História novela Cara e Coragem: autora Claudia Souto revela inspiração

Folhetim substitui Quanto Mais Vida Melhor na faixa das 19h.

Claudia Souto revelou quais foram suas principais inspirações para a história da novela Cara e Coragem. A trama é a próxima a ocupar a faixa das 7 e irá estrear no dia 30 de maio. Estrelado por Paolla Oliveira, Taís Araújo e Marcelo Serrado, o folhetim se passará no mundo dos dublês.

Quais as inspirações de Claudia Souto para a história da novela Cara e Coragem

Entre as inspirações que fizeram Claudia Souto montar a história da novela Cara e Coragem, a autora revelou em a coletiva de imprensa virtual, realizada dia 16 de maio, que sempre foi fascinada pelo trabalho dos dublês nos sets em que participou ao longo da carreira. Em especial, Souto esteve muito presente nas gravações da série de comédia infantil Bambuluá, estrelada por Angélica, e ficou impressionada pelo trabalho do dublê Jorge Só, que também contava com a parceria dos filhos no projeto.

Bambuluá foi ao ar no começo dos anos 2000, muito antes da autora pensar na história da novela Cara e Coragem, mas a inspiração continuou presente na mente da roteirista. Em outras produções que trabalhou durante os anos, Claudia Souto observou de perto a coragem de dublês que se arriscavam para levar realismo para as telinhas.

“Essa galera ainda não foi retratada nas novelas e é um monte fascinante”, comentou Claudia Souto, antes de completar: “eles estão nas telas, mas são anônimos. Desde lá [Bambuluá], sempre fiquei fascinada pelo trabalho dos dublês”.

Para conseguir retratar bem este universo, Claudia Souto foi atrás de dublês na vida real para conversar sobre o ofício. Ela teve contato com profissionais da área no Brasil e também nomes internacionais, como o dublê Bobby Holland, responsável pelas cenas do ator Chris Hemsworth por mais de 10 anos como Thor nos filmes da Marvel.

Claudia Souto revelou também que antes de pensar nos personagens de uma trama, ela primeiro decide qual será o tema principal abordado. No caso da nova novela das 7, foi “coragem”. Como exemplo, ela contou que para Pega Pega em 2017, seu tema principal era “ética”.

Com a história da novela Cara e Coragem, ela deseja falar sobre a coragem de realizar as pequenas decisões do dia a dia, como também a de se arriscar pela vida que você deseja conseguir. “A coragem de criar o filho, de se arriscar em uma entrevista de emprego, de deixar uma relação desgastada para trás, etc”, explicou.

A autora revelou que o título provisório da novela era Amor em Ação, porém, depois foi decidido junto a direção do núcleo de teledramaturgia da Globo que o nome da novela estaria relacionado a história da novela e seria Cara e Coragem.

Qual a história da novela Cara e Coragem?

O foco principal da história da novela Cara e Coragem acontece em dois núcleos aparentemente distintos, que acabam se juntando. Primeiro são apresentados os dublês de ação Moa (Serrado) e Pat (Oliveira). Em seguida, o público conhece Clarice, da família Gusmão, que é presidente de uma siderúrgica que trabalha em uma fórmula secreta que promete ser poderosa.

Quando documentos importantes da empresa de Clarice acabam perdidos em um lugar de difícil acesso, a executiva contrata Moa e Pat para realizar um serviço e recuperar os arquivos. Pouco depois, Clarice morre de forma trágica e quem ganha destaque na trama é Anita, mulher que tem a mesma aparência que a falecida e pode ser peça chave para desvendar o mistério que ronda a morte de Clarice.

Confira as primeiras cenas da trama:

Novelas Claudia Souto fez

Além de Cara e Coragem, a única novela que Claudia Souto lançou sozinha até hoje foi Pega Pega. Lançada em 2017, a trama seguia o roubo de um hotel importante e luxuoso durante uma festa de gala. O plano foi arquitetado pelo astuto Malagueta (Marcelo Serrad0) e seguido por outros funcionários do local, como Júlio (Thiago Martins), Agnaldo (João Baldasserini) e Helena (Nanda Costa).

Vanessa Giácomo era a policial Antônia, que investigava o caso e perseguia o grupo, mas acabava apaixonada por Júlio, um dos ladrões. Eric (Mateus Solano) era o empresário que há pouco havia adquirido o lugar e se envolvia com Luiza (Camila Queiroz), a neta do antigo dono, Pedrinho Guimarães (Marcos Caruso).

Apesar de a história de Cara e Coragem ser a segunda novela solo de Claudia Souto, a autora já trabalhou em outros folhetins da casa. Ela esteve no time de roteiristas colaboradores de Caras & Bocas (2009 – 2010) e Morde & Assopra (2011), ambas de Walcyr Carrasco. Claudia está na emissora há mais de duas décadas, ela entrou no canal para trabalhar na série Flora Encantada no final dos anos 1990 e desde então não deixou a Rede Globo.

Claudia souto
Claudia souto é a autora da história da novela cara e coragem – foto: reprodução/globo

 

Leia também

Personagens Cara e Coragem: conheça quem é quem no elenco da trama das 7

Você pode gostar também