as rosas são bastante delicadas: você terá de usar sempre produtos específicos para elas. Todavia, se você busca uma alternativa mais natural, pode borrifar a planta com cauda de fumo, a ser feita em casa.

 

Se você quiser um visual um pouco mais exótico para sua casa, conheça também a rosa-do-deserto, a irmã saariana da rosa comum. Porém, você quiser ainda mais ideias de como usar plantas pra decorar sua casa, nós reunimos algumas sugestões para você nesse artigo. Divirta-se!

 

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes